Globo em cima de notas de dólares
Shutterstock

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) divulgou na terça-feira (11) uma nova versão da lista de países que mais ameaçam o sistema financeiro mundial, segundo relatório do Grupo de Ação Financeira contra Lavagem de Dinheiro e Financiamento do Terrorismo (Gafi/FATF).

Dentre os países destacados, Coreia do Norte, Irã e Mianmar são consideradas como de mais alto risco e estão sujeitos a receberem chamados com a aplicação de medidas restritivas pela entidade.

Publicidade

Segundo a CVM, o comunicado é referente à reunião plenária do grupo ocorrida no mês passado, cujo teor foi publicado pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF).

A lista indica as nações que possui deficiências estratégicas no combate a crimes de lavagem de dinheiro e financiamento ao terrorismo. “Jurisdições de alto risco têm deficiências estratégicas significativas em seus regimes de combate à lavagem de dinheiro, ao financiamento do terrorismo e ao financiamento da proliferação de armas de destruição em massa”, destaca o Gafii.

Confira a lista completa de jurisdições com deficiências estratégicas, segundo o Gafi.

Albânia; Barbados; Burkina Faso; Camarões; Ilhas Cayman; Croácia; República Democrática do Congo; Gibraltar; Haiti; Jamaica; Jordânia; Mali; Moçambique; Nigéria; Panamá; Filipinas; Senegal; África do Sul; Sudão do Sul; Síria; Tanzânia; Turquia; Uganda; Emirados Árabes Unidos; Vietnã; Iêmen.

O Gafi também monitora o setor de criptomoedas desde 2019, quando introduziu os primeiros padrões globais para lidar com os riscos de lavagem de dinheiro e financiamento do terrorismo com criptomoedas. Atualmente, várias empresas e governos citam as recomendações do órgão quando o assunto é regulação.

VOCÊ PODE GOSTAR
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram
Cachorro Shiba Inu que inspitou Dogecoin

Kabosu, a cachorrinha que inspirou a Dogecoin, falece aos 18 anos

Kabosu sofria de doença crônica e já era muito idosa; segundo sua dona, a cachorrinha “faleceu silenciosamente”
dupla de homens sendo presa

Irmãos são presos por roubo de R$ 130 milhões em ataque de 12 segundos na rede Ethereum

O procurador americano Damian Williams disse que “este suposto esquema era novo e nunca havia sido acusado antes”
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Governo dos EUA contrata empresa para monitorar a Binance

A Forensic Risk Alliance venceu a disputa contra a Sullivan & Cromwell, que atuou no caso FTX