Imagem da matéria: Glassnode: Hodlers vão definir o futuro próximo do preço do Bitcoin
Foto: Shutterstock

Na semana passada, o mercado de bitcoins (BTC) voltou para um estado mais dócil após uma grande queda impulsionada por diversos receios.

Investidores e traders parecem estar digerindo as novas possibilidades macros, conforme novos mercados de regime inflacionário entraram, junto com um Federal Reserve cada vez mais linha-dura.

Publicidade

Essa mudança fez o mercado de bitcoins ser sacudido no curto prazo e correr o risco de obter controle dessas perspectivas a médio prazo.

O preço, que havia começado a semana passada em US$ 41.718, rapidamente estabeleceu uma nova correção de US$ 39.821 antes de chegar ao nível psicológico e significativo de US$ 40 mil. Durante o restante da semana, a ação de preço estava mais dinâmica, atingindo uma alta de US$ 44.252.

Esta semana, a newsletter da Glassnode cobre a atual incerteza que paira sobre o mercado de bitcoins e a psicologia desses participantes que tentam recuperar sua posição nos seguintes setores:

– lucros de HODLers estão em níveis fundamentais históricos e há uma resposta geral de investidores e observadores;

– dinâmicas reduzidas de fornecimento e comportamento de gastos entre holders de curto e longo prazo e o que indicam sobre sentimento de investidores a médio e longo prazo;

Publicidade

– atividade de derivativos e o que significa sobre as expectativas a curtíssimo prazo referente à ação de preço do bitcoin.

Preços durante a abertura (O), alta diária (H), baixa diária (O) e preço de fechamento (C) do bitcoin (Imagem: Glassnode)

Lucros de HODLers sob ataque

Neste momento, o preço do bitcoin está sendo negociado a uma baixa de 25% de sua alta recorde registrada em novembro de 2021. Conforme a queda se intensifica, um volume cada vez mais significativo de fornecimento de BTC caiu em um prejuízo não realizado.

Aproximadamente 5,7 milhões de BTC (cerca de 30% do fornecimento em circulação) estão submersos.

Conforme os “ursos” aplicam pressão ao grupo de holders que estão lucrando, “touros” de bitcoin defendem um nível historicamente significativo da métrica de Percentual de Fornecimento em Lucro.

Essa magnitude de “fornecimento pesado” foi defendida em dois exemplos nos últimos anos:

entre maio e julho de 2020, o calmo período de recuperação após a extrema queda relacionada ao pânico da covid-19;

Publicidade

entre maio e julho de 2021, o período instável e acumulativo após um histórico evento de desalavancagem.

A reação desse nível provavelmente fornecerá percepções sobre a direção a médio prazo do mercado de bitcoins.

Um maior enfraquecimento pode motivar esses vendedores submersos a finalmente capitularem enquanto um forte impulso otimista pode oferecer o tão necessário alívio psicológico e colocar mais moedas de volta em um lucro não realizado.

Fornecimento percentual de bitcoin em lucro (Imagem: Glassnode)

Pode-se estabelecer uma apreciação da psicologia do mercado ao observar quem está se livrando de suas moedas, além de por que e quando esses gastos estão acontecendo.

O gráfico Percentual de Volume de Transferência em Lucro mostra a proporção de moedas gastas em blockchain que haviam sido movimentadas a preços mais baixos como um medidor macro de medo e ganância.

Um Percentual de Volume de Transferência em Lucro superior a 65% sinaliza que uma quantidade maior de moedas está sendo gasta em lucro. Historicamente, isso acontece durante impulsos positivos conforme holders tomam vantagem da força de mercado.

Um Percentual de Volume de Transferência em Lucro inferior a 40% indica que volumes em blockchain são dominados por moedas adquiridas a preços mais altos. Isso geralmente acontece em tendências de baixa de mercado e principalmente durante eventos de capitulação. Exemplos passados nesse nível precederam uma reversão positiva e um período de comportamento geral de risco.

Publicidade
Percentual de Volume de Transferência de bitcoin em Lucro (média móvel exponencial de 14 dias) (Imagem: Glassnode)

Os baixos níveis de gastos rentáveis de moedas também são evidentes no gráfico de Lucro Realizado, que mostra a rentabilidade dos BTCs movimentados em dólares.

Holders em lucro estão demonstrando uma relutância em gastar moedas com valores consistentes de Lucro Realizado abaixo de US$ 1 bilhão/dia.

Em face da ação de preço tumultuosa e não convincente, isso sinaliza que esse grupo de holders está aguardando pacientemente por preços maiores para gastar seu respectivo fornecimento.

Crescentes lucros realizados, principalmente acima do nível de US$ 1 bilhão e acompanhados de um desempenho positivo de preço, sinalizam demanda pela absorção de moedas e é uma métrica a ser observada nas próximas semanas.

Lucro Realizado em bitcoin (Imagem: Glassnode)

Enquanto isso, Prejuízos Realizados continuam elevados e com uma tendência mais alta conforme holders submersos gastam moedas adquiridas próximo ao auge de mercado entre outubro e novembro.

