Imagem da matéria: Exchange perde US$ 77 milhões em mais de 80 criptomoedas após ser alvo de ataque hacker
Foto: Shutterstock

A exchange de criptomoedas AscendEx foi alvo de um ataque hacker na noite de sábado (11) e invasores conseguiram roubar US$ 77,7 milhões em mais de 80 criptomoedas ao tomar o controle das hot wallets da corretora.

De acordo com a estimativa da empresa de segurança PeckShield, foram US$ 60 milhões roubados em tokens da rede Ethereum, US$ 9,2 milhões em tokens da Binance Smart Chain e US$ 8,5 milhões da Polygon.

Publicidade

Embora não tenha divulgado o prejuízo total do ataque, a exchange confirmou que detectou vários tokens ERC-20, BSC e Polygon serem transferidos para fora da sua hot wallet, o que teria sido uma atividade dos hackers.

As “carteiras quentes” são conectadas à internet e permitem transações mais rápidas e fáceis. No entanto, são mais suscetíveis a ataques do que as “carteiras frias”, que geralmente são dispositivos de hardware criados para armazenar criptomoedas offline.

A corretora confirmou que a sua cold wallet não foi afetada pelo ataque e que uma investigação está em andamento para entender o que aconteceu na noite passada e identificar qual brecha os possíveis invasores conseguiram explorar. 

“Se os fundos de qualquer usuário forem afetados pelo incidente, eles serão totalmente cobertos pela AscendEX”, garantiu a exchange no único tweet que fez sobre o ataque até o momento.

Publicidade

Ao checar as saídas dos endereços da corretora, os analistas do PeckShield identificaram que os tokens ERC-20 da rede Ethereum deram o maior prejuízo. 

Pelo menos 77 criptomoedas ERC-20 foram desviadas no ataque. Um token pouco conhecido chamado Taraxa (TARA) foi o responsável pela maior quantia roubada pelos invasores: US$ 10,8 milhões.

AscendEx 

A AscendEx ocupa atualmente a 36ª posição entre as maiores exchanges do mercado, movimentando diariamente cerca de US$ 114 milhões, segundo o CoinMarketCap.

No Twitter, a exchange que no passado era conhecida como Bitmax se descreve como uma plataforma “líder global fundada por um grupo de veteranos de negociação quantitativa de Wall Street em 2018”. 

Publicidade

Mas o que deve atrair usuários para a AscendEx  é a quantidade de criptomoedas que a plaforma oferece. Ao todo, são 278 criptomoedas disponíveis para negociação — a grande maioria, shitcoins.

Há exatamente uma semana, a Bitmart, outra exchange de criptomoedas que também listava um grande número de shitcoins, foi hackeada e perdeu US$ 200 milhões ao ter duas hot wallets comprometidas.

Naquela vez, os hackers converteram os tokens roubados na exchange descentralizada (DEX) 1inch e usaram o Tornado Cash, um serviço de mixing para a blockchain Ethereum, para ofuscar suas identidades.

VOCÊ PODE GOSTAR
moedas de bitcoin e ethereum sobre mesa envernizada

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 70 mil e Ethereum desacelera após maior salto em mais de um mês

Traders de criptomoedas pisam no freio nesta terça-feira (9) depois do rali do Ethereum durante a madrugada
Imagem da matéria: Adolescentes são presos por extorquir investidor de criptomoedas em hotel de luxo

Adolescentes são presos por extorquir investidor de criptomoedas em hotel de luxo

O hotel Harbour Grand Kowloon, em Hong Kong, era frequentemente utilizado para a negociação informal de criptomoedas
Imagem da matéria: Scarpa quer desfecho de ação contra Willian Bigode por golpe cripto: “Já passou da hora”

Scarpa quer desfecho de ação contra Willian Bigode por golpe cripto: “Já passou da hora”

O jogador do Atlético Mineiro está desde o ano passado atrás dos valores investidos na WLJC Gestão Financeira através de Bigode
Logotipo OKX ao fundo tela trading

OKX lança rede Ethereum de segunda camada para desafiar a Base da Coinbase

Uma rede de escalonamento Ethereum de segunda camada construída pela OKX lançou a rede principal, abrindo caminho para novos usuários