Imagem da matéria: AMC e Sony irão distribuir 86 mil NFTs do novo filme do Homem-Aranha
Foto: Shutterstock

A rede de cinemas AMC e Sony Pictures anunciaram no domingo (28) uma promoção conjunta para distribuir 86 mil tokens não fungíveis (ou NFTs, na sigla em inglês) exclusivos para quem reservar ou adquirir ingresso antecipado para sessões de estreia de “Homem-Aranha: sem Volta para Casa”.

No entanto, logo após o anúncio, o aplicativo de ingressos da rede de cinemas caiu e pôs alguns visitantes em longas filas logo após o início das vendas.

Publicidade

Ainda não se sabe exatamente se a culpada foi a promoção de NFTs e Adam Aron, CEO da AMC, pediu desculpas pelos longos intervalos de espera causados pelos “volumes imprevisíveis”.

De acordo com Aron, a bilheteria online da empresa disparou “para [o volume] mais alto em toda a história da AMC”.

Conforme a demanda pela tão antecipada première disparou, muitos sites americanos de bilheteria, incluindo Atom Tickets, Fandango e MovieTickers.com, também passaram por problemas técnicos.

NFTs são tokens criptograficamente exclusivos e ligados a conteúdos digitais ou físicos, fornecendo prova de governança. Alguns casos de uso dos NFTs incluem obras de arte, colecionáveis digitais, itens em videogames, música e ingressos para shows.

Publicidade

A promoção do Homem-Aranha, descrita pela empresa como “a primeira desse tipo por uma exibidora cinematográfica”, tem como alvo inscritos no Stubs Pemiere, A-List e AMC Investor Connect, oferecendo mais de 100 designs criados por Cub Studios, um estúdio de animação que já venceu a British Academy of Film and Television Arts (ou BAFTA).

“Nossos convidados dos AMC Theaters e nossos acionistas da AMC Entertainment pediram para que a AMC entrasse no mundo dos NFTs e não poderíamos imaginar uma forma mais perfeita de fazê-lo do que com nossos bons amigos da Sony Pictures”, afirmou Aron.

Conforme explicado pela rede de cinemas, os NFTs do Homem-Aranha serão resgatados por meio da Worldwide Asset Exchange (WAX), uma plataforma blockchain proof-of-stake (PoS), criada especificamente para negociar colecionáveis digitais e itens virtuais.

A grande aposta da AMC nas criptos

A AMC, que opera cerca de 950 cinemas pelo mundo, passou por uma mudança drástica nas receitas ao longo de 2021, conforme o preço de suas ações disparou junto com as da GameStop e das “ações de meme”.

Publicidade

Em setembro, a empresa se tornou a primeira rede de cinemas dos EUA a começar a aceitar bitcoin (BTC), ether (ETH), litecoin (LTC) e bitcoin cash (BCH). Em outubro, a empresa acrescentou dogecoin (DOGE) como uma opção de pagamentos para vales-presente.

Este mês, Aron revelou que, em apenas dois meses, pagamentos com criptomoedas totalizaram 14% de todas as transações online da AMC.

Ele também confirmou que, nos próximos dois a quatro meses, a AMC começará a aceitar shiba inu (SHIB).

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização de Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Logo da ftx, dólares e bitcoin

Analistas preveem alta no mercado cripto com ressarcimento bilionário a clientes da FTX

A FTX deve cerca de US$ 11 bilhões a credores, mas a massa falida conseguiu levantar mais de US$ 14 bilhões
máquinas de mineração de criptomoedas apreenidas em

Polícia apreende 396 mineradoras de Bitcoin em casa de ex-deputado paraguaio

Miguel Cuevas, que já foi preso por enriquecimento ilícito, agora pode também ser investigado por furto de energia
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 61 mil enquanto GameStop agita mercado e faz memecoin subir 363% 

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 61 mil enquanto GameStop agita mercado e faz memecoin subir 363% 

A volta do hype da GameStop desencadeou a criação de milhares de memecoins – uma delas saltou 1.900% na tarde passada
ilustração mostra logo da pepecoin PEPE subindo ao céu

PEPE e BONK valorizam mais de 30% nas últimas 24 horas

Memecoin PEPE bateu sua máxima histórica nesta terça-feira (21), em momento de forte aquecimento do mercado cripto