Imagem da matéria: Não é só LUNA: Cinco criptomoedas derreteram mais de 90% desde que bateram recorde de preço
Foto: Shutterstock

O derretimento do ecossistema do projeto Terra, com o token nativo LUNA e a stablecoin UST, já pode ser considerado um dos grandes marcos da história das criptomoedas. Mas quedas abissais não são coisas raras nesse universo.

Pelo menos cinco ativos que foram considerados promissores registram desvalorização de mais de 90% nesta segunda-feira (23) em relação ao “all time high (ATH)”, expressão em inglês que designa o maior preço que a moeda já atingiu desde que foi lançada, segundo dados são do portal Coingecko.

Publicidade

Por muito pouco, algumas das principais criptomoedas em capitalização de mercado também não entraram nessa lista: Dogecoin (DOGE) perdeu 88% do ATH; Uniswap (UNI) recuou 87% e XRP (XRP) também desabou outros 87%.

Internet Computer (ICP)

O token da Internet Computer (ICP) chegou a valer US$ 700 e agora vale US$ 8,37. A queda é de nada mais nada menos que 98,8%.

O ICP é um token da organização sem fins lucrativos Dfinity Foundation, baseada na Suíça, e entrou no mercado com tudo. Lançado em maio de 2021 como um projeto supostamente revolucionário, em menos de quatro dias chegou ao posto de 8º maior cripto do mundo.

 O projeto foi sendo desenvolvido desde 2016 pela Dfinity Foundation, organização que tem o objetivo de construir uma blockchain descentralizada e escalonável em nuvem para armazenar dados e oferecer suporte a aplicativos.

Publicidade

O projeto é liderado por um empresário entusiasta do setor de tecnologia chamado Dominic Williams e nasceu com a pretensão de ser uma internet pública e livre das ‘garras’ dos grandes monopólios da tecnologia, como Google, Facebook e Amazon. O ICP seria o token dessa rede.

Filecoin (FIL)

A Filecoin bateu um pico de US$ 236,84  no dia 1º de abril de 2021. Atualmente vale US$ 8,94, uma queda de 96%.

Quando foi lançada em 2017, a Filecoin teve um recorde no seu ICO (“initial coin offer”, que é o termo em inglês para o período em que o projeto arrecada investimentos antes de ser lançado). Foram US$ 257 milhões, superando os US $ 232 milhões levantados pela Tezos, que eram ate então o máximo atingido.

Entre os investidores estavam a Sequoia Capital, Andreessen Horowitz e Union Square Ventures.

A Filecoin pretendia fornecer uma rede descentralizada para o armazenamento digital através da qual os usuários poderiam efetivamente alugar sua capacidade disponível. Em contrapartida, esses usuários receberiam Filecoins como pagamento.

Publicidade

EOS

O auge de preço da EOS foi de US$ 22,71, registrado no dia 29 de abril de 2018; agora, o token está valendo US$ 1,39. A desvalorização é de 93,9%.

O projeto blockchain foi um dos “matadores da Ethereum” originais, e levantou uma soma recorde de US$ 4,2 bilhões em uma oferta inicial de moedas. Após algumas versões teste, foi lançado oficialmente em junho de 2018.

Entre seus patrocinadores estiveram o gestor de fundos hedge do Reino Unido Alan Howard, o CEO da Moore Capital Management, Louis Bacon, e o co-fundador do PayPal e Palantir, Peter Thiel.

Mas a euforia logo deu lugar a uma ressaca. Em junho do ano passado, a Block.one, a empresa de criptomoedas por trás da blockchain EOS IO, concordou em pagar US$ 27,5 milhões em uma ação coletiva sobre seu ICO de US$ 4 bilhões para EOS.

dYdX (DYDX)

A criptomoeda dYdX é token da exchange descentralizada (DEX) de mesmo nome. Em seu auge, valeu US$ 27,86 e agora está em US$ 2,21 – uma queda de 92,1%.

Publicidade

O ATH foi atingido em setembro de 2021 e foi causado em parte pela repressão às criptomoedas na China. Naquele momento, o volume da exchange continuou a crescer e superou a marca de US$ 10 bilhões. 

O volume da dYdX disparou como reflexo da repressão do governo chinês ao setor cripto, que passou a entender que qualquer pessoa ou empresa que facilite a negociação de bitcoin e outras criptomoedas no país, está infringindo a lei. 

O endurecimento das restrições levou uma série de empresas do setor, inclusive as exchanges centralizadas que ainda operavam mesas OTC no país, a limitar e por fim finalizar os serviços oferecidos aos chineses. Como resultado, esse público começou a buscar alternativas no mercado, como a dYdX .

A dYdX é uma exchange descentralizada, o que significa que ela não faz a custódia dos fundos dos usuários e executa as negociações por meio de contratos inteligentes baseados no Ethereum. Para escapar das altas taxas de gas da rede principal, a dYdX utiliza a solução de segunda camada (layer 2) da StarkWare.

Um golpe duro no token aconteceu em abril deste ano, quando a Binance retirou da sua plataforma o par de troca entre dYdX e Ethereum.

LooksRare (LOOKS)

Token nativo do mercado de NFTs de mesmo nome, o LooksRare (LOOKS) teve seu auge no dia 20 de janeiro deste ano, valendo US$ 7,10. Agora está cotado em US$ 0,64, uma queda de 91%.

Publicidade

O LooksRare surgiu aparentemente do nada para se tornar o maior rival do OpenSea, principal mercado de tokens não fungíveis (ou NFTs) no primeiro mês do ano. No entanto, existiam dúvidas sobre os números astronômicos de negociação supostamente vindos da plataforma.

Estava repleto de “wash trading” excessivo, conforme usuários compram e vendem NFTs entre carteiras que controlam em uma tentativa de manipular recompensas diárias de negociação.

A empresa de análise NFT CryptoSlam informou no dia 31 de janeiro ter identificado mais de US$ 8,3 bilhões em wash trading do LooksRare – e o token acabou sofrendo com a vinda à público desse tipo de operação.

VOCÊ PODE GOSTAR
dupla de homens sendo presa

Irmãos são presos por roubo de R$ 130 milhões em ataque de 12 segundos na rede Ethereum

O procurador americano Damian Williams disse que “este suposto esquema era novo e nunca havia sido acusado antes”
Policial algemando suspeito durante a noite

Suspeito de roubar quase R$ 10 milhões da Pump.fun é preso em Londres

Jarett Dunn, ex-funcionário da plataforma Pump.fun, foi preso na Inglaterra acusado de golpe de quase R$ 10 milhões
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Imagem da matéria: Ripple anuncia programa contínuo de bolsas em dinheiro para programadores do Brasil

Ripple anuncia programa contínuo de bolsas em dinheiro para programadores do Brasil

Meta é que comunidade de programadores crie soluções na XRP Ledger, blockchain usada pela empresa e que tem o token nativo XRP