Imagem da matéria: Celestia (TIA): Conheça a nova blockchain que estreia nesta terça no mercado
Celestia terá teto de 1 bilhão de tokens nativos (Foto: Celestia)

Está marcado para esta terça-feira (31) o lançamento da blockchain Celestia e o começo da negociação do seu token nativo, o Celestia (TIA). O ativo estará disponível em algumas das principais corretoras centralizadas do mercado, como Binance, ByBit e KuCoin

Nesta segunda-feira (30), a exchange descentralizada Helix já está comercializando o token TIA no mercado de futuros. A cotação do momento é de US$ 3,15, mas a liquidez do volume transacionado ainda é muito baixa, de apenas US$ 3 mil, segundo o CoinDesk.

Publicidade

A Celestia Labs, a empresa por trás do projeto, levantou US$ 55 milhões em uma combinação de rodadas de investimento Séries A e B. O capital de risco foi colocado pela Bain Capital Crypto e pela Polychain Capital. 

TIA terá um teto de 1 bilhão de tokens emitidos. O plano é que 60 milhões de unidades (6% do total) sejam enviadas para usuários do Cosmos Hub e da Osmosis, redes de segunda camada do Ethereum, e também para programadores do mundo cripto.

O que é a blockchain Celestia?

A ideia principal da Celestia é ser uma rede modular na qual os usuários poderão criar suas próprias blockchains.

“Celestia é um blockchain minimalista que apenas ordena e publica transações, mas não as executa. Ao dissociar as camadas de consenso e de execução de aplicativos, a Celestia modulariza a pilha de tecnologia blockchain e abre novas possibilidades para criadores de aplicativos descentralizados”, afirma o projeto em seu site oficial.

A ideia da Celestia, portanto, é possibilitar uma arquitetura modular para blockchain, na qual os desenvolvedores possam definir facilmente seus próprios ambientes de execução virtual; semelhante a máquinas virtuais, como a Ethereum Virtual Machine (MEV).

Publicidade

“Cada aplicativo obtém seu próprio espaço de execução soberano, ao mesmo tempo que herda a segurança do consenso da Celestia”, garante o projeto.

TIA entra na história como o token nativa dessa nova blockchain. O token terá diferentes funções, como garantir a segurança da rede por meio de staking, bem como para custear as taxas da rede e ser usado por rollups como forma de pagamento por espaço na blockchain.

VOCÊ PODE GOSTAR
Celular com logotipo da Receita Federal sobre notas de reais

Tokenização de ativos enfrenta área cinzenta na declaração de Imposto de Renda |Opinião

Para o autor, a declaração de tokens que representam recebíveis, e outros ativos do mundo real, devem mudar nos próximos anos
Imagem da matéria: Como saber o dia e hora que vai acontecer o halving do Bitcoin?

Como saber o dia e hora que vai acontecer o halving do Bitcoin?

O halving, que ocorre a cada 210 mil blocos do Bitcoin, está previsto para acontecer em abril, mas o momento exato segue mudando; entenda
Imagem da matéria: FBI intima participantes de evento de 2022 após roubo de dev do Bitcoin Core

FBI intima participantes de evento de 2022 após roubo de dev do Bitcoin Core

Dashjr, cofundador do pool de mineração Ocean, teve um montante de Bitcoin roubado que hoje vale mais de US$ 14 milhões
Imagem da matéria: Arthur Hayes está pessimista em relação ao halving do Bitcoin — aqui está o motivo

Arthur Hayes está pessimista em relação ao halving do Bitcoin — aqui está o motivo

O ex-CEO da BitMEX espera que o halving do Bitcoin “adicione gasolina a uma grande queima de criptoativos”