Imagem da matéria: “Gastar Bitcoin hoje não tem sentido”, afirma Fernando Ulrich
(Foto: Shutterstock)

O economista Fernando Ulrich iniciou ontem (30) uma thread (uma espécie de “linha de discussões” feita no Twitter), na qual diz não ver sentindo em gastar Bitcoin. A ideia é que a criptomoeda precisa se tornar “uma boa reserva de valor” para “naturalmente ser usada como meio de troca no futuro”.

https://twitter.com/fernandoulrich/status/1023941652468195330

Publicidade

A postagem feita no Twitter por Ulrich, que também é analista de criptomoedas da XP Investimentos, reproduz trechos de seu artigo “Por que dinheiro tem valor e gastar Bitcoin não faz sentido” (tradução livre do original em língua inglesa “Why money has value and spending Bitcoin is senseless”). O texto foi também publicado ontem (30), na plataforma Medium.

O autor do livro “Bitcoin – a moeda na era digital” afirma que o Bitcoin para se tornar moeda tem de passar por três estágios. E o primeiro deles é o de reserva de valor, apesar de “a essência do dinheiro é a de ser usada como meio de troca”.

“Para que algo se torne dinheiro, ou um meio de troca (MoE – sigla para o termo em inglês Medium of  Exchange) universalmente aceito, ele deve primeiro seguir os estágios evolucionários. Primeiro, vem a reserva de valor (Store of Value – SoV), segundo, MoE e terceiro, unidade de conta (Unit of Account – UoA)”, diz o economista.

Ulrich afirma que apesar de não haver diferença clara entre meio de troca e reserva de valor quando se analisa o “fenômeno monetário”, a reserva de valor é o estágio que precede sobre a reserva de valor e “pode ser considerado predominante nos estágios iniciais da monetização de uma commodity”.

Para isso ocorra, entretanto, as pessoas precisam ter interesse em possuir essa moeda criptografada, primeiramente, diz o economista sob a ótica de que não há como estabelecer uma troca oferecendo algo que as outras pessoas não desejem receber.

Publicidade

“À medida que sua proposição de valor é mais apreciada, aumenta sua demanda; à medida que os saldos de caixa aumentam marginalmente, sua liquidez aumenta, enquanto a volatilidade diminui. Os efeitos de rede exercem um ciclo de feedback positivo, melhorando a liquidez do Bitcoin, estabilizando o preço, reduzindo os custos totais de taxas”, afirma.

Fernando Ulrich, sob esse aspecto, diz que isso ainda levará tempo e não será da noite para o dia que o Bitcoin vai ser usado como meio de troca, pois isso dependerá de sua escassez a qual virá “progressivamente mais tarde, gradualmente, por um longo período”.

Entre o objetivo e a realidade

Em outra publicação, “Defendendo o Bitcoin em Mordor”, especialista havia dito que o Bitcoin surgiu com o objetivo de se trazer uma moeda digital com as mesmas características do “dinheiro vivo”:

“O objetivo era conceber um dinheiro puramente eletrônico, digitalizando as propriedades do dinheiro em espécie (o “cash”, em inglês). Mais especificamente, o objetivo era criar uma moeda digital que apresentasse as mesmas características do dinheiro vivo, a saber: ser um ativo ao portador; possibilitar transações sem intermediários e irreversíveis; e ter ampla privacidade”, afirma.

Publicidade

A questão é que esse atrigo era uma adaptação de sua participação em Brasília sobre a discussão da regulação de moedas criptografadas por meio do projeto de Lei nº 23.03/15 que aconteceu em 05 de julho de 2017.

Naquele tempo, Ulrich apontou como o caminho a “prudência” e que fosse dado “tempo ao tempo” para que não fosse sufocada “essa grande invenção tecnológica ainda no berço somente privará a sociedade do enorme potencial que nem sequer podemos prever em sua plenitude”.

Hoje, o discurso parece ser igual apesar de não dirigido aos reguladores, mas aos usuários das moedas criptografadas. Para o economista esse objetivo do Bitcoin se tornar “um dinheiro puramente eletrônico” ainda deve demorar um pouco para ser alcançado, mas enquanto isso, ele diz:

“O Bitcoin deve manter sua utilidade como uma boa reserva de valor”.


Compre Bitcoin no Celular

A BitcoinTrade é a melhor plataforma para operar criptomoedas do Brasil.
Compre Bitcoin, Ethereum e Litecoin com segurança e liquidez, diretamente pelo app.
Baixe agora e aproveite, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada

Análise: o preço do Bitcoin está novamente sendo ditado pela política do Fed

“Análise dos últimos 40 dias revela uma maior alinhamento com as expectativas de taxa de juros para junho”, diz firma de análises CoinShares
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 62 mil em dia de quedas generalizadas; Dogwifhat desaba 12%

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 62 mil em dia de quedas generalizadas; Dogwifhat desaba 12%

As quedas resultaram em liquidações de US$ 148 milhões no mercado de criptomoedas nas últimas 24 horas
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram
Imagem da matéria: Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

“Parte técnica você descreve como funciona e acabou. Nas vacas sagradas leva um bom tanto de desconstrução de conceitos”, diz Breno Brito