Ministério da Economia faz live sobre lavagem de dinheiro com bitcoin e traz Coaf e Banco do Brasil

Veja como acompanhar o seminário sobre lavagem de dinheiro criptoativos

Banco brasileiro faz parceria com startup de criptomoedas para fornecer serviços bancários
Foto: Shuttertock


A Coordenação-Geral de Procedimentos Especiais da Corregedoria do Ministério da Economia convocou diversos atores do estado como Banco do Brasil e Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) para uma live sobre lavagem de dinheiro com bitcoin.

O webiminário “Lavagem de dinheiro via criptoativos” começou às 9h desta quarta-feira (03) e seguirá as 17h50. No momento, a apresentação está pausada para o almoço e retornará às 14h30.

A primeira palestra foi do procurador da República Marcelo Ribeiro de Oliveira sobre questões técnicas da legislação na palestra intitulada “Controvérsias legais relacionadas à prova”.

Em seguida, a assessora técnica do núcleo de combate aos crimes cibernéticos do Ministério Público Federal de São Paulo, Adriana Shimabukuro, fez um histórico sobre o bitcoin, das origens a aspectos técnicos da tecnologia.

No momento, quem está falando é o gerente de prevenção e combate à lavagem de dinheiro do Banco do Brasil, Vinicius Santana, que falou de diversos tipos de golpes, do fim dos antigos doleiros e o que o bitcoin traz de novidades para o segmento.

As próximas palestras serão as seguintes:

14h30 – Desafios investigativos envolvendo criptoativos – Ana Paula Bez Batti (Procuradora da Fazenda Nacional)



15h40 – Inteligência Financeira e ativos virtuais – Rochelle Pasiani (Coordenadora Geral de Inteligência Financeira do Coaf)

16h50 – Técnicas de rastreamento de bitcoins – Adriana Shimabukuro (assessora técnica do núcleo de combate aos crimes cibernéticos do Ministério Público Federal de São Paulo).

Ao longo do dia, o Portal do Bitcoin publicará reportagens sobre as principais palestras. É possível acompanhar o seminário clicando aqui.

Autoridades de olho no bitcoin

As autoridades brasileiras parecem estar começando a olhar mais de perto para as criptomoedas. Recentemente, a Rede Lab, uma organização ligada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública convocou um perito da Polícia Federal para outra live sobre o mesmo assunto.

O debate envolvendo criptomoedas faz parte de uma série de lives intitulada “Conversando com os Especialistas”.

Na ocasião, o perito Silvino Schilickmann afirmou que o uso de moedas virtuais pode se tornar o meio preferido para lavagem de dinheiro.


BitcoinTrade: Negocie criptomoedas com segurança e agilidade!

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. 95% dos depósitos aprovados em menos de 1 hora! Acesse: bitcointrade.com.br