Imagem da matéria: Ether despenca em meio à preocupação dos investidores com a Fusão
(Foto: Shutterstock)

O ether (ETH) está caindo 4,4% nas últimas 24 horas, caindo abaixo de US$ 1,6 mil. A segunda maior criptomoeda, cuja capitalização de mercado é de US$ 193 bilhões, está sendo negociada a US$ 1.593. Mais cedo, o preço do token chegou a cair mais de 6%.

O atual preço do ether está 67% distante de seu recorde de US$ 4.891 registrado em novembro de 2021, de acordo com o site CoinMarketCap.

Publicidade

A ação negativa de preço pode ser atribuída às crescentes preocupações em relação ao futuro do Ethereum e de seus mineradores após a Fusão. A expectativa é que o evento aconteça em setembro.

“Existem muitos possíveis riscos na fusão do ETH”, tuitou Evgeny Gaevoy, CEO da Wintermute. “O fato de as pessoas estarem trabalhando nela há anos não significa que irá funcionar perfeitamente.”

Atualmente, o Ethereum utiliza o mesmo modelo de consenso que o Bitcoin, que exige que máquinas de mineração operem 24 horas por dia para verificar transações e manter a segurança da rede. O evento de fusão irá migrar desse modelo de consenso para uma versão supostamente mais sustentável chamada proof of stake (ou PoS, na sigla em inglês).

A mudança também significa que mineradores não vão mais garantir a manutenção da rede, e sim validadores. Em vez de adquirir fazendas de máquinas para validar transações, usuários podem fazer o staking de 32 ETH para se tornar um validador na rede atualizada. Validadores ganham uma recompensa por seu trabalho, mas também podem perder dinheiro se agirem de má-fé.

Publicidade

É essa falta de necessidade por máquinas de mineração que fez alguns grupos de mineradores agirem.

Antpool, a plataforma de mineração de criptomoedas apoiada pela fabricante de hardware Bitmain, investiu US$ 10 milhões no Ethereum Classic (ETC), o “Ethereum original”, para proteger seu interesse comercial após a fusão.

ChandlerGuo, um grande minerador cripto da China, apresentou um plano para bifurcar a rede atual do Ethereum para continuar operando como uma blockchain proof of work (ou PoW).

Bitcoin cai junto com o ether

Seguido do ether, a principal criptomoeda, bitcoin (BTC), também caiu, perdendo 1,2% de seu valor nas últimas 24 horas.

O bitcoin está precificado em cerca de US$ 22.936, 66% distante de seu recorde de US$ 69.789 registrado em novembro de 2021.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

VOCÊ PODE GOSTAR
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Governo dos EUA contrata empresa para monitorar a Binance

A Forensic Risk Alliance venceu a disputa contra a Sullivan & Cromwell, que atuou no caso FTX
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza acima de US$ 67 mil; Ethereum atinge US$ 3 mil em semana decisiva para ETFs

Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza acima de US$ 67 mil; Ethereum atinge US$ 3 mil em semana decisiva para ETFs

A semana promete ser agitada à medida que chega o prazo final para a SEC decidir se aprova ou rejeita o lançamento de ETFs de Ethereum à vista
Imagem da matéria: Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Ao todo, vítima gastou quase R$ 5 milhões nos pagamentos: além do envio de Bitcoin, foram 40 depósitos bancários
hackers em frente a computadores

Exchange de criptomoedas Rain perde US$ 14,8 milhões em ataque hacker

A exchange disse que já tomou as medidas necessárias e que todas as sua atividades estão funcionando normalmente, inclusive saques