Polícia sul-coreana
Shutterstock

O colapso do ecossistema Terra (LUNA) desencadeou uma onda de investigações ao setor cripto na Coreia do Sul que agora respinga nas principais corretoras de criptomoedas do país, segundo notícias publicadas na imprensa sul-coreana.

Nesta quarta-feira (20), autoridades sul-coreanas fizeram varreduras presenciais na sede de diversas exchanges, incluindo a Upbit, líder do mercado cripto local.

Publicidade

Conforme revelou o jornal Korea Herald, a fiscalização começou no fim da tarde desta quarta, por volta das 17h (horário de Seul), quando uma equipe de investigadores da Procuradoria do Distrito Sul de Seul foi até a sede de corretoras para apreender registros de transações e outros materiais.

A operação de hoje faz parte de uma investigação maior que apura se houve fraude nos eventos que levaram à queda das criptomoedas LUNA e UST e ao colapso do ecossistema Terra como um todo. 

Ao que tudo indica, as investigações parecem não mirar apenas as operações da Terraform Labs e seus empresários, como o CEO Do Kwon, alvo central das acusações de investidores sul-coreanos.

Governo busca culpados

Atualmente, as cinco principais corretoras de criptomoedas da Coreia do Sul — Upbit, Bithumb, Coinone, Korbit e Gopax — estão cooperando para evitar que outro caso parecido com a morte de LUNA se repita. No entanto, a quantidade crescente de dinheiro transacionado nas corretoras fez com que o governo se sentisse pressionado a intervir.

Publicidade

No início de junho, o governo da Coreia do Sul lançou o ‘Comitê de Ativos Digitais’ para supervisionar de perto as exchanges de criptomoedas do país a partir de julho.

A nova entidade atua como uma versão maior e reorganizada do Comitê Especial de Ativos Virtuais (SCVC), que foi formado após o crash de maio da rede Terra, que viu os mercados de UST e LUNA perderem bilhões em questão de dias.

O Comitê de Ativos Digitais fará recomendações de políticas, incluindo critérios para listagens de criptomoedas nas corretoras, um cronograma para Ofertas Iniciais de Moeda (ICO), e ações de proteção a investidores até que seja constituída a lei básica para o setor, apelidada de Digital Asset Basic Act (DABA).

O DABA é um pacote de políticas direcionadas ao setor cripto que o recém-eleito presidente Yoon Suk-yeol pretende introduzir no próximo ano, juntamente com um regulador do governo mais ativo.

Publicidade

Procurando uma corretora segura que não congele seus saques? No Mercado Bitcoin, você tem segurança e controle sobre seus ativos. Faça como nossos 3,8 milhões de clientes e abra já sua conta!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem robótica surge em sala escura de informática

IA de Elon Musk tem a segurança mais fraca, enquanto chat da Meta se destaca, diz pesquisa

Pesquisadores usaram uma abordagem de manipulação lógica linguística para perguntar ao Grok como seduzir uma criança
Mulher olhando celular com logotipo do paypal

PayPal libera uso de stablecoins para pagamentos internacionais

Empresa explicou que clientes podem converter o PayPal USD (PYUSD) em dólares e enviar dinheiro para 160 países
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin ganha força à espera de dados de emprego nos EUA; Paraguai propõe suspender mineração cripto

Manhã Cripto: Bitcoin ganha força à espera de dados de emprego nos EUA; Paraguai propõe suspender mineração cripto

Bitcoin e Ethereum vão em direções opostas nesta sexta-feira (5), com investidores globais atentos aos dados do mercado de trabalho nos EUA
Imagem da matéria: Michael Saylor está no Brasil para participar de evento do Itaú

Michael Saylor está no Brasil para participar de evento do Itaú

O famoso entusiasta do Bitcoin veio ao Brasil para participar de um evento fechado com clientes do Itaú