quatro jovens homens e mulheres miram tablet e comemoram
Foto: Shutterstock

A Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV EESP) divulgou nesta semana os resultados da 3ª edição do Desafio de Dados (Datathon), evento que ocorreu online entre os dias 14 de outubro e 4 de novembro.

A iniciativa, que premiou os vencedores em até R$ 8 mil, tem como objetivo fomentar estudos e atividades envolvendo criptomoedas e promover a integração de alunos de graduação de todo o Brasil.

Publicidade

Segundo a organização do Datathon, o desafio contou com 50 estudantes de graduação de 17 Instituições de Ensino Superior situadas nos estados Amazonas, Pará, Pernambuco, Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul.

“A maior parte dos participantes são futuros engenheiros (34%), administradores (24%), e economistas (16%), mas houve também participação de futuros estatísticos, matemáticos, financistas e analistas de sistemas”, disse a FGV em nota.

Foram quatro as equipes finalistas do Datathon que apresentaram seus problemas de pesquisa e soluções propostas para o Comitê avaliador: AustrianBoyz; BRL.py; Cryptal; e LTCM. O comitê, segundo a organização, foi composto por representantes da FGV, USP, Ripple, Hashdex, QR Capital, B3, GV Code, e FGV Crypto.

Conforme descreve a nota, “após acirrada disputa”, o Comitê elegeu como vencedores os seguintes grupos:

 • 1º lugar — Cryptal (USP), com o tema “Estratégia de investimento baseada em Mercados Fractais para o caso de criptomoedas”;

Publicidade

 • 2º lugar — AustrianBoyz (UFRGS), sob o título “Do caos às criptomoedas: uma análise de criptoativos baseada na física de sistemas caóticos e redes neurais”;

• 3º lugar — LTCM (UFMG), que concorreu com um título em inglês:  “Using Reddit and Markov Chains to time Bitcoin” (Usando a rede social Reddit e a Cadeia de Markov para cronometrar Bitcoin).

“As três equipes vencedoras apresentarão suas soluções em um webinar no canal do YouTube da FGV, a ser realizado no próximo dia 09/11, quarta-feira, às 18 horas. A participação do webinar ficará disponível ao público no canal do YouTube da FGV”, concluiu.

A 3ª edição do desafio teve o apoio da Ripple, University Blockchain Research Initiative (UBRI), Hashdex, QR Asset, GV Code, USP-UBRI e Portal do Bitcoin.

Publicidade

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin sobe 2% e recupera os US$ 65 mil; Bitso lança campanha para vítimas das chuvas no RS

Manhã Cripto: Bitcoin sobe 2% e recupera os US$ 65 mil; Bitso lança campanha para vítimas das chuvas no RS

No final de semana, o Bitcoin atingiu a marca de um bilhão de transações processadas desde o seu lançamento
Imagem da matéria: Pump.fun: site que permite criar memecoin por apenas R$ 15 bate recorde de atividade

Pump.fun: site que permite criar memecoin por apenas R$ 15 bate recorde de atividade

Entre os 14.500 tokens lançados na Solana por meio do pump.fun, milhares eram baseados na GameStop
bitcoin e ethereum em grafico vermelho de queda

Bitcoin e Ethereum passam a cair e provocam liquidações de US$ 150 milhões

Tanto o Bitcoin quanto o Ethereum despencaram na manhã de sexta-feira (10), provocando uma onda de liquidação de longo prazo
tornado cash 1

Desenvolvedor do Tornado Cash é condenado a 5 anos de prisão por lavagem de dinheiro

“O Tornado Cash, em sua natureza e funcionamento, é uma ferramenta destinada a criminosos”, disse um dos juízes ao condenar Alexey Pertsev