Imagem da matéria: Ripple tem forte alta; Bitcoin e criptomoedas continuam estabilizados

XRP, o token da Ripple, subiu mais de 20% nas últimas 24 horas. Após algumas semanas na casa dos US$ 0,45, a criptomoeda teve uma forte valorização e chegou a ser negociada acima dos US$ 0,56.

Qual foi o motivo da alta?

Ao longo da semana passada, a Ripple teve algum progresso em relação à adoção e integração de seus produtos de liquidez baseados em blockchain.

Publicidade

Na Conferência Econômica Global Islâmica de 2018, Dilip Rao, chefe global de infra-estrutura da Ripple, divulgou os planos da empresa de expandir para o Oriente Médio, estabelecendo um escritório em Dubai.

“Eu acho que o governo dos Emirados Árabes dizendo que 50% de todas as transações do governo serão em tecnologia de contabilidade distribuída até 2020 é uma maneira fantástica de incentivar a inovação.”

Rao afirmou que as instituições financeiras da Arábia Saudita, Kuwait, Bahrein e Omã já começaram a utilizar XRP para processar pagamentos transfronteiriços ou executar testes-piloto na rede blockchain de Ripple.

O progresso nos planos da Ripple Labs para expandir seu alcance em toda a Ásia e incentivar a adoção da XRP poderia ter contribuído para a recuperação de curto prazo do ativo digital nos últimos dias.

Publicidade

O movimento vai continuar?

De acordo com Hsaka, um trader de criptomoedas, a forte alta do XRP não é necessariamente inesperada devido ao período de consolidação de 20 dias que ela passou.

Mas, enquanto o ímpeto do XRP permanece forte, o analista afirmou que permanece incerto se a Ripple pode estender o movimento ao longo das próximas 12 a 24 horas.

Mercado de criptoativos tentando retomar crescimento

Enquanto a Ripple vive um bom momento, o bitcoin amargura tempos de estabilidade. No Brasil, o BTC é negociado a R$ 23.916 e caminha para quase 30 dias abaixo dos R$ 25 mil.

Algumas outras criptomoedas, na última semana, tiveram valorizações superiores a 10%. O maior destaque é do Bitcoin Cash, que valorizou 35% enquanto aguarda o seu novo hard fork, programado para acontecer ainda em novembro. Stellar, Litecoin, Cardano e IOTA também operam em alta na semana.

Publicidade

Com o mercado levemente mais otimista, a capitalização das criptomoedas voltou a ficar acima dos US$ 215 bilhões.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil
Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

Talvez você queira ler
Ricardo e Camila, criadores do projeto Bitcoin é Aqui posam para foto

Conheça a pequena cidade brasileira que se tornou local com maior taxa de adoção do Bitcoin no mundo

Município do Rio Grande do Sul adota o Bitcoin como meio de pagamento para cortes de cabelo e cafés e chegando até em terrenos
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 43 mil; CEO do JPMorgan diz que acabaria com as criptomoedas se tivesse poder 

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 43 mil; CEO do JPMorgan diz que acabaria com as criptomoedas se tivesse poder 

Jamie Dimon, CEO do JPMorgan, disse a parlamentares dos EUA que fecharia a indústria cripto se fosse o governo
Ilustração mostra mãos segurando moeda de bitcoin entre o polegar e o indicador

Bitcoin Core lança nova versão com atualização dos nós para resistência à censura

Nova versão do Bitcoin Core prevê uma alteração na forma como são criptografados os nós da blockchain para torná-la mais resistente à censura
Imagem da matéria: Semana Cripto: Bitcoin segue em alta e flerta com US$ 40 mil; mania das memecoins retorna com Elon Musk e Charlie Munger

Semana Cripto: Bitcoin segue em alta e flerta com US$ 40 mil; mania das memecoins retorna com Elon Musk e Charlie Munger

Na última semana os investidores voltaram suas atenções para o Bitcoin e uma série de obscuras memecoins