Imagem da matéria: Halving do Bitcoin pode impulsionar alta de longo prazo, diz CEO da Binance.US
Catherine Coley, CEO da Binance.US

O halving do Bitcoin está cada vez mais próximo. É um evento que ocorreu apenas duas vezes até agora e que assumiu um status quase mítico para os investidores de bitcoin: uma métrica predefinida no algorítimo do bitcoin que reduz pela metade a quantidade de Bitcoin concedido por cada novo bloco minerado.

O evento iminente gerou intensa especulação em toda a comunidade. O corte na oferta de novos Bitcoins levará a um aumento de preço curto prazo, ou talvez impulsionará uma alta de longo prazo? O mercado já está precificado? É apenas hype e não tem tanta importância assim?

Publicidade

“Uma ocasião importante”

Para Catherine Coley, CEO da Binance.US, braço da Binance nos EUA, o halving é uma “ocasião importante”, mas ela alerta que os efeitos podem não se tornar imediatamente aparentes. “Isso pode resultar em nada, ou pode resultar em uma maior adoção e um movimento de alta de longo prazo a partir disso”, disse Coley ao Decrypt. “Vimos em 2016 que o halving não teve uma reação instantânea, mas 18 meses depois tivemos a maior alta que já vimos”.

“É aí que está minha mentalidade”, continuou ela. “Muitas vezes há a frase ‘compre o boato, venda a notícia’ nos mercados, onde o evento em si será assombroso, mas os efeitos de ter atraído tanta atenção ao Bitcoin possivelmente levarão a uma manifestação de longo prazo mais tarde – pelo menos por causa da dificuldade de produzir novos Bitcoins e da atenção de mais pessoas que desejam adquiri-lo. Oferta e demanda, simples”.

Coley também enfatizou a importância de educar os novos investidores ao Bitcoin; o volume de pesquisas pelo halving aumentou nas últimas semanas, sugerindo que o evento poderia trazer um aumento de novos usuários para o mercado de criptomoedas.

“Nossas portas são abertas e acolhedoras para novas pessoas que estão tentando obter a ativos digitais”, disse Coley. “Há uma preparação a ser dita sobre o halving, de apenas garantir que nossos usuários sejam instruídos sobre isso e certifique-se de que é um evento que está nos calendários das pessoas para poder ver a reação dos mercados depois.”

Publicidade

Faz quase quatro anos desde o último halving, em 6 de julho de 2016, e foram cerca de quatro anos entre esse e o primeiro em 28 de novembro de 2012. A última vez, quando a recompensa de mineração caiu de 25 Bitcoins para 12,5 Bitcoins, o impacto imediato no preço do Bitcoin foi mínimo – mas o preço disparou. Com o próximo halving previsto para 11 de maio, diminuindo a recompensa de 12,5 Bitcoin para 6,25 Bitcoin, o que acontecerá agora?

O fator coronavírus

Infelizmente, o halving coincide com a crise internacional do coronavírus. Embora o Bitcoin e o mercado mais amplo de criptomoedas tenha se recuperado em grande parte do colapso financeiro do início de março, estamos em um mal momento até para pensar em halving – e muito menos no seu impacto no mercado.

“Acho que, à medida que o halving ocorre, esse é apenas mais um ponto na escala de maturação”, disse Coley. “Agora, concluímos algo dentro do código que foi escrito e, com base nisso, o próprio setor cresceu bastante”.

*Traduzido e republicado com autorização da Decrypt.co
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) cai para US$ 69 mil e mercado reduz apostas em ETF de Ethereum

Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) cai para US$ 69 mil e mercado reduz apostas em ETF de Ethereum

Quedas resultaram em quase US$ 200 milhões em posições de derivativos alavancadas liquidadas em diversos criptoativos, segundo CoinGlass
Imagem da matéria: Baleias estão mais famintas do que nunca por Bitcoin; Veja por quê

Baleias estão mais famintas do que nunca por Bitcoin; Veja por quê

“Atualmente a demanda de Bitcoin por esse grupo de investidores é a maior de todos os tempos”, diz estudo da CryptoQuant
Imagem da matéria: Corretoras batem recorde de negociações enquanto suas reservas de Bitcoin despencam

Corretoras batem recorde de negociações enquanto suas reservas de Bitcoin despencam

A alta das criptomoedas em março resultou em um recorde de negociações e queda drástica das reservas de Bitcoin das corretoras
nathalia arcuri me poupe

Nathalia Arcuri explica o halving do Bitcoin em vídeo no YouTube: “Investir ou não agora?”

Influencer recomenda a compra de um pouco de Bitcoin todos os meses: “A expectativa é sim que o Bitcoin continue subindo”