Imagem da matéria: 50% dos Tokens EOS Estão em Apenas 10 Endereços

Dez endereços estão atualmente na posse de quase metade de todos os tokens distribuídos no ICO da EOS.

De acordo com a Trustnodes, quase 50% (49,67%) de todos os tokens EOS estão atualmente distribuídos em apenas 10 carteiras.

Publicidade

A Block.one, a empresa por trás do projeto EOS, detém 100 milhões de tokens, de um total de 1 bilhão. No momento da redação, a EOS está sendo negociada a US$ 13,70, dando à Block.one outros US$ 1.37 bilhão, além dos US $ 4 bilhões que conseguiram captar durante o ICO.

Embora seja difícil identificar os proprietários dos nove principais endereços restantes, seus volumes são totalmente públicos. Um dos endereços contém 75 milhões de tokens, o que significa aproximadamente US$ 1 bilhão.

Também vale mencionar que menos de dez entidades ou indivíduos poderiam ser responsáveis ​​por essas contas. Conforme descrito pela Trustnodes, é altamente provável que a maioria dos endereços pertença a exchanges populares de criptomoedas, como Bitfinex, Binance, Upbit, Huobi, Bithumb e OKEx.

Os 100 principais endereços respondem por um total de 748.176.831 tokens, o que representa 74,82% da oferta total. Isso significa que os próximos 90 endereços fora do top 10 possuem aproximadamente 250 milhões de tokens – ou 25% da oferta total.

Os 1.000 principais endereços contêm 858.120.383 (ou 85,81%) de todos os tokens, deixando os 900 endereços entre 100 e 1.000, com não mais do que 11% do valor total.

Publicidade

A quantidade total de detentores de tokens é de 162.930, o que significa que aqueles entre # 1001 e # 162.930 representam um pouco menos de 14%.

É claro que vale a pena destacar que indivíduos ou entidades podem ter mais do que apenas um endereço, de forma que determinado número não reflete necessariamente o número de detentores.

No entanto, uma coisa é certa – quase 50% da quantidade total de tokens EOS está concentrada em 10 (ou potencialmente menos) indivíduos ou entidades.

Por que isso é importante?

Em vez de ser administrada por um número limitado de pools de mineração, a EOS pretende ter um grupo de 21 Produtores de Bloco (BP) votados pela comunidade. Sob o algoritmo proof-of-stake, a rede executa através dos produtores de bloco criando os blocos do blockchain e recebendo recompensas substanciais nos tokens EOS que são produzidos pela inflação simbólica.

Publicidade

BPs devem ser escolhidos em eleições democráticas, onde cada token EOS pode ser usado para votar em até 30 candidatos diferentes. Tecnicamente, qualquer pessoa que tenha obtido tokens EOS pode se registrar para se tornar um produtor de blocos e ser votado pela comunidade.

A subdivisão da distribuição de tokens acima mencionada traz uma preocupação alarmante – 10 endereços, supostamente detidos por 10 indivíduos ou entidades (ou até menos), detêm quase 50% do poder de voto. De acordo com o post oficial que descreve a mecânica das eleições do BP, o quórum necessário para as eleições serem válidas é de 15%.

Em outras palavras, esses 10 endereços têm todo o potencial para impactar seriamente e até mesmo determinar o resultado de qualquer possível eleição em qualquer momento, pois eles sempre constituem um quórum válido.

Assim, o estado de todo o blockchain da EOS provavelmente será determinado por apenas 1.000 proprietários de endereços, já que eles representam 85% da quantidade total de tokens EOS.

A EOS não é tão descentralizada quanto pretende ser.

BitcoinTrade

Comprar e vender Bitcoin e Ethereum ficou muito mais fácil. A BitcoinTrade é a plataforma mais segura e rápida do Brasil. Além disso, é a única com a certificação de segurança PCI Compliance. Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android: https://www.bitcointrade.com.br/

Publicidade

 

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Mercado Bitcoin celebra 11 anos com nova assinatura de marca

Mercado Bitcoin celebra 11 anos com nova assinatura de marca

Completando 11 anos, o MB introduz um novo posicionamento de marca, caracterizado por uma atualização na identidade visual
Ilustração mostra baleia mergulhando num mar de bitcoin

40% do fornecimento total do Bitcoin é mantido por baleias, diz levantamento

Acumulação pode estar alinhada ao fluxo contínuo e positivo de investimentos em ETFs de Bitcoin à vista
Homem preso com as mãos algemadas nas costas

Polícia do Rio prende suspeitos de integrar quadrilha especializada em golpes com criptomoedas

Operação ‘Investimento de Araque’ foi deflagrada nos estados do Rio, Amazonas e Pará; suspeitos movimentaram mais de R$ 15 milhões em dois anos
Glaidson Acácio dos Santos, o "Faraó do Bitcoin"

Conselho nega recurso do “Faraó do Bitcoin” e mantém condenação de R$ 34 milhões da CVM

CRSFN manteve a condenação, no valor total de R$ 102 milhões, a GAS Consultoria, Glaidson Acácio (o Faraó do Bitcoin) e sua esposa Mirelis Diaz