Imagem da matéria: Conta no Twitter do Papa é alvo de oferta falsa de Bitcoin
Papa Francisco (Foto: Benhur Arcayan/Wikimedia)

A conta do papa Francisco no Twitter foi a mais recente vítima de um ataque de oferta fraudulenta de Bitcoin. Na última terça-feira (28), um perfil quase idêntico ao oficial publicou um link para uma suposta promoção de bitcoins. Na realidade o endereço levava a um site que roubava o dinheiro dos usuários enganados.

Um estudo da Duo Security revelou neste mês que ataques relacionados a contas no Twitter de grandes personalidades estão interconectados. Uma rede elaborada de contas robôs, ou botnet, fazem divulgações da falsa oferta de criptomoeda por meio de perfis muito semelhantes aos de pessoas influentes.

Publicidade

A análise envolveu mais de 88 milhões de perfis públicos do Twitter, revelando que há, pelo menos, 15 mil perfis relacionados entre si que adotam a mesma prática. As contas ainda interagem com as publicações umas das outras, aumentando a visibilidade dos perfis e criando uma ilusão de legitimidade das promoções.

Publicação do falso perfil de papa Francisco.

No caso do Santo Padre, o perfil do Twitter que publicou o scam tinha o nome “@_Poontifex”, fazendo muitas pessoas acharem que se tratava do original, “@Pontifex”. O apelido, a imagem e a descrição do perfil, contudo, são idênticos.

Outra conta robô, com o nickname “@RicardoStark7” respondeu ao tuíte com a mensagem: “Que legal! Já enviei e recebi de volta imediatamente! Você é super-rápido.”

A resposta ajudou a aumentar a visibilidade da publicação do perfil falso do Pontífice da Igreja Católica. Ela também causou a impressão de que se tratava de uma oferta real, aumentando o número de vítimas.

Publicidade

Caso Elon Musk

O CEO e cofundador da Tesla, Elon Musk, sofreu um ataque semelhante no último sábado (25). A conta do investidor de tecnologia tem 22,5 milhões de seguidores. O perfil “clonado” publicou uma falsa oferta semelhante ao caso do papa Francisco, mas oferecendo Bitcoin e Ethereum.

A conta falsa de Musk começou a ser desmascarada devido ao tipo diferente de publicações. Enquanto o investidor costuma escrever mensagens de teor filosófico, seu perfil fake começou a fazer várias publicações com dicas de investimento em criptomoedas.

Outras personalidades ligadas ao mundo da tecnologia e moedas digitais também foram alvo de ataques semelhantes, como Vitalik Buterin, cofundador do Ethereum, e o empresário magnata John McAfee. Até mesmo o presidente americano Donald Trump foi vítima de publicações falsamente atribuídas a ele.


Procurando o melhor lugar para fazer seus trades?

A Huobi, exchange líder em ativos digitais, chegou ao Brasil! Crie sua conta em menos de 1 minuto. Plataforma em português, mais de 150 altcoins, taxa de apenas 0,20%, liquidez e muita segurança, acesse: https://www.huobi.com/

VOCÊ PODE GOSTAR
Donald Trump ex-presidente dos EUA

Donald Trump recebe compradores de seus NFTs em jantar de luxo

O ex-presidente resolveu aproveitar o dia de folga do Tribunal de Nova York para receber os apoiadores no resort de luxo Mar-a-Lago
Pizza em uma mão moeda de bitcoin na outra

Bitcoin Pizza Day: Corretoras comemoram data histórica do Bitcoin com promoções; confira

Semana tem pizza grátis, cashback, joguinho e descontos em comemoração à primeira transação comercial com o Bitcoin realizada há 14 anos
Costas de um policial de Hong Kong

Empresário e filho se entregam à polícia após sequestrarem investidora de criptomoedas

A dupla teria tentado acertar as contas com a mulher de 55 anos que teria intermediado um investimento de cerca de R$ 10 milhões em criptomoedas
Imagem da matéria: Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Ao todo, vítima gastou quase R$ 5 milhões nos pagamentos: além do envio de Bitcoin, foram 40 depósitos bancários