Imagem da matéria: Exchange de bitcoin Bitstamp é vendida para empresa de investimentos sul-coreana
(Foto: Marco Verch/Flickr)

Uma das exchanges de criptomoedas mais antigas em negociação de bitcoin, a Bitstamp, acaba de ser adquirida pela empresa de investimentos NXMH, segundo comunicado no site da corretora nesta segunda-feira (19).

A NXMH, subsidiária da sul-coreana NXC, é uma empresa de private equity e investimentos com sede em Bruxelas, na Bélgica, e também é dona da exchange sul-coreana Korbit.

Publicidade

O grupo NXC, conhecido por possuir a gigante dos videogames Nexon, já havia adquirido a Korbit por US$ 80 milhões no ano passado, segundo o The Next Web.

Não foi divulgado o valor da transação, mas, segundo um tweet de Nathaniel Popper que escreve sobre cripto para jornal The New York Times, o preço de compra estaria em torno de US$ 400 milhões.

A Bistamp também se pronunciou no Twitter:

“A Bitstamp foi adquirida pela empresa de investimentos NXMH, sediada na Bélgica. Nossa equipe, liderança e visão permanecem as mesmas. Acreditamos que este é o próximo passo lógico em nossa missão de ser a exchange de criptomoedas mais confiável do mercado”.

De acordo com o comunicado, a empresa diz que estava sendo regularmente procurada por interessados em adquiri-la já a algum tempo.

Publicidade

Cita, também, que a razão pela qual ela decidiu realizar a venda é uma combinação da qualidade da NXMH com o momento atual do mercado e que essa consolidação faz sentido.

A Bitstamp foi fundada por Nejc Kodrič, de 29 anos, com apenas mil euros em 2011, publicou a Fortune. Desde então, levantou um total de cerca de US$ 14 milhões de investidores, incluindo a Pantera Capital.

Kodrič, que assinou a nota, deve permanecer como CEO da Bitstamp. De acordo com o Fortune, ele acredita que não haverá mudanças para os clientes da empresa ou seus 180 funcionários após a aquisição.

Ele acrescentou que a exchange foi lucrativa desde o seu primeiro dia de funcionamento.

“Nós temos a mesma opinião que a NXMH – por que mudar alguma coisa se funciona perfeitamente bem?”, disse o CEO.

Publicidade

Sobre uma possível fusão das duas exchanges, já que agora pertencem ao mesmo grupo, o diretor executivo, a princípio, descarta a possibilidade.

“Nós conversamos sobre isso, mas decidimos manter as empresas funcionando separadamente”, assegurou o CEO.

Kodrič disse que a NXMH foi um dos quatro interessados ​​no Bitstamp em um processo que começou em meados de 2017. Ele relatou que o acordo foi fechado em dezembro com o preço do Bitcoin chegando perto de US$ 20 mil.

A demora, disse ele, aconteceu por conta do tempo que levou a aprovação regulatória para ambas empresas.

“Não estávamos procurando vender. Definitivamente, não estávamos à procura de investimento porque não precisávamos levantar capital”, lembra Kodrič.

No entanto, o diretor executivo que já percorreu um longo caminho desde que começou a Bitstamp em uma garagem com dois laptops e 1000 euros há sete anos, sacou praticamente toda a sua participação na empresa, que era de 10% das ações, relatou a Fortune.

Volume Bitstamp

Nesta manhã de segunda-feira, a Bitstamp está classificada como a 29ª maior exchange de criptomoedas, segundo o CoinMarketCap, com cerca de US$ 53 milhões em negociações nas últimas 24 horas.

Os quatro pares mais negociados no momento são BTC/USD, com volume de aproximadamente US$ 26 milhões, XRP/USD (US$ 8,6 milhões), BTC/EURO (US$ 7,2 milhões) e ETH/USD, com US$ 3,2 milhões em negociações recentes.

Publicidade

BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br
Siga também o nosso Instagram com análises diárias.

VOCÊ PODE GOSTAR
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
bitcoin e ethereum em grafico vermelho de queda

Bitcoin e Ethereum passam a cair e provocam liquidações de US$ 150 milhões

Tanto o Bitcoin quanto o Ethereum despencaram na manhã de sexta-feira (10), provocando uma onda de liquidação de longo prazo
Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada

Análise: o preço do Bitcoin está novamente sendo ditado pela política do Fed

“Análise dos últimos 40 dias revela uma maior alinhamento com as expectativas de taxa de juros para junho”, diz firma de análises CoinShares
Criador do Twitter e da Square, Jack Dorsey em palestra no TED

Preço do Bitcoin atingirá US$ 1 milhão até 2030, diz Jack Dorsey

Em uma entrevista recente, o cofundador do Twitter e da Block argumentou que o Bitcoin poderia atingir US$ 1 milhão e ir “além” no futuro