Um pessoa segura moeda Binance Coin BNB com a ponta dos dedos
(Foto: Shutterstock)

A corretora de criptomoedas Binance anunciou na noite de segunda-feira (25) que irá remover e interromper a negociação de quatro pares criptos em sua plataforma a partir da próxima quinta-feira (28).

Os pares de negociação que não farão mais parte da plataforma são:  Cosmos (ATOM), que deixará de ser negociada com o token BIDR (ATOM/BIDR); e os tokens da ForTube, Benqi e DFI.Money, que deixarão de ser negociados com a criptomoeda nativa da Binance BNB Coin, respectivamente FOR/BNB, QI/BNB e YFII/BNB.

Publicidade

Após o anúncio, todos os preços das altcoins mencionadas caíram, com destaque para o QI, que desvalorizou cerca de 5%. No momento do texto, FOR e YFII oscilam em queda de 2,5% e 1,75% respectivamente, enquanto ATOM perde 2,80% do valor.

Contudo, todos esses ativos já vinham em quedas nos últimos dias, conforme mostram dados no Coinmarketcap.

Desempenho da Benqi (QI) nos últimos sete dias (Fonte: Coinmarketcap)

De acordo com a Binance, essas remoções não afetam outros pares de negociação das referidas criptomoedas. A empresa não explicou o motivo de tais ações. Esse tipo de remoção, contudo, ocorre com frequência nas atualizações no portfólio da plataforma.

Na semana passada, por exemplo, o Portal do Bitcoin procurou a empresa para comentar sobre o que motivou exclusão do par da memecoin Shiba Inu com a moeda oficial da Ucrânia Grívnia (SHIB/UAH) em meio à guerra no país.

Segundo a corretora, uma equipe revisa periodicamente cada ativo digital que lista para garantir que ele continue atendendo às expectativas de alto padrão da plataforma.

Publicidade

“No momento em que uma moeda ou token deixa de atender o padrão, ou o setor mudar, a Binance realiza uma revisão mais aprofundada e pode excluir ativos”, respondeu a empresa na ocasião.

VOCÊ PODE GOSTAR
Moeda de Bitcoi sob mapa da América comd estaque para Venezuela

Venezuela quer desativar todas as fazendas de mineração de criptomoedas do país

O governador do estado de Carabobo afirmou que o governo está prestes a publicar um decreto que irá proibir a mineração de criptomoedas
criptomoedas, criptoativos, regulação, Brasil, projeto de lei

Banco Central anuncia próximos passos da regulamentação do mercado cripto no Brasil

Sem definir datas, BC diz que irá fazer mais uma consulta pública no segundo semestre e um planejamento interno sobre stablecoins
Celular com o logo da CVM e notebook aberto no site da Comissãod e Valores Mobiliários

CVM reconhece ativo de blockchain como token de pagamento

Dynasty Global AG recebeu na última semana a classificação do D¥N como um token de pagamento pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).
Imagem da matéria: Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador solo completou o bloco 843.231 do Bitcoin usando software da CKpool