Imagem da matéria: Coinbase diz que Ethereum Classic sofre ataque de 51%; ETC nega
(Foto: Shutterstock)

A Coinbase, maior exchange de criptomoedas dos Estados Unidos, afirmou que detectou um ataque de 51% na cadeia blockchain da Ethereum Classic, que incluiu um gasto duplo” no sábado. Tudo indica que o ataque ainda está em curso. Nesta segunda-feira, a empresa publicou texto no Medium para explicar o caso:

“Para proteger os fundos dos clientes, paramos imediatamente os movimentos desses fundos no blockchain da ETC. Após esse evento, detectamos 8 reorganizações adicionais que incluíram gastos duplos, totalizando 88.500 ETC (~ US $ 460.000).

Publicidade

Na conta oficial da ETC no Twitter, as informações são diferentes. Os responsáveis negaram os ataques e afirmaram que a Coinbase deveria ter entrado em contato antes de divulgar as informações.

“Em relação aos recentes eventos de mineração. Podemos ter uma ideia de onde veio o hashate. ASIC fabricante Linzhi confirmou testes de novas máquinas de 1.400 / Mh ethash #projectLavaSnow
– Provavelmente selfish mining (não 51% de ataque)
– Gastos duplos não detectados”

https://twitter.com/eth_classic/status/1082359420590288896

A corretora Poloniex seguiu o mesmo procedimento da Coinbase e também desabilitou o acesso às carteiras. Pelo Twitter declarou:

“Devido a um potencial ataque de 51%, as carteiras ETC foram desativadas e não serão reativadas até amanhã (no mínimo). Atualizaremos este tópico quando tivermos um cronograma mais firme para reativar os depósitos e as retiradas. A Poloniex não foi afetada e os fundos estão seguros”.

Após a publicação da Coinbase, a Ethereum Classic ampliou a queda e é negociada a US$ 5, com desvalorização de 7,2% no dia.

Publicidade

Os ataques

Quando alguém detém a maioria da capacidade de processamento de uma rede de uma blockchain (mais de 50% da taxa de hash), ele se torna capaz de reverter transações, lucrar com elas, e ainda manter unidades da criptomoeda consigo.

No início de dezembro, foi a vez da criptomoeda Vertcoin (VTC), segundo uma publicação feita no domingo (02) no Medium por um especialista em segurança. O roubo pode chegou a US$ 100 mil, cerca de R$ 380 mil.

O mesmo aconteceu com o Bitcoin Gold. No início de setembro a Bittrex, uma das maiores exchanges de criptomoedas do mundo, anunciou a retirada do suporte para o BTG.

O motivo, segundo um comunicado da exchange, foi o acontecimento de uma série de gastos duplos devido a um ataque de 51%, como explicou Nesbitt.

Publicidade

Os casos da Verge e da Monacoin aconteceram de forma semelhante e o desfecho também foi o mesmo.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem robótica surge em sala escura de informática

IA de Elon Musk tem a segurança mais fraca, enquanto chat da Meta se destaca, diz pesquisa

Pesquisadores usaram uma abordagem de manipulação lógica linguística para perguntar ao Grok como seduzir uma criança
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin sobe 4% e Ethereum salta 7% puxados por ETFs em Hong Kong e alívio de tensões no Oriente Médio

Manhã Cripto: Bitcoin sobe 4% e Ethereum salta 7% puxados por ETFs em Hong Kong e alívio de tensões no Oriente Médio

Após forte queda no fim de semana, Bitcoin e Ethereum voltam a ganhar força com notícias de que Hong Kong aprovou ETFs das criptomoedas
Placa com o logotipo da b3

B3 começa a negociar contrato futuro de Bitcoin nesta quarta-feira

Contrato futuro de Bitcoin será equivalente a 100 do valor da criptomoeda em reais e terá vencimento mensal, informou a Bolsa de Valores
Imagem da matéria: FBI intima participantes de evento de 2022 após roubo de dev do Bitcoin Core

FBI intima participantes de evento de 2022 após roubo de dev do Bitcoin Core

Dashjr, cofundador do pool de mineração Ocean, teve um montante de Bitcoin roubado que hoje vale mais de US$ 14 milhões