Leo Stronda promove robô ‘day trader’ no Instagram de empresa proibida pela CVM

Segundo o youtuber, robô rende até 3% por dia; ferramenta foi criticada por grandes nomes do mercado e fez dono da Harrison se pronunciar em defesa da empresa

Leo Stronda promove robô 'day trader' no Instagram de empresa proibida pela CVM
Leo Stronda começou a promover robô de day trade (Foto: Arquivo pessoal/Facebook)


Mais conhecido por dar dicas de musculação na internet, o cantor e youtuber Leonardo Schulz Cardoso, mais conhecido como Leo Stronda, também resolveu atacar de conselheiro para investimentos. E usou o Instagram para divulgar um robô de trading que, segundo ele, garante rendimentos de 2% a 3% ao dia.

O robô, chamado de HQuant, é um produto da Harrison Investimentos, uma das empresas proibidas recentemente pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários) de ofertar investimentos no Brasil. A autarquia, responsável por regular o mercado financeiro no Brasil, identificou atuação irregular da companhia e de seu responsável, Gabriel Harrison Dias da Rocha.

No vídeo, Stronda diz que já faz investimentos junto com a Harrison e realizou o curso de day trader oferecido pela empresa. E divulgou o robô como um “jeito de fazer dinheiro sem sair de casa”, devido à pandemia de coronavírus.

https://www.instagram.com/p/CArDs0lhIlC/

Stronda disse que abriu uma nova conta na Harrison para teste e aplicou R$ 1.000 na última segunda-feira (25). E em dois dias relatou ter conseguido rendimentos de até 3% graças a esse robô.

“Com R$ 1.000 na segunda-feira, usando o robô, ele deu R$ 24, ou seja, 2% do meu investimento no dia. E terça-feira ele deu R$ 32, ou seja, 3%. Onde você vai investir seu dinheiro e vai tirar 2% a 3% por dia? Diz pra mim. Se você não entendeu, ou é burro ou não quer ver a verdade na tua cara”, gabou-se o youtuber.

No perfil de Stronda há ainda outras postagens que fazem alusão à Harrison Investimentos. A reportagem tenta contato com o youtuber para esclarecimentos sobre a divulgação do robô e a situação da empresa junto à CVM.

Criticas nas redes sociais

Em nenhum momento Stronda fez menção à punição sofrida pela Harrison. No entanto, ela foi lembrada por nomes conhecidos no mercado de investimentos, como o economista Ricardo Breia, sócio-fundador e analista de fundos da Nord Research.



Além de criticar a propaganda de Stronda, Breia também fez uma alerta contra promessas de lucro rápido — comuns em esquemas financeiros que não costumam terminar bem para seus investidores.

“Uma aula de como ganhar dinheiro fácil: ‘robô daytrader'”, ironizou Breia em postagem no Instagram e Twitter.

No próprio Instagram alguns seguidores ironizaram Stronda. “A Betina da Maromba”, disse um seguidor, em alusão à polêmica propaganda feita pela analista da Empiricus Bettina Rudolph sobre o primeiro milhão de reais e que virou meme.

Outros fizeram referência à hashtag #OperaçãoFaraó, usada para denunciar esquemas financeiros fraudulentos.

Outros, no entanto, demonstraram entusiasmo com o produto divulgado pelo cantor e youtuber.

Harrison se defende

A postagem de Breia e sua repercussão fizeram o próprio Gabriel Harrison se manifestar por meio de vídeo no Instagram. Procurando demonstrar segurança e confiança, disse que sua empresa já está em conversas sobre a CVM quanto à punição.

“CVM pediu explicações nossas sobre a Harrison Investimentos referente aos nossos projetos. isso é comum, estamos explicando”.

Sobre as críticas feitas à atuação da Harrison Investimentos, seu fundador afirma que elas se devem ao fato de a empresa “já estar incomodando” grandes nomes do mercado.

“Essa empresa vai se tornar a maior do Brasil, vocês queiram ou não. estou preparando um batalhão de investidores que sonham grande, um batalhão que vai ajudar um ao outro”.

Sem citar o garoto-propaganda Stronda, Harrison defendeu também o robô lançado por sua empresa. “Muita gente criticou esse projeto do robô. Esse robô é maravilhoso, porque foi minha equipe que desenvolveu e vai mudar a vida da nossa geração”.

Ele afirmou ainda que novos projetos vão surgir a partir da Harrison Investimentos ainda este ano, incluindo um banco próprio.

Precatórios e traders

A Harrison Investimentos, de acordo com seu site, tem sede em Brasília e tem duas operações principais: a oferta de investimentos em precatórios federais e um curso à distância para formação de traders.

De acordo com texto pago publicado no portal Metrópoles em dezembro de 2018, a Harrison anunciava o lançamento do curso à distância para traders. O chamariz inicial é o de ganhar cerca de R$ 3 mil mensais com uma jornada de trabalho de apenas 4 horas diárias, de segunda a sexta, somente com a operação em pregões na Bolsa de Valores.

A empresa também afirma em seu site tocar projetos sociais em áreas como esporte, meio ambiente e educação financeira.

Já seu fundador, Gabriel Harrison Dias da Rocha, é descrito com um investidor e trader bem sucedido, de origem humilde, e que conseguiu vencer na vida a partir de seu trabalho. De vendedor de pipas aos 10 anos, diz ter conquistado seu primeiro milhão de reais aos 25.


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br