Imagem da matéria: Maior mineradora de Bitcoin oficializa abertura de capital na bolsa de valores de Hong Kong
Foto: Shutterstock

A Bitmain, maior empresa de mineração de bitcoin do mundo, como previsto, apresentou oficialmente o pedido de abertura de capital na Bolsa de Valores de Hong Kong (HKEX). De acordo com a Coindesk, os documentos necessários para uma Oferta Pública Inicial (IPO) foram entregues nesta quarta-feira (26).

Parte da documentação, publicada pelo Hkex News e que contém 46 páginas, tornam públicas suas primeiras demonstrações financeiras.

Publicidade

Isto confirma a intenção de abrir o capital, revelando o quão motivada a empresa estava neste planejamento nos últimos meses em relação a IPO.

O conjunto de dados financeiros revelados pela Bitmain mostrou notadamente expressivos os recursos acumulados pela empresa. Ela gerou US$ 2,8 bilhões em receita no primeiro semestre de 2018, um aumento de 10 vezes em relação ao mesmo período de 2017.

A  empresa registrou um lucro de mais de US$ 700 milhões, um aumento de 800% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Ainda não está claro em quanto a empresa será avaliada e qual será o número de ações oferecidas ao público, bem como o cronograma da oferta.

Porém, de acordo com um documento vazado e noticiado pelo News Bitcoin, a IPO sugerida é de cerca de US$ 15 a US$ 18 bilhões, com a listagem possivelmente sendo lançada no primeiro trimestre de 2019.

Publicidade

Especulações de uma IPO da Bitmain já circulavam na comunidade de criptomoedas há tempos, mas este ano a ideia adormeceu desde que o preço do bitcoin começou a despencar.

No entanto, em junho deste ano, voltou-se a falar do plano da mineradora. Na ocasião, um dos fundadores da Bitmain, o chinês Jihan Wu disse que empresa apresentaria em breve uma oferta pública na bolsa de valores.

Se a Bitmain conseguir a listagem em Hong Kong, ela certamente não será a única, visto que suas rivais, Ebang e Canaã, também estão buscando ativamente IPOs na bolsa regulamentada, reportou o Ethereum World News.

Impacto no mercado

O anúncio da preparação da IPO da Bitmain coincidiu com um aumento significativo no preço do Bitcoin Cash (BCH), uma das criptomoedas de ponta da mineradora — a empresa chegou a vender BTC para comprar BCH.

Publicidade

O BCH teve uma alta de mais de 20% e na noite de quarta-feira (26) o criptoativo estava sendo negociado acima de US$ 500.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil
Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br
Siga também o nosso Instagram com análises diárias.

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada

Análise: o preço do Bitcoin está novamente sendo ditado pela política do Fed

“Análise dos últimos 40 dias revela uma maior alinhamento com as expectativas de taxa de juros para junho”, diz firma de análises CoinShares
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 62 mil em dia de quedas generalizadas; Dogwifhat desaba 12%

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 62 mil em dia de quedas generalizadas; Dogwifhat desaba 12%

As quedas resultaram em liquidações de US$ 148 milhões no mercado de criptomoedas nas últimas 24 horas
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%
Imagem da matéria: Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

As baleias de Bitcoin compraram avidamente a última queda; investidores de longo prazo agora aguardam a próxima alta para realizar lucros