Imagem da matéria: Microsoft lança aplicativo de Inteligência Artificial gratuito para Android
Foto: Shutterstock

Sem nenhum barulho — ou comunicado de imprensa corporativo — a Microsoft lançou discretamente um novo aplicativo de chatbot de Inteligência Artificial (IA) independente para Android. Batizado de Copilot e detectado pela primeira vez por um usuário do X, esse lançamento da gigante da tecnologia com sede em Redmond contribui para o crescente campo de aplicativos móveis com IA, continuando a expandir as diversas opções que os consumidores podem acessar na palma da mão.

O aplicativo Copilot, agora disponível na Google Play Store, é a mais recente iniciativa da Microsoft para alavancar sua parceria com a OpenAI, desenvolvedora líder de IA. O aplicativo integra os sofisticados recursos de geração de linguagem e imagem do GPT-4 e do DALL-E 3 com os recursos de análise de imagem do GPT-Vision. Em outras palavras, o novo Copilot promete uma sofisticação comparável às respostas de texto do ChatGPT Plus e imagens igualmente impressionantes em comparação às criadas pelo serviço pago da OpenAI.

Publicidade

O app, que parece ser uma evolução do aplicativo de pesquisa autônomo anterior do Bing, permite que os usuários se envolvam em várias tarefas com inteligência artificial, desde fazer perguntas complexas até gerar imagens e redigir documentos.

Copilot é a marca usada pela Microsoft para abrigar todos os seus serviços baseados em IA. A assistente virtual Cortana, hoje obsoleta, e sua pesquisa na Web e chatbot com tecnologia de IA agora estão sob o guarda-chuva do Copilot como um único produto.

O lançamento do Copilot para Android é particularmente notável por fornecer recursos avançados de IA sem nenhum custo, em contraste com o modelo baseado em assinatura do ChatGPT Plus. Essa abordagem marca uma mudança estratégica no cenário competitivo, posicionando a oferta da Microsoft como uma alternativa potente a outros assistentes gratuitos ou integrados, como Siri, Google Assistant e Bixby da Samsung.

O fato de o Copilot ser equipado com o GPT-4 — uma iteração recente conhecida por seus recursos de compreensão e resposta com nuances — é uma grande vantagem para aqueles que desejam testar o modelo de IA mais recente sem gastar muito dinheiro em uma assinatura.

Publicidade

Embora o Copilot atenda exclusivamente a usuários Android, a ausência de uma versão para iOS não impediu a especulação sobre sua chegada iminente, especialmente devido à significativa participação de mercado do sistema operacional da Apple e à importância estratégica de atingir a maior base de usuários possível. Algo semelhante aconteceu com o aplicativo ChatGPT original da OpenAI, que foi disponibilizado primeiro no iOS e depois portado para o Android.

O Decrypt entrou em contato com a Microsoft pedindo mais informações sobre o aplicativo e para confirmar se haveria uma versão para iOS. No entanto, a Microsoft não respondeu, pois seu escritório de relações com a mídia está fazendo uma “pausa para o bem-estar”, de acordo com uma resposta automática por e-mail.

À medida que os assistentes virtuais tradicionais enfrentam novos concorrentes, o setor está desfrutando de uma rápida diversificação de ofertas e de uma corrida em direção a soluções mais avançadas e centradas no usuário. Muitos outros aplicativos estão no mercado, desde chatbots como Poe e Replika até assistentes gerais como ChatGPT e Copilot.

Além disso, muitos aplicativos existentes e populares aumentaram seus recursos graças às integrações de IA, como Facetune, DeepL, Grammarly e Duolingo. Esses serviços aproveitaram o poder da IA generativa para proporcionar uma melhor experiência ao usuário, permitindo que as pessoas recebam melhores conselhos, façam melhores edições de imagens, traduções e se beneficiem de melhores resultados de forma geral.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

You May Also Like
Homem feliz envolto a ilustrações de Bitcoin

85% dos brasileiros acreditam que criptomoedas oferecem maior liberdade financeira, diz pesquisa

A pesquisa da corretora cripto OKX contou com a participação de 750 brasileiros
felippe barreto sims, golpe, criptomoedas

Influencer é preso por roubar R$ 4 milhões em criptomoedas de idosos

Os acusados abusaram da relação de confiança que formaram com o casal de idosos para roubar suas criptomoedas
Arte digital mostra mãos operando um celular que projeta moedas

Token Ribus atinge aumento de 1500% em volume de negociação

Movimentação no Mercado Bitcoin passou de R$ 451 mil em dezembro para R$ 11 milhões em fevereiro
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Nigéria bloqueia sites de exchanges e FTX pode levantar US$ 1 bilhão com IA

Manhã Cripto: Nigéria bloqueia sites de exchanges e FTX pode levantar US$ 1 bilhão com IA

Autoridades da Nigéria bloquearam o acesso a algumas das corretoras na tentativa de frear a forte desvalorização da moeda local