Imagem da matéria: Preço de token rival do Ethereum dispara e se aproxima das maiores criptomoedas
Foto: Shutterstock

LUNA, a criptomoeda nativa da rede Terra, desenvolvida na Cosmos, atingiu uma alta recorde de US$ 69,56. A alta de preço fez o token se aproximar da lista das dez principais criptomoedas por capitalização de mercado, perdendo o décimo lugar apenas para dogecoin (DOGE).

O preço de LUNA contabiliza uma alta de 10,4% nas últimas 24 horas, de acordo com dados do site CoinGecko.

Publicidade

Terra é um blockchain desenvolvido usando o kit de desenvolvimento de software (SDK) da Cosmos. A rede é usada para criar stablecoins algorítmicas lastreadas a diversas moedas fiduciárias, como o dólar ou euro.

LUNA é usada para emitir essas stablecoins, bem como para pagar taxas da rede e participar da governança, ou seja, para votar na rede.

Neste momento, Terra é o quinto maior blockchain de primeira camada, atrás de Polkadot, Cardano, Solana e Ethereum.

A crescente alta de preço para LUNA acontece em meio a novas iniciativas no ecossistema Terra. A mais notável é a atualização Columbus-5 do protocolo.

Rival da Ethereum

Lançada na última terça-feira (30), essa atualização ativou um mecanismo de queima que remove LUNA de circulação, tornando o criptoativo mais escasso.

Publicidade

Anteriormente, quando a stablecoin lastreada ao dólar (UST) do Terra começou a ser negociada acima de US$ 1, o protocolo incentivava árbitros a emitirem mais UST ao queimar uma porção de moedas LUNA. Ao aumentar o fornecimento de UST, o preço cairia.

Quando o oposto acontecia, uma porção de UST seria queimado para emitir mais LUNA. Dessa forma, o lastro mantém sua estabilidade.

Apenas uma porção de LUNA e UST seria queimada antes da atualização; a outra porção era transferida a um pool da comunidade. Agora, com Columbus-5, todas as moedas no pool da comunidade são queimadas, criando um ambiente deflacionário bem mais dramático.

Junto com essa atualização, a demanda por UST disparou. Já que a única forma de emitir mais UST é queimando LUNA, a moeda nativa continua atingindo cada vez mais altas recordes.

Publicidade

Em termos de capitalização de mercado, UST é a quinta maior stablecoin no mercado, com US$ 7,8 bilhões. Em 1º de outubro, quando Columbus-5 foi ativada, esse número era de apenas uS$ 2,6 bilhões.

Para fins de contexto, as duas maiores stablecoins, Tether (USDT) e USD Coin (USDC), têm capitalizações de mercado de US$ 74,9 bilhões e US$ 39 bilhões, respectivamente.

Capitalização de mercado do UST entre 7 de junho e 3 de dezembro (Imagem: CoinGecko)

Ecossistema da Terra está crescendo rapidamente

Finanças Descentralizadas (ou DeFi), um termo guarda-chuva para produtos financeiros que permitem que usuários negociem, concedam e tomem empréstimos com criptoativos sem intermediários, também está decolando no Terra.

Anchor Protocol, um projeto de mercado monetário, atingiu US$ 6 bilhões em valor total bloqueado (ou TVL), uma métrica usada em DeFi para aproximar a quantia de dinheiro fluindo por qualquer produto específico.

Em julho, Anchor ainda não havia atingido US$ 1 bilhão, de acordo com DeFi Llama.

Usuários do Terra também estão aguardando ansiosamente pelo lançamento de Astroport, uma corretora descentralizada (como Uniswap), e Mars Protocol, uma plataforma de concessão e tomada de empréstimos (parecida com o protocolo Aave da Ethereum).

Publicidade

É claro que, para usar qualquer uma dessas aplicações descentralizadas (ou dapps) no Terra, você precisará de LUNA, o que explica a recente alta na demanda.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização de Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Ethereum Rio: Começa hoje evento que promove ecossistema da segunda maior criptomoeda do mundo

Ethereum Rio: Começa hoje evento que promove ecossistema da segunda maior criptomoeda do mundo

Evento Ethereum Rio ocorre entre os dias 13 e 15 de maio no Porto Maravalley, Rio de Janeiro
moeda de bitcoin dentro de armadilha selvagem

CVM faz pegadinha e descobre que metade das pessoas cairia em golpe com criptomoedas

Junto com a Anbima, a entidade criou um site de uma empresa fictícia que simulava a oferta de investimentos com lucros altos irreais
Foco em uma moeda dourada de Ethereum (ETH)

Aprovação do ETF de Ethereum pode acontecer antes do esperado, diz Coinbase

Maior exchange de criptomoedas dos EUA, a Coinbase está confiante de que a SEC aprovará ETFs de Ethereum à vista muito em breve, apesar do pessimismo mais amplo
Imagem da matéria: Ripple anuncia programa contínuo de bolsas em dinheiro para programadores do Brasil

Ripple anuncia programa contínuo de bolsas em dinheiro para programadores do Brasil

Meta é que comunidade de programadores crie soluções na XRP Ledger, blockchain privada da empresa e que tem o token nativo XRP