Em média, valores diários de Prejuízos Realizados são de US$ 750 bilhões/dia, um comportamento comparável às baixas de capitulação entre maio e julho de 2021. A consistência de eventos de enorme realização de prejuízos indica uma inquietação no mercado.

Publicidade

No entanto, também reflete uma estimativa de fluxos de entrada de demanda para absorver essas moedas gastas.

Períodos contínuos de grande prejuízo realizado colocam a responsabilidade sobre os touros para comprovar um apoio suficiente na demanda.

Uma queda macro nos valores de lucro realizado seria um sinal mais encorajador para os touros, pois fornece um indício prévio da exaustão de vendedores.

Prejuízo Realizado de bitcoin (média móvel de sete dias) (Imagem: Glassnode)

O impasse existente entre a ação de preço, Lucros Realizados e Prejuízos Realizados é visível no Gradiente Realizado de Mercado (ou MRG) de 28 dias, que compara o dinamismo na Capitalização de Mercado (valor especulativo) e a Capitalização Realizada (fluxos de entrada de capital real).

Valores positivos sinalizam uma tendência de alta e o dinamismo crescente nos mercados spot está aumentando.

Valores negativos sugerem que uma tendência de baixa está acontecendo e o dinamismo favorece os ursos.

Valores maiores indicam que o bitcoin está possivelmente sobrecomprado (positivo) ou sobrevendido (negativo), pois a avaliação de mercado se desvia de fluxos de entrada ou saída de capital mais fundamental, respectivamente.

A tendência MRG e os valores indicam que a atual precificação de mercado está se aproximando de um ponto de equilíbrio com fluxos de entrada de capital com o desenvolvimento de uma divergência positiva durante um mês.

Uma ruptura firme acima de zero sinaliza que uma reversão positiva está em jogo enquanto uma ruptura abaixo de zero sugere que o dinamismo está acelerando para um ponto negativo.

Gradiente Realizado de Mercado de 28 dias (Imagem: Glassnode)

Grupos e psicologia

Também é possível analisar a psicologia e o comportamento de gastos tanto de holders a curto prazo (ou STHs) e a longo prazo (ou LTHs) ao analisar as mudanças em suas respectivas Capitalizações Realizadas e dinâmicas de fornecimento.

Valores negativos (na cor vermelha) indicam que a Capitalização Realizada dos holders a curto prazo está diariamente aumentando mais do que a Capitalização Realizada dos holders a longo prazo. Isso acontece durante ciclos de alta quando holders a longo prazo distribuem fornecimento para novos holders.

Valores positivos (na cor verde) sinalizam que a Capitalização Realizada dos holders a longo prazo está diariamente aumentando mais do que a Capitalização Realizada dos holders a curto prazo. Acontece durante mercados de acumulação em baixa conforme a atividade de holders a curto prazo diminui e moedas não gastas amadurecem no grupo de holders a longo prazo.

Atualmente, valores estão próximos a zero com uma tendência geral de alta, indicando um abrandamento de distribuição por holders a longo prazo, o mercado atinge um novo equilíbrio e uma possível reversão para acumulação.

Perceba que o processo de estabelecer um equilíbrio similar de mercado e possíveis quedas macro historicamente demorou anos para acontecer.

Lucro/Prejuízo de holders a curto prazo (STH) vs. Lucro/Prejuízo de holders a longo prazo (LTH) (Imagem: Glassnode)

A modesta distribuição de moedas de holders a longo prazo para holders a curto prazo e refletida pela métrica de Fornecimento Total Retido, pois o volume líquido de moedas mantidas pelo grupo de holders a curto prazo aumentou nos últimos meses.

O fornecimento mantido por esse grupo está em 3 milhões de BTC, uma baixa relativamente histórica, e um nível que significa uma transição para um mercado dominado por HODLers. Isso acontece desde o evento de desalavancagem em maio de 2021.

Baixos níveis de fornecimento por holders a curto prazo são comuns em tendências de baixa, pois moedas mais antigas continuam dormentes e moedas mais novas são lentamente acumuladas por compradores com alta convicção.

Fornecimento Total Retido em bitcoin por Holders a Curto Prazo (Imagem: Glassnode)

Em seguida, analisa-se as Ondas de HODL por Capitalização Realizada, que reflete o panorama da Capitalização Realizada por idade da moeda e base de custo.

O gráfico abaixo possui um filtro para moedas mais novas do que três meses para destacar as forças em jogo no grupo de holders a curtíssimo prazo.

De modo geral, valores mais baixos nessa métrica indicam uma tendência de baixa, onde moedas mais antigas estão dormentes e moedas mais novas são gradualmente acumuladas e retiradas do mercado.

No momento, cerca de 40% da Capitalização Realizada é mantida em moedas abaixo de três meses de existência, pertencentes a compradores que entraram próximos da alta de mercado ou durante a atual correção.

A faixa entre um a três meses está se expandindo e uma observação construtiva fará com que essas moedas continuem amadurecendo na faixa de mais de três meses, criando uma queda líquida nas moedas mais novas.

