Imagem da matéria: Vendas de XRP dobraram no primeiro trimestre, diz Ripple
Foto: Shutterstock

A Ripple relatou um aumento de quase 100% nas vendas de sua criptomoeda nativa XRP no último trimestre. Essa multiplicação, segundo a empresa, pode ser atribuída a um envolvimento mais profundo de seus principais clientes em pagamentos globais instantâneos através da RippleNet. “Por mais de um ano a Ripple não vendeu programaticamente”, explica o relatório publicado na quinta-feira (06).

No último trimestre, o total de vendas de XRP foi de US$ 150,3 milhões, ante aos US$ 76,2 milhões do trimestre anterior, ou seja, quase o dobro dos últimos três meses de 2020. Segundo o relatório, a empresa voltou a se envolver em vendas justamente para aumentar a liquidez sob demanda (ODL) e assim apoiar seus principais parceiros de infraestrutura.

Publicidade

Em outro ponto do relatório, a Ripple diz que ao longo do trimestre, 3 bilhões de XRPs foram liberados de contratos de custódia e que consequentemente 2,7 bilhões do token retornaram como garantia em novos acordos.

Outro dado que a empresa compartilhou sobre o trimestre foi o aumento do número de ‘baleias’, que são os investidores que acumulam grandes quantidades de ativos; nesse caso, criptomoedas. Segundo o relatório, o número de carteiras com pelo menos 10 milhões de XRP subiu de 308 para 319. Da mesma forma, diz o relatório, o número de carteiras com 1 milhão de XRP até 10 milhões do token subiu de 1.125 para 1.196. 

Processo da Ripple na SEC

Detentora da maior parte de XRP, a Ripple enfrenta a Comissão de Valores Mobiliários (SEC) desde dezembro, quando foi formalmente acusada de ofertas ilegais do seu token nativo e que por meio delas seus executivos teriam embolsado mais de US$ 1,3 bilhão. São parte do processo o CEO da empresa Brad Garlinghouse e seu cofundador e presidente executivo Chris Larsen.

Depois do processo na SEC, a Ripple pode começar a se mexer para tornar a empresa pública, como fez a Coinbase recentemente. A informação veio Yoshitaka Kitao, CEO da gigante financeira japonesa SBI Group, durante seu discurso em uma teleconferência de apresentação de resultados que ocorreu na semana passada.

Publicidade

Entre as top cinco criptomoedas em valor de mercado, a XRP foi a que registrou a maior queda nesta sexta-feira (07). A moeda desvalorizou 5 % e é negociada em cerca de US$ 1,60. Em reais, o ativo digital está sendo cotado em aproximadamente R$ 8,50 no momento da publicação deste texto.

VOCÊ PODE GOSTAR
ilustração mostra logo da pepecoin PEPE subindo ao céu

PEPE e BONK valorizam mais de 30% nas últimas 24 horas

Memecoin PEPE bateu sua máxima histórica nesta terça-feira (21), em momento de forte aquecimento do mercado cripto
Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, casal que lidera a Braiscompany (Foto: Reprodução/Instagram)

MPF faz nova denúncia contra donos da Braiscompany e doleiro por lavagem de dinheiro

Antônio Neto e Fabrícia Farias realizaram operações financeiras de grande porte com características de lavagem de dinheiro em pleno colapso da pirâmide
Donald Trump é fotografado em comício nos EUA

Trump agora aceita doações em Bitcoin e cumpre promessa com relação às criptomoedas

Bitcoin, Ethereum, Dogecoin, Solana, Shuba Inu e XRP estão entre criptomoedas aceitas pela candidato Donald Trump 
Imagem da matéria: 5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

Quando o token NOT será lançado? Qual o futuro para a Notcoin? É melhor fazer stake dos tokens? Preparamos um resumo para você