Imagem da matéria: Empresas criam aliança para reprimir manipulação no mercado de criptomoedas
Foto: Shutterstock

Um grupo de empresas de criptomoedas, incluindo a fornecedora de stablecoins Circle, Anchorage Digital e a corretora cripto Huobi Global criaram uma aliança para reprimir a manipulação no mercado cripto, segundo a Reuters.

A aliança, chamada de “Crypto Market Integrity Coalition”, pede para que empresas cripto assinem um compromisso de “integridade do mercado”.

Publicidade

O objetivo desse compromisso é reconhecer o potencial de fraude no mercado cripto enquanto sinaliza a necessidade de proteger clientes.

“É realmente sobre reconhecer que você precisa de entidades que estejam focados em um sistema justo e ordenado aqui e realmente tentam evitar os abusos que podem acontecer se você não estiver prestando atenção”, disse Kathy Kraninger, vice-presidente de assuntos regulatórios no Solidus Labs.

A empresa de monitoramento de risco Solidus Labs convocou a aliança.

“A integridade é essencial ao progresso e à capacidade de nossa indústria continuar inovando e desenvolvendo uma infraestrutura que apresenta na promessa de acesso a recursos financeiros para todos”, disse Dante Disparte, diretor de estratégias e líder de políticas globais na Circle.

A aliança surge em meio a uma época em que a indústria cripto está envolvida com diversas controvérsias regulatórias.

Cripto e o apelo para a regulação

A indústria cripto enfrenta apelos para normas mais rigorosas de reguladores e políticos em todo o mundo.

Nos Estados Unidos, Gary Gensler, presidente da Comissão de Valores Mobiliários e de Câmbio dos EUA (ou SEC, na sigla em inglês), disse que a indústria cripto precisa de leis mais rigorosas de proteção a consumidores.

Publicidade

Ele alertou que a indústria de Finanças Descentralizadas (ou DeFi) pode estar repleta de valores mobiliários não registrados. Em outubro de 2021, ele disse que DeFi vão “acabar mal” sem a implementação de leis de proteção a consumidores.

Já no Reino Unido, a Autoridade de Conduta Financeira (ou FCA) frequentemente alertou sobre a indústria cripto, emitindo um alerta para que consumidores estejam prontos para “perderem todo o seu dinheiro” caso invistam em criptomoedas.

Empresas específicas também causaram a ira de reguladores internacionais.

A corretora cripto Binance (que enfrentou alertas, medidas de execução e até acusações criminais de reguladores) é um exemplo.

Este ano, uma investigação também descobriu que o CEO Changpeng Zhao (ou CZ) ignorou alertas internos sobre os fracassos regulatórios da corretora.

No entanto, ainda veremos como essa aliança recém-formada poderá realmente ter um impacto.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

Ação conjunta da ABcripto e associados visa levantar fundos e doações para desabrigados das inundações
solana, criptomoedas,

Este evento vai fazer a Solana atingir US$ 400 este ano, projeta analista

Para analista da Merkle tree, a Solana pode disparar 170% este ano puxado por memecoins ligadas aos candidatos na eleição dos Estados Unidos
Imagem da matéria: Gnosis (GNO) dispara 20% após lançamento de plano para reviver o token

Gnosis (GNO) dispara 20% após lançamento de plano para reviver o token

Um programa de crescimento com aporte milionário de fundo cripto está sendo votado neste momento pelos usuários do GNO
Tela de computador com logotipo da Binance e lente de aumento

Binance vendeu direito de crédito de clientes na Genesis sem consentimento, diz jornal

Os supostos clientes afetados são da Gopax, corretora que a Binance comprou no ano passado para operar na Coreia do Sul