Imagem da matéria: Baleia com mais bitcoins do mundo compra mais 321 BTCs na queda
Foto: Shutterstock

A baleia por trás do endereço mais rico de bitcoin cujo dono é desconhecido no mercado, aproveitou a queda dos preços nesta semana para aumentar a sua reserva e comprar mais US$ 13 milhões em BTC.

Conforme notou no Twitter o analista on-chain @venturefounder, a compra aconteceu na noite de terça-feira (21) quando o bitcoin caiu para US$ 40 mil, a sua cotação mais baixa desde o início de agosto.

Publicidade

A baleia tirou proveito do momento de correção para comprar mais 321 BTC. A partir da nova aquisição, o balanço da carteira subiu para 111.794 BTC, o equivalente a US$ 4.691.585.955 (R$ 24,7 bilhões). Desse total, cerca de US$ 2,4 bilhões estão em lucro não realizado.

Um balanço desse tamanho faz com que essa baleia misteriosa seja dona da carteira de bitcoin desconhecida mais rica do mundo, de acordo com o Bitcoin Rich List do BitInfoCharts.

Conforme indica a lista das 100 maiores reservas de BTC, o endereço está na terceira posição. No entanto, os endereços que estão na liderança já são conhecidos no mercado — o que está em 1º lugar com um balanço de US$ 12 bilhões é da Binance e o segundo, com mais de US$ 7,4 bilhões, pertence a Bitfinex.

Conforme é possível checar nos dados públicos da blockchain, a baleia responsável pela compra de US$ 13 milhões da noite passada faz compras recorrentes de bitcoin. Na segunda passada (13), a baleia depositou 582 BTC. Mais duas compras foram feitas nos dias 9 e 10, de 218 BTC e 285 BTC, respectivamente.

Publicidade

Esse padrão de comportamento sugere que ao invés de pertencer a um único investidor, a carteira deve ser de alguma organização empresarial, como alguma corretora ou gestora de investimentos.

Comprando a queda do bitcoin

Embora a correção do bitcoin tenha afetado parte do mercado na terça-feira, quando mais de US$ 1 bilhão em futuros de criptomoedas foram liquidados, o momento é visto como oportunidade por alguns para comprar bitcoin na queda.

Na semana passada, a empresa MicroStrategy do empresário e grande entusiasta do bitcoin, Michael Saylor, comprou mais 5 mil bitcoins por US$ 242,9 milhões, aumentando para US$ 5,1 bilhões a reserva da empresa na criptomoeda.

O presidente de El Salvador, Nayib Bukele, foi outro que comprou mais 150 BTC durante a desvalorização do bitcoin na segunda (20). Com a nova compra, o país passou a ter 700 BTC em caixa.

Publicidade

Segundo dados da Glassnode, as compras se intensificam no momento em que os detentores de longo prazo passaram a ter em mãos a maior quantia de bitcoin da história, cerca de 12,97 milhões de BTC.

VOCÊ PODE GOSTAR
dupla de homens sendo presa

Irmãos são presos por roubo de R$ 130 milhões em ataque de 12 segundos na rede Ethereum

O procurador americano Damian Williams disse que “este suposto esquema era novo e nunca havia sido acusado antes”
moeda de bitcoin dentro de armadilha selvagem

CVM faz pegadinha e descobre que metade das pessoas cairia em golpe com criptomoedas

Junto com a Anbima, a entidade criou um site de uma empresa fictícia que simulava a oferta de investimentos com lucros altos irreais
Imagem da matéria: Aprovação hoje dos ETFs de Ethereum é "provável", dizem fontes próximas à SEC

Aprovação hoje dos ETFs de Ethereum é “provável”, dizem fontes próximas à SEC

Fontes disseram à Fox Business que a SEC está se baseando em decisões judiciais recentes para dar o sinal verde aos ETFs de Ethereum
Imagem da matéria: Plume, blockchain de tokenização de RWA, capta US$ 10 milhões em rodada de investimento

Plume, blockchain de tokenização de RWA, capta US$ 10 milhões em rodada de investimento

Plume hospeda mais de 80 projetos RWA, abrangendo itens colecionáveis, ativos alternativos, sintéticos, bens de luxo, imóveis, DeFi e muito mais