Detetive
Foto: Shutterstock

O investigador de blockchain ZachXBT, que há anos conduz investigações on-chain sobre supostas condutas financeiras incorretas na indústria de criptomoedas, está sendo processado por difamação por um empresário que ele havia investigado anteriormente.

Em junho de 2022, ZachXBT acusou o músico taiwanês-americano e executivo de tecnologia Jeffrey Huang, conhecido também pelo seu nome online Machi Big Brother, de desviar 22.000 Ethereum, no valor de US$ 37,8 milhões na época, de uma plataforma de gestão de tesouraria de criptomoedas desativada que Huang havia co-fundado. O investigador apoiou a afirmação com dados on-chain.

Publicidade

Na quinta-feira (15), Huang entrou com um processo federal no Tribunal Distrital dos Estados Unidos no Texas e alegou que as acusações eram falsas e que ZachXBT agora é responsável por danos à reputação de Huang.

“Eu sempre afirmei que as alegações no artigo dele são falsas”, escreveu Huang no Twitter na sexta-feira (16). “Aguardo ansiosamente a oportunidade de provar através do processo que [ele] difamou ilegalmente minha pessoa.”

Crucialmente, para entrar com o processo, Huang e seus advogados conseguiram descobrir o nome legal e o local de residência de ZachXBT. Como ZachXBT tem investigado publicamente diversos atores poderosos do setor das criptomoedas há anos, sua capacidade de permanecer anônimo tem sido fundamental para sua atividade. O nome do investigador, porém, agora é visível em cópias do processo de quinta-feira carregadas em vários bancos de dados públicos.

Pedido de socorro via Twitter

Na sexta-feira, ZachXBT recorreu ao Twitter para informar seus 403.000 seguidores sobre o desenvolvimento.

“O processo é infundado e uma tentativa de sufocar a liberdade de expressão”, escreveu ele. “É repugnante ver isso acontecer, mas eu sabia que um dia isso aconteceria, pois o preço de dizer a verdade às vezes é as pessoas não gostarem do que você diz.”

Publicidade

ZachXBT também convocou seus apoiadores a doarem fundos para apoiar sua defesa legal, já que o analista pretende lutar contra o processo em tribunal – uma decisão que ele antecipa que provavelmente incorrerá em custos que “poderiam facilmente ultrapassar US$ 1 milhão”.

Nas horas seguintes ao apelo, um endereço de carteira dedicado ao fundo de defesa legal de ZachXBT já recebeu cerca de US$ 320.000 em criptomoedas de mais de 500 doadores. Embora a maioria dessas doações tenha sido feita em Ethereum ou USDC, também foram enviadas para a carteira alguns tokens meme, incluindo Jesus Coin, Pepe Coin e Good Gensler Coin.

*Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Toncoin (TON) valoriza  40% na semana e ameaça ultrapassar Dogecoin

Toncoin (TON) valoriza 40% na semana e ameaça ultrapassar Dogecoin

Uma possível IPO do Telegram contribuiu para o recente aumento no preço do TON, fortalecendo sua posição entre os maiores tokens do mercado
Imagem robótica surge em sala escura de informática

IA de Elon Musk tem a segurança mais fraca, enquanto chat da Meta se destaca, diz pesquisa

Pesquisadores usaram uma abordagem de manipulação lógica linguística para perguntar ao Grok como seduzir uma criança
Paolo Ong, da SEC Filipinas

Termina prazo para saída da Binance das Filipinas e reguladores avisam: “Não há como sacar fundos após bloqueio”

“Não podemos endossar nenhum método de como retirar seu dinheiro agora que a ordem de bloqueio foi emitida”, disse o regulador filipino
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin ganha força à espera de dados de emprego nos EUA; Paraguai propõe suspender mineração cripto

Manhã Cripto: Bitcoin ganha força à espera de dados de emprego nos EUA; Paraguai propõe suspender mineração cripto

Bitcoin e Ethereum vão em direções opostas nesta sexta-feira (5), com investidores globais atentos aos dados do mercado de trabalho nos EUA