Imagem da matéria: Baidu, o Google chinês, Anuncia Lançamento de Token
(Foto: Shutterstock)

O Baidu, gigante de buscas na internet da China, anunciou oficialmente o lançamento do “Totem”, um token de segurança para um sistema de direitos autorais de fotografias originais, baseado em sua ‘XuperChain’, um blockchain já anunciado no início do ano pela empresa.

A novidade foi revelada em uma coletiva de imprensa na última quarta-feira (18) em Pequim.

Publicidade

Em abril, sem mencionar o token, o Baidu revelou que estava testando uma “plataforma distribuída que criava uma cadeia rastreável de dados à prova de adulteração para proteger a propriedade intelectual dos fotógrafos”, afirmou a Coindesk.

O sistema foi chamado de “Serviço de validação e compartilhamento de fotos baseado em Blockchain”. O Baidu disse que inicialmente vai gerar 4 bilhões de tokens ‘Totem’ com uma taxa de inflação anual de 4,5% para encorajar indivíduos e instituições a enviar fotos originais, segundo seu White Paper.

Os tokens serão imprescindíveis para que o autor das imagem faça seu upload seguro e protegido, notou o site Trustnodes.

A quantidade de tokens concedidos dependerá do processo de validação, incluindo a quantidade e a qualidade das imagens enviadas por um usuário.

Com o poder da plataforma Baidu blockchain e com a usabilidade do Totem, os profissionais de fotografia terão o serviço de autenticação de direitos autorais, distribuição de imagem, negociação, monitoramento de violação e proteção de direitos.

O sistema vai produzir dados verificáveis ​​que podem ser vitais no caso de uma disputa de direitos autorais mais tarde, disse a empresa.

Publicidade

Desta forma, o sistema realizará análise forense online e a registrará no blockchain quando um roubo de direitos autorais for descoberto. A empresa promete uma precisão de reconhecimento superior a 99%. Além disso as imagens poderão ser distribuídas em vários canais e recursos de monetização de valor.

Quanto maior o número de trabalhos enviados, melhor será a ‘qualidade’ das obras e mais pontos de ‘totem’ serão obtidos. Os produtores podem ganhar mais pontos criando um conteúdo premium.

“‘Supernodes’ com desempenho poderosos participam da competição de direitos contábeis para garantir a eficiência de toda a operação da rede; enquanto outros nodes atuam na supervisão, monitorando os ‘supernodes’ para executarem suas tarefas, formando assim um sistema de operação de blockchain autônomo mais confiável”, explicou o Trustnodes.

Problemas no projeto

Os ‘membros-nodes’ do blockchain participam por meio de convite. Para se tornar um node, são necessários três requisitos: produção de conteúdo original; prova de autoria; agência reguladora de proteção de direitos autorais.

Publicidade

É presumível, segundo o Trustnodes, que o token poderá também ser trocado por serviços do Baidu por meio do “Baidu Equity Exchange”. O Baidu ainda não deixou claro se o token poderá ou não ser negociado em dinheiro ou em criptomoedas, mesmo porque a China ainda não permite a atividade de ofertas de ICOs e semelhantes.

Depois que o fotógrafo e a organização enviam a imagem do título para a plataforma do ‘totem’, ela calcula o registro de data e hora confiável das informações do autor e da imagem e realiza o primeiro armazenamento de informações.

Em seguida, as informações-chave do autor são registradas uniformemente no blockchain e, após o endosso dos nodes, não podem mais ser adulteradas.

Leia também: Análise Técnica Bitcoin 22/07/18 – Próximo Alvo: US$ 8.500


Compre Bitcoin no Celular

A BitcoinTrade é a melhor plataforma para operar criptomoedas do Brasil.
Compre Bitcoin, Ethereum e Litecoin com segurança e liquidez, diretamente pelo app.
Baixe agora e aproveite, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Aprovação hoje dos ETFs de Ethereum é "provável", dizem fontes próximas à SEC

Aprovação hoje dos ETFs de Ethereum é “provável”, dizem fontes próximas à SEC

Fontes disseram à Fox Business que a SEC está se baseando em decisões judiciais recentes para dar o sinal verde aos ETFs de Ethereum
Imagem da matéria: EUA acusam  2 chineses de lavarem US$ 73 milhões em esquema com criptomoedas

EUA acusam 2 chineses de lavarem US$ 73 milhões em esquema com criptomoedas

O Departamento de Justiça acusou Daren Li e Yicheng Zhang de orquestrar um esquema com criptomoedas de “abate de porcos”
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
Imagem da matéria: Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Memecoins como a EPIK estão se tornando cada vez mais populares no universo das criptomoedas. Isso é bom ou ruim?