Imagem da matéria: Semana Cripto: Bitcoin atinge melhor preço em 18 meses e Solana dispara 43% na semana
Foto: Shutterstock

A empolgação no mercado de criptomoedas parece não ter fim. O Bitcoin (BTC), após uma desaceleração na última semana, continuou a disparar para cima, atingindo a maior alta em 18 meses na quinta-feira (9), quando ultrapassou os US$ 37 mil devido ao otimismo em torno da possível aprovação nos EUA de um ETF de Bitcoin à vista.

O aumento do Bitcoin, provavelmente impulsionado por uma nota de analistas da Bloomberg Intelligence que afirmam que a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) agora tem uma janela de oito dias para aprovar as solicitações de um ETF de Bitcoin, arrastou o restante do mercado junto. Nos últimos sete dias, o BTC subiu quase 6%, sendo negociado neste domingo (12) a US$ 37.075, de acordo com o CoinGecko.

Publicidade

Várias grandes altcoins também registraram ganhos, com a Solana (SOL) liderando e continuando sua aparentemente imparável ascensão. Na sexta-feira, a moeda estava se aproximando da capitalização de mercado do USDC. Neste domingo, SOL está se aproximando de US$ 60, sendo negociado a US$ 59,19 – um aumento semanal de mais de 43%.

A SOL tem mantido sua própria valorização, subindo 174% nos últimos 30 dias, sem que nenhuma outra grande moeda ou token tenha experimentado ganhos semelhantes. Especialistas afirmam que isso se deve provavelmente a uma pressão de compra causada por vendedores a descoberto saindo de suas posições. Além disso, a blockchain é rápida e econômica, o que renovou o interesse das instituições.

O Ethereum, a segunda maior criptomoeda, também teve um desempenho positivo, ultrapassando a marca de US$ 2 mil pela primeira vez desde julho; atualmente, está com 9,4% de ganho na semana.

Em outros lugares, altcoins aparentemente mais silenciosas tiveram um ressurgimento: a Chainlink (LINK) teve um aumento de 32% em sete dias, tornando-se o segundo melhor desempenho depois da SOL entre as 20 principais moedas, sendo negociado atualmente a US$ 15,79 por token.

Publicidade

Esse aumento é parcialmente atribuído ao anúncio de uma reformulação da Digital Asset Broker (DAB) da empresa britânica de telecomunicações Vodafone; a DAB está utilizando a rede da Chainlink para melhorar a transferência de documentos.

Sui (SUI) também teve um ressurgimento discreto: o token da blockchain lançado no ano passado por ex-engenheiros da Meta subiu mais de 22% nos últimos sete dias, alcançando US$ 0,60.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

Aprovado na Câmara esta semana, o projeto FIT21 visa regular o setor de criptomoedas dando segurança para consumidores e estimulando empreendedores
hackers em frente a computadores

Exchange de criptomoedas Rain perde US$ 14,8 milhões em ataque hacker

A exchange disse que já tomou as medidas necessárias e que todas as sua atividades estão funcionando normalmente, inclusive saques
busto de homem engravatado simulando gesto de pare

CVM proíbe corretora de criptomoedas e forex de captar clientes no Brasil

O órgão determinou, sob multa diária de R$ 1 mil, a imediata suspensão de qualquer oferta pública de valores mobiliários pela Xpoken
Imagem da matéria: Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Em maio de 2022, o ecossistema da Terra (LUNA) entrou em uma “espiral da morte” que levou uma das criptomoedas consideradas mais promissoras daquele ano a cair para zero em 24 horas