Imagem da matéria: Como será a carteira de criptomoedas do Samsung Galaxy S10; veja fotos vazadas
(Foto: Reuters/Henry Nicholls)

A Samsung anunciou quatro parceiros que vão oferecer suporte para a Samsung Blockchain Wallet, uma carteira descentralizada com suporte para criptomoedas que será integrada com seu novo smartphone, o Galaxy S10.

O novo aparelho já está sendo enviado desde o dia 08 de março para quem o comprou no período de pré-venda. De acordo com um relatório da Coindesk Korea, são quatro os aplicativos descentralizados (DApp) que fazem parte do dispositivo. São eles:

Publicidade

Enjin, uma plataforma de jogos baseadas em criptomoedas, detentora do token ENJ; Cosmee, um dapp específico para conteúdos sobre beleza e  cosméticos cujo token é o COSM; CryptoKitties, uma plataforma de colecionáveis que usa o ETH; CoinDuck, um serviço descentralizado para pagamentos com criptomoedas.

Segundo a reportagem, os aplicativos só poderão ser baixados em celulares Galaxy S10 e apenas por meio da Samsung Galaxy Store.

A empresa disse que planeja expandir o serviço para mais dispositivos e também para mais criptomoedas no futuro, visto que o novo sistema opera somente com tokens ERC-20, da blockchain do ethereum. Até o momento, a carteira não tem suporte para o Bitcoin.

No S10, a Samsung Blockchain Wallet será usada em conjunto com a ‘Samsung Blockchain Keystore’ para armazenar chaves privadas para aplicações blockchain.

Publicidade

O aplicativo foi projetado para simplificar o processo de transações para os recém-chegados à tecnologia das criptomoedas.

Veja abaixo fotos vazadas que estão circulando nas redes:

Samsung Pay ainda é rumor

Ainda há rumores de que o serviço de pagamentos móveis Samsung Pay poderia integrar também aceitar criptomoedas. Isto atingiria 10 milhões de pessoas e poderia alavancar o criptomercado.

Segundo uma publicação da CCN no sábado (09), fontes anônimas confirmaram o envolvimento entre as partes.

Se isso vier a ser confirmado, a parceria pode ser crucial para a uma adoção maior das criptomoedas.

“A chegada dos novos telefones da Samsung pode começar a popularização do sistema de carteira de criptomoedas na Coreia”, disse, na ocasião, um executivo do setor à reportagem.

Plataforma quer virar fintech

Segundo o site sul-coreano Donga.com, o Samsung Pay recentemente ampliou o período de transações para usuários no exterior e integrou um serviço internacional de processamento de pagamentos.

A intenção é entrar agressivamente o mercado global de serviços financeiros.

Se nesta fase de desenvolvimento uma carteira de criptomoedas é adicionada ao serviço, o aplicativo praticamente se torna uma plataforma financeira completa, uma fintech.

Publicidade

O Samsung Pay, então, mostraria para seus concorrentes Apple Pay e KakaoPay que está totalmente focado em inovações tecnológicas, inclusive se fortalecendo para ser também um dos gigantes na criptoeconomia.


Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se aqui e veja como é simples: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Hans Zimmer durante premiere de Duna

Justin Sun paga compositor de Duna para criar hino do Tron

O controverso Justin Sun agora tem seu próprio hino de Hollywood
Mineração

Mineradores de Bitcoin disputam mercado com Inteligência Artificial antes do halving, diz Bernstein

Um novo relatório da empresa de investimento destaca o aumento da concorrência entre dois setores que exigem energia e poder de processamento
Imagem da matéria: Ex-conselheiro do Ethereum quer R$ 50 bilhões do governo dos EUA por ser preso injustamente

Ex-conselheiro do Ethereum quer R$ 50 bilhões do governo dos EUA por ser preso injustamente

Steven Nerayoff alega ter sido vítima de provas fabricadas em um suposto caso de extorsão de 10.000 ETH
Imagem da matéria: Clientes brasileiros da FTX vivem expectativa de pagamento e medo de novos golpes

Clientes brasileiros da FTX vivem expectativa de pagamento e medo de novos golpes

Grupo de brasileiros se unem no Telegram para tentar entender comunicações da massa falida da FTX em meio ao receio de novos golpes