Imagem da matéria: Preço de token evapora após criador do projeto DeFi desaparecer
Foto: Shutterstock

pSHARE (PSHARE), o token do projeto The Pulse DAO, desabou mais de 98% na manhã desta segunda-feira (14) após o seu criador aplicar um rug pull.

Neste golpe, conhecido como “puxão de tapete”, os desenvolvedores de um protocolo vendem sua criação como algo legítimo, mas após faturar com ele o suficiente, somem do mapa deixando o resto dos investidores no prejuízo.

Publicidade

O rug pull do The Pulse DAO foi confirmado pelos especialistas da empresa de segurança blockchain PeckShield. Em um tuíte desta manhã, a empresa alertou os investidores sobre o golpe.

“The PULSE DAO acabou de ‘puxar o tapete’. Eles excluíram suas redes sociais e tiraram do ar seu site. NÃO seja uma vítima deles”, diz a mensagem.

Junto com o alerta, o PeckShield divulgou a transação na blockchain do Fantom Network (FTM) que mostra as criptomoedas sendo retiradas do contrato inteligente do projeto.

Antes do golpe de hoje, o The Pulse DAO se descrevia como a “primeira geração de solução sustentável baseada em stablecoin algorítmica cross-chain para o futuro das finanças descentralizadas (DeFi) na Fantom”.

Publicidade

O projeto fraudulento prometia soluções de stablecoin do estilo UST da Terra, mas focada na Fantom Network, uma rede que em janeiro se tornou o terceiro maior ecossistema do mercado DeFi.

As promessas, no entanto, não passavam de uma farsa para atrair os investidores para a criptomoeda nativa pSHARE.

A queda da pSHARE

A única plataforma que a pSHARE está disponível para a compra e venda é a SpookySwap, uma exchange descentralizada (DEX) desenvolvida na rede Fantom.

O rug pull do The Pulse DAO foi aplicado poucos dias depois da moeda atingir seu topo histórico de US$ 325. Dois dias depois do recorde e, como consequência, da concretização do golpe, o token foi capaz de perder 99,4% do seu valor, negociado agora a US$ 1,92, segundo o CoinGecko.

Queda do pSHARE
Queda do pSHARE (Fonte: SpookySwap)

Rug pull no mundo das finanças descentralizadas foi o golpe que mais deu prejuízo para os investidores de criptomoedas em 2021 — e segue acontecendo em ritmo acelerado em 2022. 

Publicidade

Segundo o Crypto Crime Report da Chainalysis, o aumento de rug pull no último ano ajudou a subir para US$ 7,7 bilhões o dinheiro perdido em golpes com criptomoedas em 2021. Esse tipo de scam representou 37% de toda a receita roubada, cerca de US$ 2,8 bilhões.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Bradesco, Banco Pan, Neon e Next ficam fora do ar durante pane cibernética mundial

Bradesco, Banco Pan, Neon e Next ficam fora do ar durante pane cibernética mundial

Diversos bancos e instituições financeiras do Brasil ficaram várias horas fora do ar nesta sexta-feira
Imagem da matéria: SEC encerra investigação contra desenvolvedor Bitcoin Stacks sem punição

SEC encerra investigação contra desenvolvedor Bitcoin Stacks sem punição

Stacks, uma rede de escalonamento de Bitcoin, não é mais objeto de investigação da SEC depois que a agência não recomendou nenhuma ação de fiscalização
Imagem da matéria: Ethereum (ETH) deve passar de US$ 5 mil com estreia dos ETFs, diz Bitwise

Ethereum (ETH) deve passar de US$ 5 mil com estreia dos ETFs, diz Bitwise

Firma de investimentos entende que a alta do ether terá três motores principais; confira abaixo
farao do bitcoin glaidson

Justiça do Rio inicia julgamento da GAS Consultoria na próxima semana

Na próxima quarta-feira, a 1ª Vara Criminal Especializada de Combate ao Crime Organizado do Rio de Janeiro irá ouvir testemunhas