Imagem da matéria: Navegador Opera acrescenta suporte para oito blockchains, incluindo Bitcoin, Polygon e Solana
Foto: Shutterstock

Nesta quarta-feira (30), o Opera, um popular navegador de internet, anunciou que está acrescentando suporte para oito novas redes blockchain para facilitar o acesso a aplicações descentralizadas (dApps) e serviços.

Incluem protocolos muito conhecidos, como Bitcoin, Polygon e Solana, bem como StarkEx, Ronin, Celo, Nervos e IXO (desenvolvida na Cosmos).

Publicidade

Agora, dApps do Polygon estão disponíveis no novo navegador nativo à Web 3 da empresa, chamado “Crypto Browser Project”, compatível com Android e PCs.

Este ano, o Opera havia lançado a versão beta e pública de seu novo Crypto Browser Project para dispositivos móveis e desktop. O Crypto Browser Project é um navegador distinto que possui suporte integrado para dApps e uma carteira não custodial para criptomoedas.

Também inclui Crypto Corner, um ponto de acesso às mais recentes notícias cripto, preços, taxas de gas e sentimento de mercado, futuros “airdrops”, conteúdo educacional e calendário de eventos.

Solana, StarkEx, Deversifi, IXO, Ronin, Nervos, Bitcoin e Celo são os únicos projetos disponíveis no Opera para Android e a expectativa é que estejam compatíveis com o Crypto Browser Project nos próximos meses.

Publicidade

“O usuário comum da internet ainda pode estar receoso em explorar a Web 3, mas com a integração da Solana, Polygon e outros ao nosso navegador móvel, agora [o usuário] pode acessar essas tecnologias pela segurança e familiaridade do navegador que lhe fornece uma experiência exclusiva à Web 3”, comentou Jorgen Arnesen, responsável pela “proposta de valor ao colaborador” (EVP)  do setor móvel do Opera, sobre o lançamento.

Opera é um dos navegadores mais antigos – existe desde 1995. Em julho de 2018, a empresa lançou seu primeiro navegador de internet com uma carteira integrada ao Ethereum e suporte básico à Web 3, concedendo acesso a uma variedade de tokens ERC-20 que impulsionam dApps, bem como tokens ERC-721 usados na emissão de tokens não fungíveis (NFTs).

Opera se torna “multichain”

A empresa com sede em Oslo, na Noruega, afirma que considera ecossistemas de segunda camada como uma estratégia fundamental em sua missão de continuar agnóstica a blockchains e integrar milhões de usuários à Web 3.

O termo “segunda camada” se refere a redes blockchain que são desenvolvidas em maiores redes principais (de “primeira camada”), como o Ethereum. Ao desviar a atividade de uma rede principal, esses tipos de soluções podem ser mais rápidas e baratas.

Publicidade

Polygon, Ronin e StarkEx são exemplos de redes de segunda camada. Ronin também impulsiona o popular jogo play-to-earn Axie Infinity.

De acordo com o Opera, Solana também é um participante viável no setor blockchain, pois oferece não apenas uma alta escalabilidade e baixíssimos custos de transação.

Solana é mais energeticamente eficiente porque usa proof of stake (PoS), que depende de validadores em vez de mineradores para a validação de transações na rede.

Em vez de enormes fazendas de mineração que operam 24 horas por dia, validadores são incentivados a agir de forma honesta ao colocarem criptoativos em staking na rede. Se agirem de má-fé, são penalizados e perdem as criptomoedas em staking.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Hamster Kombat: Veja o Daily Combo e Cipher Code desta segunda (15)

Hamster Kombat: Veja o Daily Combo e Cipher Code desta segunda (15)

Procurando o combo diário e o código cifrado de segunda-feira, 15 de julho? Aqui está o que você precisa para ganhar moedas no jogo Hamster Kombat do Telegram
Imagem da matéria: Kamala e cripto? Como os possíveis substitutos de Biden se sentem em relação ao Bitcoin

Kamala e cripto? Como os possíveis substitutos de Biden se sentem em relação ao Bitcoin

Democratas que estão na corrida para assumir a chapa representam uma ampla gama de posições sobre criptomoedas
Imagem da matéria: De “Bitcoin é uma fraude” a candidato cripto: como Trump mudou para agradar investidores

De “Bitcoin é uma fraude” a candidato cripto: como Trump mudou para agradar investidores

O ex-presidente dos EUA já chamou o Bitcoin de fraude, mas agora se aproxima do setor cripto para angariar votos
Imagem da matéria: Novo ETF lançado nos EUA permite apostar contra as ações da Coinbase

Novo ETF lançado nos EUA permite apostar contra as ações da Coinbase

O novo fundo sobe quando a Coinbase cai e também gera renda passiva para os investidores