Imagem da matéria: Empresa de criador do Twitter compra US$ 50 milhões em bitcoin
Criador do Twitter e cofundador da Square, Jack Dorsay (Foto: Shutterstock)

A empresa de pagamentos Square investiu US$ 50 milhões em Bitcoin, de acordo com um anúncio divulgado nesta quinta-feira (08). Ela comprou 4.709 Bitcoin, com 1% dos ativos da empresa.

“Acreditamos que o bitcoin tem potencial para ser uma moeda mais onipresente no futuro”, disse o diretor financeiro da Square, Amrita Ahuja. “À medida que cresce a adoção, pretendemos aprender e participar de forma disciplinada. Para uma empresa que está construindo produtos com base em um futuro mais inclusivo, este investimento é um passo nessa jornada. ”

Publicidade

A Square é propriedade de Jack Dorsey, CEO do Twitter, que também possui o CashApp, um aplicativo que busca facilitar a vida do usuário que quer investir em bitcoin. Dorsey já deixou público em março de 2019 que ele compra semanalmente US$ 10 mil em bitcoin através do CashApp.

A Square investe em criptomoedas há algum tempo. Ela criou a Square Crypto, um braço de criptomoedas da empresa, em março de 2019 para dar suporte ao desenvolvimento da rede Bitcoin.

Sobre a o investimento com capital da empresa, esse é um movimento iniciado no mês passado pela MicroStrategy, que realizou duas compras milionárias de bitcoin totalizando US$ 425 milhões.

Na época, o CEO Michael Saylor disse que “Até o momento, compramos um total de 38.250 bitcoins a um preço de compra agregado de US$ 425 milhões, incluindo taxas e despesas”.

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de Bitcoin ao lado de letreiro com ETF

Estado dos EUA investe R$ 510 milhões em ETF de Bitcoin da BlackRock

O investimento foi confirmado hoje pelo Conselho de Investimentos do Estado de Wisconsin (SWIB)
Imagem da matéria: '101 Perguntas sobre Bitcoin': Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

‘101 Perguntas sobre Bitcoin’: Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

A obra discorre os princípios técnicos da moeda até suas implicações socioeconômicas no contexto atual, de modo a proporcionar um entendimento profundo ao público geral
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas