Imagem da matéria: Consultoria do Mercado Financeiro Quer dar 'Lições' ao de Criptomoedas
(Foto: Shutterstock)

A Associação de Títulos da Indústria e Mercado Financeiro da Ásia (Asifma, em inglês) divulgou uma lista de boas práticas para exchanges e plataformas de investimento em criptomoedas. O documento não tem participação de agências reguladoras, mas visa facilitar o sucesso das empresas de criptoativos dentro da perspectiva de regulação.

É o primeiro trabalho do tipo elaborado por uma entidade que envolva grande quantidade de companhias no mundo todo, segundo a Bloomberg. A Asifma também inclui membros como a BackRock Inc. e o banco Goldman Sachs, que já possui serviços relacionados a criptomoedas.

Publicidade

Mark Austen, CEO da Associação, disse em nota à imprensa que o trabalho busca servir de guia para autorregulação do mercado de criptoativos, que aumentaria a segurança e confiabilidade do setor como um todo:

Tem havido muita fraude nesse meio, que vem sendo um detrimento àqueles que tentam se desenvolver dentro do mercado de criptomoedas. O que nós vemos é que as exchanges querem regulações e melhores práticas, e elas vêm a organizações, como a Asifma, para manter esses maus elementos fora. Certamente, essas melhores práticas não são definitivas e precisam continuar evoluindo.

A lista é dividida em oito tópicos: processo de inventário; manipulação de mercado, precificação e liquidez; considerações regulatórias: licença e autorização; anti-lavagem de dinheiro e conhecimento do cliente; custódia; cibersegurança; mapeamento de risco e compromissos com outras partes interessadas.

O documento lista uma série de passos para se introduzir uma exchange de criptomoedas, como análise de ecossistema, situação legal e financeira, precificação de criptomoedas, entre outras. Também inclui uma série de práticas éticas a serem cumpridas em relações com terceiros, na criação de novos tokens e no câmbio de criptoativos.

A Ásia possui, atualmente, legislações muito variáveis de país para país. Enquanto a China optou por proibir exchanges em seu território, Japão e Austrália comercializam criptomoedas sob observação de seus governos. Em Hong Kong, sede da Asifma, a legislação em vigor sobre o tema é uma das mais permissivas do mundo.

Publicidade

Leia também: Empreendedores de Criptomoedas Desistem do Brasil e vão para Estônia e Suíça

BitcoinTrade

A BitcoinTrade é a melhor solução para compra e venda de criptomoedas.
Negocie Bitcoin, Ethereum e Litecoin com total segurança e liquidez.
Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android:
https://www.bitcointrade.com.br/

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Merge Madrid: encontro Web3 promete unir Europa e América Latina em outubro

Merge Madrid: encontro Web3 promete unir Europa e América Latina em outubro

De 8 a 10 de outubro, pontos chave da cidade de Madri atrairão o ecossistema Web3 sob uma perspectiva de negócios, legal e técnica
Imagem da matéria: Ethereum tem melhor sequência de alta em 3 anos e pode saltar 60% se ETF for aprovado, dizem analistas

Ethereum tem melhor sequência de alta em 3 anos e pode saltar 60% se ETF for aprovado, dizem analistas

Se a SEC aprovar os pedidos de ETF de Ethereum nesta quinta-feira, enviará um sinal positivo que pode levar o ativo a disparar, assim como ocorreu com o Bitcoin em janeiro
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Governo dos EUA contrata empresa para monitorar a Binance

A Forensic Risk Alliance venceu a disputa contra a Sullivan & Cromwell, que atuou no caso FTX
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta