Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) pisa no freio; FTX processa ex-assessor de Hillary Clinton e empresa de custódia suspende saques 
Shutterstock

As criptomoedas fazem uma pausa no rali dos últimos dias nesta sexta-feira (23), com altcoins liderando as perdas e traders influenciados pelo menor apetite por risco nos mercados acionários, diante dos novos sinais de aperto monetário global e temores de recessão.  

Depois de ser negociado na casa dos US$ 29 mil na madrugada, o Bitcoin (BTC) opera estável nas últimas 24 horas, cotado a US$ 30.118,98, segundo dados do Coingecko.  

Publicidade

Em reais, o BTC também mostra estabilidade, negociado a R$ 143.986,10, de acordo com o Índice do Portal do Bitcoin (IPB).   

O Ethereum (ETH) deixa a casa dos US$ 1.900 e recua 1,2%, para US$ 1.883,47.  

As altcoins mais negociadas operam no vermelho nesta sexta, com destaque para BNB (-3,5%), XRP (-3,3%), Cardano (-2,3%), Dogecoin (-3,2%), Solana (-3,8%), Polygon (-3,7%), Polkadot (-0,2%), Shiba Inu (-6,5%) e Avalanche (-2,3%). 

Bitcoin hoje 

Os índices acionários globais podem fechar a sexta-feira com a maior queda semanal, em mais de três meses, com investidores fugindo de ações e buscando a relativa segurança dos títulos públicos.  

O Banco da Inglaterra subiu os juros em 0,5 ponto percentual na quinta-feira (22), acima das expectativas, e prometeu mais aumentos. Isso reforçou os temores de que os juros altos possam afetar a economia e causar uma recessão, percepção que também é compartilhada por investidores nos EUA e na zona do euro. 

Publicidade

No caso do Bitcoin, o forte rali impulsionado pela enxurrada de pedidos de fundos de índice (ETFs) de BTC à vista por gigantes como a BlackRock e Invesco, além de uma nova exchange cripto institucional, a EDX Markets, parece estar perto do pico. 

O Índice de Medo e Ganância do Bitcoin, medido pela Matrixport, saltou de 10% para 93% em apenas uma semana. Quando o indicador fica acima de 90% é sinal de excesso de otimismo, o que pode sinalizar uma pausa do rali, conforme análise do CoinDesk. 

Aposta da Ripio na América Latina 

Em Buenos Aires, a Ripio anunciou a LaChain, uma blockchain de primeira camada que promete ser rápida e de baixo custo, construída para desenvolver casos de uso que atendam às necessidades específicas de indivíduos e instituições latino-americanas, como pagamentos de varejo, liquidação de transações internacionais e remessas e Sistemas de Identidade Descentralizados (DID).  

Conforme o comunicado, o produto foi criado por meio da plataforma Polygon Supernet, e está sendo desenvolvido por um consórcio de empresas mantenedoras como a própria Ripio, a SenseiNode, Num Finance, Cedalio e Buenbit. 

Publicidade

Novos consórcios no piloto do real digital 

O consórcio liderado pelo MB (Mercado Bitcoin) com Mastercard, CERC, Sinqia e agora, a Genial Investimentos, foi admitido no projeto do real digital, depois de recurso amplo apresentado ao Banco Central (Bacen). 

“O consórcio liderado pelo MB Instituição de Pagamento teve participação ativa no projeto do Real Digital e sempre esteve próximo ao Bacen em suas ações ativas e inovadoras sobre o uso de tecnologia. Além disso, temos a autorização para atuar com Instituição de Pagamento (IP), que nos leva a ser regulados por eles e nos aproxima ainda mais”, afirmou Fabricio Tota, diretor de Novos Negócios do MB. 

Outro consórcio reabilitado foi o da Caixa Econômica Federal com Elo e Microsoft, de acordo com o portal Blocknews, elevando para 16 o número total de projetos. 

Blockchain-SP Festival 

Em entrevista ao Portal do Bitcoin durante oo evento Blockchain-SP Festival, o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles disse que tem mantido reuniões com Changpeng “CZ” Zhao, fundador da Binance, para aconselhar o empresário sobre como enfrentar os problemas regulatórios que a empresa enfrenta nos EUA e no Brasil. 

Meirelles também afirmou que vê como “normal” uma convocação de executivos da empresa para depoimento na CPI das Pirâmides Financeiras, requerimento que deve ser votado na comissão na próxima semana. 

Publicidade

Enquanto isso, o deputado federal Luciano Vieira (PL-RJ), membro da CPI das Pirâmides Financeiras, também registrou requerimento para convocar o criador da pirâmide financeira GAS Consultoria, Glaidson Acácio dos Santos, o “Faraó do Bitcoin”, e sua esposa, Mirelis Zerpa, para prestarem depoimentos perante a comissão na qualidade de investigados. 

FTX processa ex-assessor de Hillary Clinton 

A exchange cripto FTX, atualmente em recuperação judicial, abriu um processo na quinta-feira (22) contra um ex-assessor de Hilary Clinton e contra a empresa de investimentos dele, com o objetivo de recuperar US$ 700 milhões em investimentos supostamente feitos com fundos desviados da corretora, de acordo com a Reuters

A FTX disse que seu fundador, Sam Bankman-Fried, era um “patrono perdulário” que teria despejado dinheiro nas mãos de Michael Kives, de sua empresa K5 Global e do cofundador da K5, Bryan Baum, como parte de um esquema em andamento para usar de forma fraudulenta os ativos da companhia para ganho pessoal, de acordo com uma queixa apresentada no tribunal de falências de Wilmington, em Delaware. 

Bankman-Fried autorizou a transferência de US$ 700 milhões para entidades da K5 em 2022, e teria buscado seus contatos com celebridades e negócios da K5 na tentativa de levantar capital nos dias anteriores à quebra da FTX em novembro de 2022, de acordo com o processo. 

Kives não respondeu a um pedido de comentário da Reuters, enquanto a K5 disse que o processo não tem mérito. Um porta-voz do Bankman-Fried não quis comentar. 

Outros destaques das criptomoedas 

A empresa de custódia de cripto Prime Trust tem “um déficit em fundos de clientes” e não conseguiu atender a todos os pedidos de saque este mês, informou o Departamento de Negócios e Indústria do estado de Nevada, nos EUA, na quinta-feira (22). Segundo o CoinDesk, um regulador do estado ordenou que a Prime Trust cesse todas as atividades que violem os regulamentos de Nevada, alegando que a “condição financeira geral da empresa… deteriorou-se consideravelmente a um nível criticamente deficiente”. 

Publicidade

Em meio à crise, a custodiante de criptomoedas BitGo desistiu de comprar a Prime Trust, de acordo com o Decrypt, que citou um tuíte da empresa na quinta-feira. No mesmo momento em que a BitGo fazia o anúncio, usuários das redes sociais compartilhavam imagens do que parecia ser um e-mail da Prime Trust para os clientes comunicando a suspensão de todas as retiradas de ativos digitais e moedas fiduciárias. Procuradas pelo Decrypt, BitGo e PrimeTrust não comentaram. 

A SEC, a CVM dos EUA, concordou em abrir mão de uma multa de US$ 30 milhões contra a plataforma de crédito cripto BlockFi até que os investidores sejam reembolsados, segundo documentos judiciais apresentados na quinta-feira (22). 

A soma é o que sobrou de uma penalidade de US$ 50 milhões devida à SEC pela BlockFi para liquidar as acusações de não se registrar com o regulador para a oferta e venda de seu produto de empréstimo cripto. A plataforma fechou o acordo em fevereiro de 2022, mas pediu recuperação judicial em novembro, após o colapso da FTX. 

Também em batalha com a SEC, o CEO da Coinbase, Brian Armstrong, não deixa de fazer planos para a maior exchange cripto dos EUA. Armstrong prevê que a Coinbase vai se tornar um “superaplicativo”, ajudando a economia da Web3. Na Ásia, por “algum tempo [..] as pessoas têm aplicativos que usam [para] dinheiro digital em todas as áreas de suas vidas”, disse o executivo na quinta-feira durante o evento “State of Crypto Summit”, organizado pela Coinbase e pelo Financial Times, em Nova York. 

VOCÊ PODE GOSTAR
Hacker com capuz sorri no escuro

“Fizemos besteira”: Gala Games confirma hack de de R$ 1,2 bilhão

Um invasor usou um exploit para cunhar e roubar 5 bilhões de tokens da Gala Games (GALA)
Imagem da matéria: O que é o Notcoin? Conheça o jogo baseado em Telegram, o token NOT e os planos futuros

O que é o Notcoin? Conheça o jogo baseado em Telegram, o token NOT e os planos futuros

Notcoin é um jogo baseado no Telegram que nos últimos meses acumulou um total de 35 milhões de jogadores
Imagem da matéria: Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Um complexo emaranhado entre bancos centrais em relação ao iene levará a uma frenética impressão de dinheiro, elevando o preço do Bitcoin, diz o cofundador da BitMEX
Imagem da matéria: CEO da Grayscale deixa cargo: "Momento certo para transição"

CEO da Grayscale deixa cargo: “Momento certo para transição”

A Grayscale, uma das maiores gestoras de criptomoedas do mundo, anunciou que Michael Sonnenshein está deixando o cargo de CEO