Desenho de uma caixa sustentada por paraquedas
Foto: Shutterstock

Foi um grande ano no mundo das criptomoedas para quem queria dinheiro grátis. Em todas as redes de blockchain, muitos projetos e protocolos tentaram resistir ao mercado em baixa, distribuindo gratuitamente, e aos montes, tokens nativos gratuitos para usuários fiéis por meio de airdrops.

Ao todo, os 50 maiores airdrops deste ano distribuíram cerca de US$ 4,56 bilhões em tokens gratuitos para usuários de cripto e de finanças descentralizadas (DeFi), de acordo com a análise do CoinGecko

Publicidade

Confira agora os airdrops de 2023 que chegaram ao topo da lista, com base no valor máximo de cada token ao longo deste ano.

Arbitrum: US$ 1.969 bilhões

Este ano, a rede de escalonamento do Ethereum, a Arbitrum, conquistou o ouro com o lançamento em grande escala do seu token de governança nativo, o ARB.

Em março, a Arbitrum lançou o ARB com airdrops que inicialmente infundiram projetos e DAOs construídos na rede de segunda camada com centenas de milhões de dólares em tokens gratuitos. Os projetos que se beneficiaram desses primeiros airdrops incluíram Treasure DAO, SushiSwap, Dopex, Radiant, Balancer e Uniswap.

Esses airdrops distribuíram quase US$ 2 bilhões em tokens ARB para projetos da Arbitrum e membros da comunidade — uma soma impressionante. E a jogada pareceu valer a pena: o valor total bloqueado (TVL) na rede quase dobrou desde o início dos airdrops, chegando a US$ 2,5 bilhões, de acordo com a DeFi Llama.

Publicidade

Os recentes ganhos de preço do ARB aumentaram ainda mais esse valor. Depois de estrear a US$ 1,35 em março, o ARB caiu para menos de um dólar, antes de entrar em uma onda recente de aumento de preços dos tokens de segunda camada do Ethereum. Atualmente, o ARB está em US$ 1,48, segundo o CoinGecko.

Blur: US$ 818 milhões

Muitos airdrops geraram entusiasmo no setor cripto este ano, mas apenas um reformulou o setor de NFTs da noite para o dia. 

O Blur, o novo marketplace de NFTs do Ethereum, abalou o ecossistema de NFTs no final do ano passado, prometendo aos usuários benefícios gamificados com base no volume de transações e eliminando as taxas de criação — um imposto outrora obrigatório que garantia aos criadores de NFTs uma fatia de todas as vendas secundárias.

Quando o tão aguardado primeiro airdrop do Blur para traders foi lançado em fevereiro, alguns usuários — principalmente aqueles que negociavam os mesmos NFTs repetidamente para aumentar suas estatísticas — reivindicaram mais de US$ 1 milhão em tokens cada um. Um segundo airdrop em novembro presenteou os usuários com até US$ 8,4 milhões em BLUR.

Publicidade

Ao todo, o projeto distribuiu tokens no valor de US$ 818 milhões aos usuários em 2023. E, embora grande parte da atividade que esses airdrops recompensaram pareça se dever ao que alguns chamariam de wash trading, ou seja, negociações feitas simplesmente para aumentar seus prêmios, o impacto sísmico do airdrop do Blur dificilmente pode ser subestimado.

Em fevereiro, o Blur aproveitou o impulso de seus airdrops para ultrapassar a OpenSea — a líder reinante e outrora intocável dos negócios de NFT, que desde então enfrentou uma redução brutal. Agora, as taxas dos criadores — que já foram um alicerce do ecossistema de NFT — são uma espécie em extinção.

Celestia: US$ 728 milhões

Apesar de um início bastante fraco para o airdrop da Celestia no final de outubro — período em que o token nativo da cadeia de blocos modular, TIA, não foi reivindicado pela maioria dos possíveis destinatários e a rede ficou sem atividade —, o TIA teve uma incrível recuperação de valor desde então. 

O token foi lançado em 31 de outubro a um preço de US$ 2,18, de acordo com o CoinGecko. Nas semanas seguintes, o preço do TIA dobrou para US$ 4,00 e, em seguida, passou por US$ 6,00, US$ 8,00 e US$ 10,00, atingindo o notável preço atual de US$ 12,83. Na véspera de Natal, chegou a ultrapassar os US$ 15,00.

Esses ganhos compostos elevaram a capitalização de mercado do TIA para US$ 1,88 bilhão em menos de dois meses, e deram aos destinatários de airdrop da Celestia um dos melhores retornos do ano, apesar de o uso real da rede Celestia ainda ser bastante anêmico.

Publicidade

Jito: US$ 312 milhões

O maior airdrop de Solana do ano ocorreu no início deste mês, cortesia da plataforma DeFi Jito. Semanas antes, o projeto anunciou seus planos de lançar um token de governança nativo, o JTO, provocando um frenesi de expectativa no ecossistema Solana, que ganhava impulso.

Quando o airdrop finalmente aconteceu no dia 7 de dezembro, os usuários correram para reivindicar os 90 milhões de tokens JTO que estavam à disposição — arrecadando US$ 225 milhões no primeiro dia. Esse valor coletivo saltou para US$ 312 milhões até o momento, no preço máximo. O token Solana DeFi permaneceu razoavelmente consistente em termos de preço desde o lançamento, a US$ 2,49, estando em US$ 2,46 no momento da escrita.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
hamster kombat jogo telegram

Hamster Kombat: Veja o Daily Combo e Cipher Code desta quinta (18)

Procurando o combo diário e o código cifrado de quinta-feira, 18 de julho? Aqui está o que você precisa para ganhar moedas no jogo Hamster Kombat do Telegram
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Ethereum oscila em grande dia de estreia dos ETFs

Manhã Cripto: Ethereum oscila em grande dia de estreia dos ETFs

Os ETFs à vista de Ethereum finalmente vão estrear hoje nos EUA
Imagem da matéria: Hamster Kombat: Veja o Daily Combo e Cipher Code desta terça (16)

Hamster Kombat: Veja o Daily Combo e Cipher Code desta terça (16)

Procurando o combo diário e o código cifrado de terça-feira, 16 de julho? Aqui está o que você precisa para ganhar moedas no jogo Hamster Kombat do Telegram
Imagem da matéria: “Playboy do Bitcoin” mentiu sobre sequestro e roubo de criptomoedas, denuncia MP

“Playboy do Bitcoin” mentiu sobre sequestro e roubo de criptomoedas, denuncia MP

Marlon Gonzalez, o “Playboy do Bitcoin”, disse ter sido sequestrado, roubado e agredido, mas segundo o MP tudo não passou de um esquema