Imagem da matéria: Crítico do bitcoin Samy Dana acusa Fernando Ulrich de fazer 'terraplanismo ecônomico'
Economista Samy Dana em seu novo programa (Foto: Youtube/Reprodução)

“Esse tipo de coisa é terraplanismo puro”, disse o economista Samy Dana no Twitter ao criticar na tarde da quinta-feira (12) sobre um vídeo de Fernando Ulrich.

Nos últimos dias, Dana tem comentado as recentes quedas no preço da criptomoeda e sua alta volatilidade — o BTC, dentre outras, teve queda de cerca de 50% nos últimos dias.

Publicidade

Mais cedo, Samy Dana havia publicado:

“Como confiar em um ativo que cai 43,54% nas últimas 24h meus bitminions queridos? Entendem o que volatilidade quer dizer?”.

Samy Dana e Fernando Ulrich

No entanto, mesmo que o título do vídeo de Ulrich seja claro (Volatilidade não é risco), Dana provavelmente não se atentou ao conteúdo.

De acordo com a publicação, Ulrich mesmo reconhece que o assunto foi e segue sendo ‘treta’ de Twitter.

“Tem uns que dizem que volatilidade não é risco outros que dizem que sim, volatilidade é risco, e é verdade que os dois têm razão”.

Ele explica que a volatilidade pode representar um certo risco, especialmente quando se trata de ativos que são negociados e que têm uma maior volatilidade que pode representar algum tipo de perda para aqueles que precisam sair de um ativo um dado momento.

Publicidade

“Volatilidade pode conter alguma coisa de risco, mas não é nem de longe todo o risco”, explicou.

Bitcoin não é resiliente a crises

Nesta sexta-feira (13), ao comentar sobre algumas bolsas globais no Jornal da Manhã JP, Dana também incluiu a queda do bitcoin entre os dias 11 e 12 de março — segundo ele, de 41,34%.

Falando sobre a discussão em torno da criptomoeda, se ela é ou não resiliente a crises por ser desregulada e independente de governos, Dana comentou o seguinte:

“O bitcoin não é resiliente à crise, inclusive ele tem caído mais que as bolsas. Então, Bitcoin pode ser o futuro, ter uma tecnologia legal, pode ser no futuro uma moeda, mas hoje não é e tem um risco enorme”.

Terraplanistas e terraplanismo 

Ainda sobre os termos ‘terraplanistas’ e ‘terraplanismo’ usados por Dana, também na quinta-feira, ele já havia usado ao menos uma dessas palavras. Na ocasião, o destaque foi para o fator risco no mercado financeiro.

Publicidade

“Bitcoin não (é) moeda forte e por ser desregulada? Em 24h caiu – 24,62% em USD (dólar). Terraplanistas financeiros das redes sociais deveriam saber que vol (volatilidade) não é vida e que risco é o conceito mais importante de Finanças”, comentou no Twitter.

Dana foi criticado pelos usuários, mas ele ressaltou que o assunto era o fator risco. Mesmo assim, ratificou de conceito sobre a função econômica da criptomoeda.

“A questão é risco além do bitcoin não cumprir o papel de moeda (reserva de valor, valor de troca, etc)”, escreveu, acrescentando depois “mas técnicas para medir eles desconhecem”. Eles no caso, seriam os defensores das criptomoedas.

Em janeiro, durante um programa o economista faz comentários sobre economia, ele explicou, na sua concepção, o porquê de o bitcoin não funcionar como um meio de troca.

“Vai pagar um sorvete com bitcoin, um táxi… Primeiro que não é aceito — e os poucos lugares que aceitam não é tão fácil, custa caro, porque eles cobram a transação…”, disse.

Publicidade

Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Criador do Twitter e da Square, Jack Dorsey em palestra no TED

Preço do Bitcoin atingirá US$ 1 milhão até 2030, diz Jack Dorsey

Em uma entrevista recente, o cofundador do Twitter e da Block argumentou que o Bitcoin poderia atingir US$ 1 milhão e ir “além” no futuro
CEO do MB Reinlado Rabelo em evento da CVM na USP

“A Bolsa é sim lugar de startups”, diz CEO do Mercado Bitcoin em evento da CVM

Reinaldo Rabelo participou do evento do “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil”
Imagem da matéria: Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

As baleias de Bitcoin compraram avidamente a última queda; investidores de longo prazo agora aguardam a próxima alta para realizar lucros
Imagem da matéria: Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Ao todo, vítima gastou quase R$ 5 milhões nos pagamentos: além do envio de Bitcoin, foram 40 depósitos bancários