A VanEck está reduzindo a taxa de administração de seu ETF de Bitcoin à vista, pouco mais de um mês após o lançamento do produto pela administradora de ativos digitais, o mais recente de uma série de cortes feitos por emissores em um mercado altamente competitivo. 

Em um registro suplementar apresentado à Comissão de Valores Mobiliários em 15 de fevereiro, a VanEck disse que reduzirá a taxa de administração de seu ETF de Bitcoin, que é negociado sob o código HODL, para 0,20% de sua taxa atual de 0,25%. Esse corte entrará em vigor em 21 de fevereiro.

Publicidade

“Nossa abordagem sempre foi avaliar e refinar proativamente nossas ofertas para investidores neste ambiente de ETF altamente competitivo e em rápida evolução”, disse um porta-voz da VanEck ao Decrypt. “Essa redução de taxa reflete nosso compromisso de fornecer valor e melhorar o acesso aos investidores, e ajuda a garantir que os investidores continuem a se beneficiar de uma das ofertas mais competitivas no espaço do ETF bitcoin.”

Um ETF de Bitcoin é um veículo de investimento que permite aos compradores obter exposição ao Bitcoin sem comprar e armazenar o ativo diretamente. Isso significa que os investidores de Wall Street agora podem essencialmente comprar Bitcoin sem a necessidade de se preocupar com carteiras cripto e exchanges de criptomoedas. Até o momento, o interesse de Wall Street por esses produtos tem sido intenso, assim como a concorrência entre seus emissores.

Mesmo antes de a SEC autorizar pela primeira vez o lançamento de 10 ETFs de Bitcoin à vista no dia 10 de janeiro, os emissores já estavam começando a reduzir suas taxas em uma tentativa de superar seus concorrentes. Quando os ETFs se tornaram disponíveis, a BlackRock e a Ark Invest reduziram suas taxas para 0,25%, enquanto a Franklin Templeton reduziu a sua para 0,19%, a menor atualmente disponível no mercado. 

O corte nas taxas mostra o calor da concorrência entre os ETFs para conquistar clientes, mas não está isento de armadilhas.

Publicidade

Com os altos custos decorrentes da administração de um ETF à vista, incluindo despesas com segurança e custódia, esses cortes podem se tornar difíceis de sustentar para qualquer emissor que esteja com defasagem no momento. Em conjunto, eles correm o risco de reduzir a lucratividade de um ETF, especialmente para aqueles com menos recursos em comparação com pesos pesados como Fidelity e BlackRock.

Em uma entrevista anterior com o Decrypt, o chefe de pesquisa de ativos digitais da VanEck, Mathew Sigel, descreveu o estado atual das taxas como “preços muito competitivos” e que uma métrica mais importante a ser observada é o preço do Bitcoin em si, como sendo mais determinante de quão lucrativo um ETF pode ser.

O preço atual do Bitcoin é de US$ 52.283 — o mais próximo que já esteve de seu recorde histórico de pouco mais de US$ 69.000 desde o final de 2021.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
simbolo do dólar emergindo de placa de computador

Mercado Bitcoin lista duas novas stablecoins da startup Aryze

Ambas as moedas, devido à paridade com o dólar americano e à libra esterlina, representam estabilidade e diversificação na carteira dos investidores
scanner plano digitaliza a palma de uma mão

TON oferece R$ 25 milhões para escanear mãos dos investidores

HumanCode se junta à The Open Network para oferecer um milhão de Toncoin como incentivo em programa de digitalização de palma da mão baseado em IA
Imagem da matéria: Bitcoin, Ethereum e Solana desabam e R$ 1 bilhão são liquidados do mercado em uma hora

Bitcoin, Ethereum e Solana desabam e R$ 1 bilhão são liquidados do mercado em uma hora

O Bitcoin começou o dia cotado a US$ 71 mil; agora, seu preço desaba para a US$ 66 mil
Ilustração de mão segurando smartphone com logotipo da Toncoin

Toncoin (TON) bate recorde de preço e supera Cardano como 10ª cripto mais valiosa

O Toncoin (TON) da Open Network disparou nas últimas semanas e expulsou a Cardano do top 10 das criptomoedas