Imagem da matéria: Coreia do Sul Aumenta Supervisão Sobre Exchanges de Criptomoedas
(Foto: Pixabay)

A Comissão de Serviços Financeiros da Coreia do Sul (FSC, na sigla em inglês) criou novas regulamentações sobre relações entre exchanges de criptomoedas e bancos no país. As regras, publicadas na quarta-feira (27), devem valer por ao menos um ano, e estabelecem monitoramento mais rígido das transações bancárias das companhias.

Na Coreia do Sul, a maioria das exchanges possui várias contas bancárias – de depósitos, para reservas de clientes, e de operações, para armazenamento dos recursos e transações da própria empresa. Leis já em voga no país determinam que haja separação entre os recursos de clientes e a propriedade das empresas.

Publicidade

Segundo reportagem da Coindesk Korea, a FSC justifica que as instituições financeiras vêm monitorando apenas as atividades das contas de depósitos dos clientes das exchanges, sem considerar as contas para operações com recursos das empresas.

Pelas novas regras, divulgadas no site do órgão financeiro, as contas de recursos das companhias também devem ser monitoradas, e transações para exchanges estrangeiras devem ser notificadas ao órgão regulador.

A decisão de criar uma nova regulamentação no setor surgiu após a FSC inspecionar movimentações bancárias realizadas pelo Nonghyup Bank, KB Kookmin Bank e KEB Hana Ban e constatar que várias exchanges vinham transferindo recursos de contas destinadas às reservas de seus clientes para reservas próprias às empresas.

Para a agência de fiscalização financeira sul-coreana, houve violação das exigências que impõem a separação entre recursos dos clientes e das exchanges. A suspeita é que as transações sem supervisão faclitem o comércio de criptomoedas com empresas em outros países, favorecendo a lavagem de dinheiro e evasão fiscal.

Publicidade

A última determinação da Comissão de Serviços Financeiros do país relacionada ao mercado de criptoativos foi implementada em janeiro, exigindo que novas contas em exchanges tivessem verificação de identidade dos usuários, o que proibiu o anonimato no comércio de criptomoedas na Coreia do Sul.

Leia também: Saiba o que foi Discutido na Comissão da Câmara para Regular a Blockchain

BitcoinTrade

A BitcoinTrade é a melhor solução para compra e venda de criptomoedas.
Negocie Bitcoin, Ethereum e Litecoin com total segurança e liquidez.
Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android:
https://www.bitcointrade.com.br/

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de bitcoin com bandeira dos EUA no fundo

Proprietários de criptomoedas são uma força na eleição dos EUA de 2024, diz estudo

Quase um em cada cinco eleitores possui criptomoedas, o que os torna um eleitorado potencialmente poderoso em novembro, segundo a Galaxy Digital
Moedas douradas à frente de bandeira do Brasil

Fundos de criptomoedas têm semana negativa, mas Brasil registra entrada de R$ 15 milhões

Brasil segue momento positivo para fundos de criptomoedas, enquanto produtos ao redor do mundo têm semana negativa com queda dos preços
Imagem da matéria: Web3, futuro do Bitcoin e IA: os destaques do primeiro dia do Web Summit Rio

Web3, futuro do Bitcoin e IA: os destaques do primeiro dia do Web Summit Rio

Um dos maiores eventos de tecnologia e inovação do mundo, o Web Summit Rio acontece entre 15 e 18 de abril
Imagem da matéria: Runes vai ajudar o Bitcoin a competir com Ethereum e Solana, diz Franklin Templeton

Runes vai ajudar o Bitcoin a competir com Ethereum e Solana, diz Franklin Templeton

Segundo a empresa de investimentos, o Runes tem o potencial de ajudar o ecossistema Bitcoin como um todo a competir com o Ethereum e a Solana