Imagem da matéria: Brasileiro acusado de matar advogado a mando de pirâmide com bitcoin é preso no Paraguai
Carlos Eduardo Soares Fontes foi preso no Paraguai (Foto: Reprodução/TV Globo)

Um dos suspeitos de um assassinato que envolve sócios da Valour Invest, empresa suspeita de atuar em esquema de pirâmide financeira com bitcoin, foi preso pela polícia na quinta-feira (31), no Paraguai.

Carlos Eduardo Fontes, que estava foragido, foi detido dentro de um shopping em Ciudad del Este, segundo o G1. Ele é suspeito de ter participado do assassinato do advogado Francisco de Assis Henrique, em junho deste ano, num posto de combustíveis no centro de São Paulo.

Publicidade

De acordo com o as investigações, Fontes e o comparsa, Anderson da Silva Soares, foram contratados por William Gonçalves Amaral e Danilo Afonso Pechin para matar o advogado, que, segundo a reportagem do site da Globo, já atuou em defesa de traficantes.

A intermediação do crime teria sido feita por Wilson Decaria Junior e Edgar Acioli Amador, sócios da Valour Invest. O valor pago para a dupla executar Assis teria sido a quantia de R$ 500 mil.

Logo que começaram as investigações, seis pessoas foram indiciadas e três suspeitos, incluindo Danilo Pechin, foram presos. Após o crime, Willian teria viajado para Portugal.

Dívida de R$ 2,5 milhões

Segundo a polícia, os donos da Valour Invest tinham uma dívida de R$ 2,5 milhões com o advogado, o que teria motivado o assassinato.

Publicidade

Conforme mostram as imagens das câmeras de segurança do local do crime, os assassinos dispararam pelo menos quatro tiros contra Assis, atearam fogo em seu carro e fugiram seguida.

Testemunhas disseram que antes da ação, o advogado teria jantado no restaurante que fica dentro do estabelecimento, que na Avenida Washington Luís.

Depois do crime nada foi levado pela dupla. De acordo com a reportagem, os dois já tiveram passagem pela polícia por roubo e ameaça.

Caso Valour Invest

A empresa dos acusados de envolvimento no assassinato do advogado é suspeita de operar em esquema de pirâmide financeira com bitcoin.

Publicidade

No mês passado, inclusive, a Justiça determinou busca e apreensão de criptomoedas pertencentes a Valour Invest em vários exchanges brasileiras e estrangeiras.

Segundo informações compartilhadas com o Portal do Bitcoin, a Valour Invest chegou a oferecer investimentos com lucro mensal de 10% e 13% ao mês. Os rendimentos seriam fruto de trading com criptomoedas.

Um investidor que amargou prejuízos com a empresa e que preferiu não se identificar afirmou que desde janeiro a empresa não pagava mais os investidores, mesmo após abaixar os seus rendimentos para 6% ao mês.

Questionados por conta no atraso de saques, os diretores da Valour Invest alegavam ter sofrido bloqueio da Bitfinex, que congelou todos os fundos.

Ainda segundo relatos, a empresa ameaçava que quem entrasse com ação na Justiça correria o risco de não receber.

No Reclame Aqui, queixas de pelo menos três meses atrás ainda não foram respondidas. Dentre as reclamações, destacam-se o não cumprimento de acordo e a retenção de bitcoins.

Publicidade

BitcoinTrade: Depósitos aprovados em minutos!

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em menos de 5 minutos! Acesse: bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de bitcoin dentro de armadilha selvagem

CVM faz pegadinha e descobre que metade das pessoas cairia em golpe com criptomoedas

Junto com a Anbima, a entidade criou um site de uma empresa fictícia que simulava a oferta de investimentos com lucros altos irreais
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin à vista já controlam mais de 1 milhão de BTC

Mais da metade dos US$ 70,5 bilhões em fundos está praticamente dividida entre Grayscale e BlackRock
Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada

Estudo mostra que 61% dos investidores brasileiros não pretendem vender Bitcoin

Pesquisa realizada pela Bitget releva otimismo pós-halving do Bitcoin
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas