Brad Garlinghouse, CEO da Ripple , posa para foto
Shutterstock

O CEO da Ripple, Brad Garlinghouse, disse em uma entrevista à CNBC na segunda-feira (8) que acredita que o halving, juntamente com a demanda por fundos com exposição direta ao Bitcoin (BTC), deve dobrar até o final do ano a capitalização do mercado de criptomoedas como um todo.

“É fácil prever que a capitalização de mercado geral da indústria de criptomoedas dobrará até o final deste ano, já que é impactada por todos esses fatores macro”, disse Garlinghouse.

Publicidade

De acordo com dados no site Coingecko, o mercado global de criptomoedas atual é de US$ 2,8 trilhões; portanto, se a previsão do executivo se cumprir, o mercado cripto pode fechar o ano valendo mais de US$ 5,6 trilhões — quase vezes mais que o mercado da prata atualmente de cerca de US$ 1,3 trilhão.

“Estou neste setor há muito tempo e tenho visto essas tendências irem e virem. Estou muito otimista. Acredito que as macrotendências, as coisas mais amplas, como os ETFs, estão gerando, pela primeira vez, dinheiro institucional real”, disse o executivo.

Vale lembrar que só o valor de mercado do Bitcoin é de US$ 1,41 trilhão, ou seja, cerca de 50% do mercado cripto global.

Sobre a demanda pela maior criptomoeda do mundo em meio a chegada do halving, ele ressaltou: “Vemos que isso impulsiona a demanda e, ao mesmo tempo, a demanda aumenta e a oferta diminui. Não é preciso ser formado em economia para dizer o que acontece quando a oferta se contrai e a procura se expande”.

Publicidade

Leia também:Como saber o dia e hora que vai acontecer o halving do Bitcoin?

Impulso das criptomoedas

Além do halving do Bitcoin — evento que corta pela metade as recompensas pagas aos mineradores —, Garlinghouse acredita em mais um fator macro para o mercado cripto dobrar, que é a possibilidade de um impulso regulatório positivo nos EUA.

Por ser um ano eleitoral no país, parte da comunidade cripto está mais otimista de que a próxima gestão seja mais compreensiva com a indústria cripto e assim pode haver uma redução de agressões ao novo setor financeiro, como é o caso do presidente da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA, Gary Gensler.

Por ser um ano eleitoral no país, parte da comunidade cripto está mais otimista de que a próxima gestão seja mais compreensiva com a indústria cripto e, assim, pode haver uma redução de repressões ao novo setor financeiro, protagonizado nos últimos tempos por figuras como Gary Gensler, presidente da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA.

“Os EUA ainda são a maior economia do mundo e, infelizmente, têm sido um dos mercados de cripto mais hostis. E acho que isso também vai começar a mudar”, acrescenta Garlinghouse.

Publicidade

Aliás, há tempos o regulador é uma pedra nos sapatos da Ripple, já que a SEC acusa a empresa de vender ilegalmente sua moeda nativa XRP. O caso segue na Justiça, onde a Ripple nega tais acusações.

VOCÊ PODE GOSTAR
Logo da ftx, dólares e bitcoin

Analistas preveem alta no mercado cripto com ressarcimento bilionário a clientes da FTX

A FTX deve cerca de US$ 11 bilhões a credores, mas a massa falida conseguiu levantar mais de US$ 14 bilhões
Imagem da matéria: Propina paga a Eduardo Requião foi usada para investir na pirâmide financeira do "Rei do Bitcoin"

Propina paga a Eduardo Requião foi usada para investir na pirâmide financeira do “Rei do Bitcoin”

Nova operação da Polícia Federal visando fraudes no portos do Paraná revelou uma curiosa ligação entre o irmão do Roberto Requião e um dos maiores piramideiros do Brasil
bloco de bitcoin, ordinals, runes

O maior Ordinals da história do Bitcoin acaba de ser inscrito — até onde eles vão crescer?

O maior arquivo de Bitcoin de todos os tempos acabou de ser criado. Será que o recorde pode ser quebrado novamente?
Imagem da matéria: Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

“O que vier a seguir está nas mãos de Deus”, disse o dev após assumir o roubo