Imagem da matéria: Parceria entre UFC e Crypto.com permitirá que lutadores recebam bônus em Bitcoin (BTC)
(Foto: Shutterstock)

O UFC (Ultimate Fighting Championship, na sigla em inglês) — o famoso campeonato profissional de artes marciais mistas (ou MMA) do mundo — irá pagar bônus em bitcoin (BTC) a seus lutadores por meio de uma parceria com a corretora de criptomoedas Crypto.com.

A organização pagará bitcoins aos três principais lutadores de cada evento “pay per view” do UFC. Um porta-voz da Crypto.com contou ao Decrypt que a corretora, por ser patrocinadora do UFC, fornecerá o bônus, e não o UFC.

Publicidade

Votos de fãs irão determinar os três lutadores premiados e os selecionados irão dividir uma quantia total da principal criptomoeda do mercado equivalente à US$ 60 mil.

Segundo um comunicado de imprensa publicado pela Crypto.com, US$ 30 mil em bitcoins serão premiados ao primeiro lugar; US$ 20 mil, ao segundo lugar; e US$ 10 mil, ao terceiro lugar.

“A Crypto.com é parceira oficial do UFC há menos de um ano e afirmo que já é uma das melhores parceiras que já tivemos. Está constantemente apresentando novas ideias sobre como podemos trabalhar juntos para nos conectarmos aos fãs”, disse Dana White, presidente do UFC.

Esta não é a primeira vez que a Crypto.com entra para o mundo do marketing esportivo. Em novembro de 2021, a corretora virou manchete após pagar US$ 700 milhões pelos direitos do estádio dos Lakers em Los Angeles.

Publicidade

UFC e as criptomoedas

Por outro lado, também não é a primeira vez que o UFC se envolve com o mundo cripto. Em abril de 2021, a organização sinalizou sua intenção de se envolver com tokens não fungíveis (ou NFTs) ao enviar duas solicitações para o registro de patentes.

A primeira patente era de uma marca registrada para lançar uma criptomoeda do UFC; a segunda patente visava fornecer um aplicativo para a possível criptomoeda nativa do UFC.

“Software para download que permite que membros recebam, enviem, gastem, negociem e gerenciem criptomoedas, moedas digitais, tokens digitais, tokens não fungíveis, colecionáveis digitais e ativos digitais”, de acordo com a solicitação.

Em maio, Francis Ngannou, o então campeão peso-pesado do UFC, recebeu US$ 580 mil por uma colaboração NFT — uma quantia superior à renda garantida no pré-combate contra Stipe Miocic no UFC 260.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Bitcoin em gráfico de alta com seta azul apontado para o alto

Traders esperam que Bitcoin supere a máxima de US$ 74 mil em breve

“Esperamos um impulso de alta aqui que pode nos levar de volta às máximas de US$ 74 mil”, disse a QCP Capital sobre o momento do Bitcoin
Imagem da matéria: Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

A CVM multou a pirâmide financeira Atlas Quantum após identificar indícios “robustos e consistentes” de que tudo não passava de uma operação fraudulenta
Pessoa inserindo chip no celular

Justiça manda TIM pagar R$ 21 mil a cliente que teve celular clonado e perda de criptomoedas

A partir da clonagem do celular, os invasores tiveram acesso ao email e posteriormente a uma carteira cripto na Binance
Foco em uma moeda dourada de Ethereum (ETH)

Aprovação do ETF de Ethereum pode acontecer antes do esperado, diz Coinbase

Maior exchange de criptomoedas dos EUA, a Coinbase está confiante de que a SEC aprovará ETFs de Ethereum à vista muito em breve, apesar do pessimismo mais amplo