Imagem da matéria: Telegram Planeja Lançar seu Próprio ICO

A startup Telegram está se preparando para lançar uma criptomoeda baseada no blockchain. O projeto será iniciado através de uma oferta inicial de moedas (ICO).

Telegram pretende lançar Blockchain e Criptomoeda

O “Gram”, que funcionará como a moeda nativa do Telegram Open Network (TON), será integrada diretamente na plataforma Telegram, permitindo que a plataforma alavanque os 180 milhões de usuários do aplicativo e evite algumas das dificuldades associadas ao alcance de uma crítica massa de usuários.

Publicidade

A notícia foi primeiro anunciada pela TechCrunch, cuja equipe revisou o whitepaper de 132 páginas do Telegram.

O documento descreve o TON como um “blockchain de terceira geração” que consistirá em uma cadeia mestre e 2 outras como motor para outras 92 que acompanham o blockchain.

“Seu aspecto mais notável é que ele terá um ‘Infinite Sharding Paradigm’ para alcançar escalabilidade. Assim, os blockchains da TON pretendem “separar e fundir automaticamente para acomodar as mudanças de carga”. Isso significaria que novos blocos são gerados rapidamente e “a ausência de longas filas ajuda a manter os custos de transação baixos, mesmo que alguns dos serviços que usam a plataforma se tornem muito populares”, a publicação informa, citando o whitepaper.

Os desenvolvedores afirmam que o TON pode processar 1 milhão de transações por segundo, o que manterá as taxas de transações mínimas e tornará o Gram prático para micropagamentos.

Telegram quer quebrar recordes de arrecadação

A pré-venda do ICO do Telegram sozinha poderia atingir até US$ 500 milhões, o que é mais do que o dobro dos US$ 257 milhões arrecadados pela Filecoin no ano passado. Ao contrário da maioria dos ICOs, o Telegram planeja exigir que os investidores contribuam com moeda fiduciária, não com ether ou bitcoin como a maioria dos outros. Isso pode ser um fator prejudicial.

Publicidade

Além de sua utilidade como rede de pagamentos, a TON também contará com um serviço de DNS para permitir que os usuários acessem serviços descentralizados com uma interface semelhante à de uma página da Web.

De acordo com um roteiro publicado no whitepaper, o Telegram espera lançar um produto mínimo viável (MVP) já no primeiro trimestre deste ano, embora uma plataforma completa não seja divulgada até pelo menos no segundo trimestre de 2019.

Leia Também: Microsoft Não Aceita mais Bitcoin

 

BitcoinTrade

A primeira plataforma Brasileira que você pode comprar com segurança utilizando o seu Cartão de Crédito como forma de pagamento. Eles aceitam Visa e Mastercard. A BitcoinTrade ainda conta com certificação de segurança PCI Compliance, a única no Brasil. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Criptomoedas formam círculo com bitcoin no centro

Alta do Bitcoin torna criptomoedas o investimento mais buscado no Brasil em março

As criptomoedas superaram os CDBs e fundos de ações e multimercado no ranking do buscador de investimentos Yubb
Imagem da matéria: Dogwifhat (WIF) cai 15% em meio à fase de baixa das memecoins

Dogwifhat (WIF) cai 15% em meio à fase de baixa das memecoins

Dogwifhat (WIF) caiu dois dígitos durante a noite e continua a se distanciar de sua máxima histórica
Imagem da matéria: Os NFTs ficaram para trás com boom do Bitcoin – mas a Animoca ainda acredita nos tokens

Os NFTs ficaram para trás com boom do Bitcoin – mas a Animoca ainda acredita nos tokens

Na Paris Blockchain Week, o presidente da Animoca Brands, Yat Siu, discutiu a regulamentação da SEC, o ressurgimento do mercado de NFT e as finanças de sua empresa
Imagem da matéria: Correlação entre Bitcoin e Ether está prestes a passar por "cruz da morte"; entenda os efeitos

Correlação entre Bitcoin e Ether está prestes a passar por “cruz da morte”; entenda os efeitos

A “cruz da morte” poderá frear os avanços do Ethereum e demais altcoins