Imagem da matéria: Youtuber brasileiro acusou LUNA de esquema Ponzi há um mês: "Vai colapsar"
Caio Garé, analista de mercado cripto (Foto: Reprodução/YouTube)

Há um mês , quando o token do projeto Terra (LUNA) valia US$ 88, o YouTuber brasileiro Caio Garé publicou um vídeo (veja abaixo) que se revelou profético. “Terra Luna é um grande esquema Ponzi e pode colapsar”, cravou Garé, se referindo ao tipo de golpe financeiro semelhante a uma pirâmide. Nesta quarta-feira (11), o valor da criptomoeda se aproxima do zero.

Vale ressaltar que, logo no começo do vídeo, Garé explica que a ideia do ecossistema Terra ser um esquema Ponzi de criptomoedas não era dele. Ele cita a aposta de R$ 1 milhão feita entre o trader Sensei Algod e o fundador do projeto, Do Kwon, de que em um ano o preço do token estaria abaixo do que naquele momento.

Publicidade

Mas o YouTuber brasileiro mostra que havia sinais de que algo poderia dar errado. Dos quase US$ 16 bilhões que o projeto Terra mantinha em sua stablecoin UST naquele momento, mais de US$ 11 bilhões estavam dentro do protocolo Anchor.

O investidor que colocasse o dinheiro no Anchor ganharia 19% de juros ao ano, pagos como uma recompensa por deixar seu dinheiro lá enquanto outros tomavam emprestado.

“Porque você quer UST? Eu compro UST para utilizar na Anchor Protocol, já que a Anchor está rendendo 19% ao ano, independente do que aconteça. Se a plataforma está conseguindo pagar é porque existem reservas que estão subsidiando e vão financiando esse sistema”, explica Garé.

Características de Ponzi

O problema é que a plataforma de empréstimos tinha US$ 11 bilhões alocado, mas apenas US$ 2 bilhões tomados de empréstimo. Ou seja, uma hora a conta não iria fechar e a Anchor não teria como pagar os juros prometidos.

Publicidade

O analista lembra que dois aportes já haviam sido feitos na Anchor, um de US$ 50 milhões, em 2021, e outro de US$ 500 milhões, em 2022.

“Então quando compramos UST não percebemos, mas estamos aumentando o valor da LUNA. E isso de quebra aumenta os cofres da Terraform Labs [entidade que controla o ecossistema], que é feito de tokens LUNA”, aponta.

Assim, na análise do youtuber, quanto mais as pessoas usavam UST para ganhar juros na Anchor, mais LUNA aumentava de valor. Isso gerava mais lucros para a Terraform Labs, que continuava bancando a Anchor.

Garé lembra que dois requisitos usados para definir um esquema Ponzi estão presentes: retornos independente do cenário do mercado e dependência de mais pessoas entrando no sistema para que ele se pague.

Publicidade

Um sistema que parecia funcionar perfeitamente – até vir a espiral da morte.

Garé ilustra como o ciclo de Terra LUNA era perfeito até chegar uma espiral de morte (Foto: Reprodução/Youtube)

Espiral da morte

Em análise sobre uma possível situação de espiral da morte de stablecoins, mais precisamente as algorítmicas, como no caso da UST, Garé explica:

“Isso acontece quando outras plataformas pagam melhor do que aquela que usa utiliza UST, logo existe uma fuga de UST. Com a venda de USTs, elas são queimadas e são emitidas novas unidades de Luna no mercado, criando uma inflamação da criptomoeda”, define.

“O resultado disso é uma baixa nos valores de Luna, possibilitando uma pressão de venda. Com os preços caindo, os usuários começam a desconfiar desse algoritmo em manter a promessa de [paridade de] um para um com o dólar”, completa o YouTuber.

Retirada em massa

Já em um outro vídeo, feito na segunda-feira (9), Garé apontou que US$ 5,2 bilhões foram retirados do protocolo Anchor em 72 horas, confirmando o cenário de espiral mortal.

Vale lembrar que, desde segunda, quando Garé fez seu novo vídeo, os tokens derreteram ainda mais. O UST estava valendo US$ 0,84 (no momento da redação deste texto vale US$ 0,67); e o token LUNA valia US$ 60 (agora, é cotado a US$ 1,74).

Publicidade

Quem é Caio Garé

Em seu perfil no YouTube, Caio Garé informa que é advogado e empresário, “mas descobriu no mundo das criptomoedas sua paixão”.

Seu objetivo é ensinar do “zero ao DeFi aqueles que querem aprender a ganhar dinheiro e potencializar seus investimentos nesse mercado volátil e disruptivo”.

Veja o vídeo abaixo:

*Com colaboração de João Pedro Lobo.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: El Salvador já minerou R$ 154 milhões em Bitcoin usando energia de vulcão

El Salvador já minerou R$ 154 milhões em Bitcoin usando energia de vulcão

A mineração de Bitcoin é feita com energia do vulcão Tecapa, usando 300 processadores voltados para essa atividade
Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, casal que lidera a Braiscompany (Foto: Reprodução/Instagram)

MPF faz nova denúncia contra donos da Braiscompany e doleiro por lavagem de dinheiro

Antônio Neto e Fabrícia Farias realizaram operações financeiras de grande porte com características de lavagem de dinheiro em pleno colapso da pirâmide
Cachorro Shiba Inu que inspitou Dogecoin

Kabosu, a cachorrinha que inspirou a Dogecoin, falece aos 18 anos

Kabosu sofria de doença crônica e já era muito idosa; segundo sua dona, a cachorrinha “faleceu silenciosamente”
máquinas de mineração de criptomoedas apreenidas em

Polícia apreende 396 mineradoras de Bitcoin em casa de ex-deputado paraguaio

Miguel Cuevas, que já foi preso por enriquecimento ilícito, agora pode também ser investigado por furto de energia