Imagem da matéria: Finlândia doa à Ucrânia US$ 47 milhões em bitcoin confiscado do crime
(Foto: Shutterstock)

Nesta quinta-feira (21), autoridades alfandegárias da Finlândia anunciaram a venda de bitcoins (BTC) confiscados, equivalentes a € 46,5 milhões (ou US$ 47,35 milhões).

De acordo com um comunicado de imprensa, grande parte dos 1.889 BTC foi confiscado em batidas antes de 2018. A quantia foi apreendida durante apreensões de drogas e transferida para o controle do Estado por meio de decisões do tribunal, mas parece ter sido sujeita a longas deliberações sobre o que fazer com os ativos.

Publicidade

Em julho de 2021, a agência alfandegária Tulli apresentou um lance para corretores que desejassem vender as criptomoedas confiscadas em nome do Estado.

O bitcoin atingiu o auge de seu mercado de alta em 2021 logo após registrar um novo recorde de US$ 68.790 no dia 10 de novembro. Nesse preço, a quantia em bitcoin da Finlândia poderia ter gerado quase US$ 130 milhões.

Porém, o lance não foi finalizado até abril deste ano, quando duas empresas foram escolhidas para realizar a venda.

Tulli também alega que possui outras criptomoedas sob sua posse, mas estas só equivalem a “algumas centenas de milhares de euros, no máximo”. Outros 90 BTC (equivalentes a US$ 2 milhões) continuam nas mãos da agência, aguardando decisões do tribunal.

Em abril deste ano, a ministra das Finanças da Finlândia, Annika Saarikko, tuitou que o país iria doar “dezenas de milhões” de euros obtidos por meio da venda de bitcoins confiscados à Ucrânia após a invasão da Rússia ao país.

Publicidade

Um porta-voz da agência alfandegária contou ao Decrypt que, “no que diz respeito à Alfândega Finlandesa, o lucro total das vendas será doado à Ucrânia e a doação já foi aprovada pelo Parlamento Finlandês no segundo orçamento suplementar neste verão”.

Venda de bitcoins confiscados

A Finlândia não é o único país a ter vendido bitcoins confiscados de criminosos. O serviço de delegados federais dos EUA (USMS) afirma ter vendido 187.381 BTC confiscados em nove leilões desde 2014, mas negou a informar os lucros gerados em dólares. A NBC estima que o lucro das vendas pode ter sido de US$ 179 milhões.

Em março de 2021, autoridades na França leiloaram 611 BTC — na época, equivalentes a US$ 34,5 milhões —, confiscados durante a investigação do hack à GateHub em 2019. Curiosamente, durante o leilão, um comprador otimista pagou mais de US$ 26 mil por um lote de 0,11 BTC — a uma média de US$ 290 mil por BTC.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

Quer investir em ativos digitais, mas não sabe por onde começar? O Mercado Bitcoin oferece a melhor e mais segura experiência de negociação para quem está dando os primeiros passos na economia digital. Conheça o MB!

Talvez você queira ler
Imagem da matéria: "Go F*** Yourself": Piti de Elon Musk inspira onda de novas memecoins; uma subiu 77% no dia

“Go F*** Yourself”: Piti de Elon Musk inspira onda de novas memecoins; uma subiu 77% no dia

O ataque verbal do bilionário Elon Musk a antigos anunciantes do X está levando os entusiastas a criar e negociar diversos tokens GFY
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Juiz proíbe ex-CEO da Binance de deixar os EUA; Investidores da FTX processam F1 e liga de beisebol 

Manhã Cripto: Juiz proíbe ex-CEO da Binance de deixar os EUA; Investidores da FTX processam F1 e liga de beisebol 

O fundador da Binance deverá permanecer em território americano até que o tribunal de Seattle avalie se ele poderá retornar aos Emirados Árabes
Robert Kiyosaki autor do livro Pai Rico Pai Pobre posa para foto

Compre Bitcoin antes que seja tarde demais, diz autor de “Pai Rico, Pai Pobre”

Robert Kiyosaki destacou a nova máxima histórica do ouro e disse que as pessoas precisam compra o metal e Bitcoin antes que seja tarde
Imagem da matéria: Enquanto EUA lutam para aprovar ETF de Bitcoin, produtos do Brasil já movimentam R$ 473 milhões 

Enquanto EUA lutam para aprovar ETF de Bitcoin, produtos do Brasil já movimentam R$ 473 milhões 

Brasil conta com ETFs de criptomoedas desde 2021 e já tem dois grandes produtos de Bitcoin à vista, liderados por Hashdex e QR Asset