Moedas douradas de bitcoin sob a mesa
Shutterstock

O bitcoin atingiu o marco histórico de R$ 100 mil no Brasil após uma valorização de 3,57% nesta sexta-feira (20), conforme o índice do Portal do Bitcoin. Em dólar, o criptoativo bateu US$ 18.626 — 8% abaixo do topo histórico na moeda americana.

O movimento é decorrente do crescente interesse de Wall Street pelo ativo.

Publicidade

A máxima ocorre após 11 semanas seguidas de valorização, sem fortes quedas ou alta brutais. O preço no Brasil foi empurrado por um real enfraquecido, cotado a R$ 5,37. Na grande febre de 2017, a criptomoeda bateu R$ 25 mil por aqui, mas o cenário era outro, com um dólar a R$ 3,30

Ao contrário da última grande alta, uma diferente importante é chegada dos chamados investidores qualificados ou institucionais. A entrada de grandes investidores institucionais também é um fator que está movimentando o mercado no segundo semestre.

Dando início a uma nova tendência, em setembro, a empresa MicroStrategy anunciou a compra de US$ 425 milhões em bitcoin. Essa foi a primeira compra pública de uma empresa listada na bolsa dos EUA.

Seguindo o exemplo, a Square, que tem como cofundador Jack Dorsey, criador do Twitter, também anunciou a compra de US$ 50 milhões em bitcoin.

Paypal também entrou na jogada. O gigante do mercado de pagamentos digitais anunciou que permitirá que seus clientes comprem, mantenham e vendam bitcoin e várias outras criptomoedas diretamente por meio de suas contas.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Polícia da Alemanha movimenta R$ 712 milhões em Bitcoin e faz depósitos em corretoras

Polícia da Alemanha movimenta R$ 712 milhões em Bitcoin e faz depósitos em corretoras

Dois depósitos foram feitos para a Kraken e Bitstamp e indicam que as autoridades alemãs começaram a vender parte dos 50 mil BTC que controlam
Homem preso com as mãos algemadas nas costas

Polícia do Rio prende suspeitos de integrar quadrilha especializada em golpes com criptomoedas

Operação ‘Investimento de Araque’ foi deflagrada nos estados do Rio, Amazonas e Pará; suspeitos movimentaram mais de R$ 15 milhões em dois anos
Bitcoin em gráfico de alta com seta azul apontado para o alto

Bernstein eleva projeção e vê Bitcoin em US$ 200 mil até 2025

Para o longo prazo, os analistas preveem que cada Bitcoin pode valer US$ 500 mil até o final de 2029 e US$ 1 milhão até 2033
Fotos dos equipementos de mineração de criptomoedas operados com furto de eletricidade em Canela, RS

Polícia Civil do RS fecha fazenda de mineração de criptomoedas que lucrava R$ 400 mil por mês

Além de crime de furto de energia, casal preso responderá por porte ilegal de arma e lavagem de dinheiro