Uma observação mais pessimista seria a possibilidade de moedas mais antigas começarem a ser gastas, fazendo com que essas faixas engrossem, significando um fluxo de entrada adicional de fornecimento líquido que deve ser absorvido.

Ondas de HODL por Capitalização Realizada de bitcoin (Imagem: Glassnode)

Como está o desempenho dos derivativos?

Em meio à pressão de baixa na rentabilidade de holders de bitcoin, mas dinâmicas de fornecimento ainda favoráveis a médio e longo prazo, mercados de futuros continuam sendo uma situação volátil para a volatilidade a curto prazo, pois as Posições Abertas em Futuros Perpétuos estão em 250 mil BTC – um nível historicamente elevado.

Desde abril de 2021, isso se uniu a grandes pivôs na ação de preço conforme o risco de um “short squeeze” (quando o preço aumenta muito rápido) ou “long squeeze” (quando o preço cai muito rápido) aumenta, resolvida em eventos de ampla desalavancagem de mercado.

Posições Abertas em Futuros Perpétuos de bitcoin – todas as corretoras (Imagem: Glassnode)

Junto com a alta nas posições abertas estão os fluxos líquidos se movimentaram para um território negativo, indicando que posições vendidas estavam sedentas por alavancagem.

Conforme mercados de swaps perpétuos foram pressionados abaixo de preços spot, acrescenta mais viés a um possível fornecimento exagerado de posições vendidas próximo ao preço atual.

Fluxos líquidos de Futuros Perpétuos de bitcoin – todas as corretoras (Imagem: Glassnode)

Além de enormes posições abertas pendentes e fluxos líquidos negativos, o volume negociado continua sua tendência de baixa, atualmente de US$ 30 bilhões/dia.

Isso coincide com níveis de dezembro de 2020 e reflete uma notável redução das altas do mercado de alta de 2021, atingindo bem acima de US$ 70 bilhões/dia. Caso um evento de desalavancagem aconteça, menores volumes negociados podem acentuar o impacto.

Volume de Futuros Perpétuos de bitcoin – todas as corretoras (média móvel de sete dias) (Imagem: Glassnode)

Conforme as Posições Abertas continuam encarregadas de uma grande movimentação, fluxos líquidos caem e volumes de futuros se contraem, as Posições Abertas de Margem em Cripto continuam sua marcha de forma descendente em comparação a Posições Abertas de Margem em Dinheiro em Espécie.

Conforme apenas 40% das Posições Abertas estão em produtos de Margem em Cripto e em uma tendência de baixa convincente desde maio de 2021, dados de Futuros de Margem em Dinheiro em Espécie se tornam um sinal cada vez mais alto e digno da atenção de mais participantes de mercado.

Note que essa tendência é bastante direcionada por uma redução relativa na margem cripto nas corretoras Binance, Bybit, Huobi e OKEx.

Percentual de Posições Abertas de Futuros de Margem em Cripto – todas as corretoras (Imagem: Glassnode)

Resumindo, existe evidência de que o mercado está atingindo uma certa forma de preço e equilíbrio do dinamismo no que é uma ampla estrutura de mercado mais em baixa. Ursos de bitcoin certamente têm uma vantagem.

Porém, modestas divergências de alta estão aparecendo entre um número de métricas e indicadores em blockchain.

Junto com um elevado número de posições abertas de futuros e um viés que parece ser um forte mercado de venda, o risco de desalavancagem ascendente ainda é possível.

Sobre o autor

Glassnode é a maior provedora de dados e inteligência de blockchain que gera métricas e ferramentas on-chain para quem realmente quer entender o mercado de criptomoedas.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização da Glassnode.

VOCÊ PODE GOSTAR
smartphone com logotipo da Toncoin TON à frente de monitor que mostra gráfico de mercado

Semana Cripto: Bitcoin cai enquanto Toncoin sobe e se aproxima da Dogecoin em valor de mercado

Criptomoedas de grande capitalização como PEPE e WIF também tiveram quedas de até 20% na semana
Imagem da matéria: A empresa de segurança Certik está extorquindo a Kraken por milhões? Entenda

A empresa de segurança Certik está extorquindo a Kraken por milhões? Entenda

A empresa de segurança alegou que teve muito pouco tempo para devolver os fundos da Kraken enquanto testava o escopo de uma exploração
Ilustração de moeda NOT dourada com logotipo do jogo Notcoin do Telegram

Manhã Cripto: Bitcoin entra em compasso de espera, mas Notcoin dispara 5%

Notcoin, um jogo Play-to-Earn no Telegram, anunciou que sua base total de jogadores agora é de 40 milhões
Glaidson Acácio dos Santos, o "Faraó do Bitcoin"

Conselho nega recurso do “Faraó do Bitcoin” e mantém condenação de R$ 34 milhões da CVM

CRSFN manteve a condenação, no valor total de R$ 102 milhões, a GAS Consultoria, Glaidson Acácio (o Faraó do Bitcoin) e sua esposa Mirelis Diaz