Imagem da matéria: Nike lança coleção NFT de tênis digitais
Nova peça NFT da Nike (Reprodução/YouTube/Decrypt)

Meses após a estreia da plataforma Swoosh, a gigante dos calçados Nike está fazendo seu primeiro drop de NFTs lá. 

A coleção Our Force 1 (OF1) consistirá em Tokens Não Fungíveis (NFTs) de tênis virtuais da Polygon, concebidos para homenagear o icônico tênis Nike Air Force 1, com mais de 40 anos de história.

Publicidade

Dois tipos estarão disponíveis como parte do lançamento: caixas de tênis Classic Remix, que contêm os modelos Air Force 1 lançados entre 1982 e 2006, e caixas New Wave, que apresentam os pares projetados de 2007 em diante.

A coleção terá um número não revelado de originais AF1 personalizados com um “toque nostálgico”, espalhados entre as caixas Classic Remix. Da mesma forma, a Nike planeja misturar AF1s personalizados, expressivos com um toque mais “futurista”, nas caixas New Wave. 

Todas as caixas de tênis virtuais custarão US$ 19,82 – cerca de R$ 100 -, uma brincadeira com o ano de estreia do Air Force 1. A Nike não aceitará pagamentos pelos NFTs em criptomoedas

Não parece haver um limite definido para o número de NFTS Our Force 1 que estarão disponíveis para a mintagem.

Publicidade

Nesta terça (18), a Nike começará a lançar cartazes AF1 virtuais — a chave necessária para desbloquear um box OF1 de NFTs — para membros selecionados aleatoriamente da Swoosh. Esses membros poderão começar a cunhar caixas OF1 a partir do dia 8 de maio. Dois dias depois, no dia 10 de maio, toda a comunidade .Swoosh poderá adquirir 1 caixa.

Pela contagem da Nike, existem atualmente mais de 330 mil membros da Swoosh. Qualquer pessoa é capaz de entrar para a plataforma, sem qualquer custo.

Detalhes sobre quais pares exatos de sapatos virtuais os ansiosos detentores receberão parecem ter sido mantidos intencionalmente vagos. 

Em fevereiro, a Nike anunciou que quatro projetos de calçados virtuais imaginados pelos membros da Swoosh foram selecionados para figurar no drop OF1. Desde então, os designers da Nike trabalharam com esses membros da comunidade para dar vida aos designs na blockchain. Estes desenhos cocriados por fãs também serão distribuídos aleatoriamente entre os dois tipos de caixas.

“Estamos explorando novas maneiras de contar histórias e criar relacionamentos enquanto removemos as barreiras e limitações do produto físico”, disse Ron Faris, gerente geral da Nike Virtual Studios, em um comunicado. “Com mais membros optando por se expressar nos mundos físico e digital, a .Swoosh é o marketplace do futuro.”

Publicidade

Num futuro próximo, de acordo com a Nike, as caixas OF1 desbloquearão utilidades e benefícios adicionais para os titulares, incluindo acesso a produtos físicos e experiências exclusivas. 

Nova investida

A coleção OF1 não é a primeira incursão da Nike no negócio dos tênis digitais. Na primavera passada, a empresa lançou CryptoKicks, wearables NFT de tênis digitais baseados em Ethereum projetados em colaboração com a RTFKT, o estúdio de tênis NFT que a Nike adquiriu no final de 2021.

Pares de CryptoKicks, que foram originalmente lançados para os detentores de outros NFTS RTFKT raros, rapidamente começaram a ser comercializados a preços bem acima dos US$ 14 mil nos mercados secundários. 

A Nike parece estar adotando uma abordagem mais igualitária aqui, oferecendo muitos NFTs OF1 a um preço relativamente baixo e fixo. Essa tática, combinada com o elemento de envolvimento da comunidade do projeto, parece ter sido concebida para dar prioridade à participação da comunidade Swoosh, em vez de gerar retornos rápidos na receita via NFTs.

Nos últimos meses, os esforços de outras grandes marcas que parecem apenas interessadas em alcançar grandes receitas têm dado bem errado.

Publicidade

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

Memecoin da rede Solana com tema GameStop sobe 1.900% e desperta febre do GME

A memecoin GME decolou na segunda-feira (13), entregando retornos consideráveis, superando os das ações da GameStop
tornado cash 1

Desenvolvedor do Tornado Cash é condenado a 5 anos de prisão por lavagem de dinheiro

“O Tornado Cash, em sua natureza e funcionamento, é uma ferramenta destinada a criminosos”, disse um dos juízes ao condenar Alexey Pertsev
Fazenda de Mineração de criptomoedas Salto del Guairá Paraguai -ANDE

Paraguai usa inteligência artificial para encontrar fazenda ilegal de mineração de Bitcoin

Autoridades apreenderam 176 ASICs em Saltos de Guairá com ajuda de sistema que mede a tensão de redes elétricas