Imagem da matéria: Ubisoft vira a primeira grande empresa de jogos entrar no mercado de NFTs
Foto: Shutterstock

A Ubisoft foi a primeira grande empresa de videogames a se interessar pelo setor blockchain, testando protótipos de jogos cripto e apoiando startups nos últimos anos.

Agora, a gigante irá implementar tokens não fungíveis (ou NFTs, na sigla em inglês) em uma de suas maiores franquias em uma nova iniciativa que opera no blockchain Tezos.

Publicidade

Nesta terça-feira (7), a criadora do Assassin’s Creed e Just Dance anunciou Ubisoft Quartz, uma plataforma que permite que jogadores ganhem e adquiram itens internos do jogo que são tokenizados como NFTs no blockchain Tezos.

Quartz será lançada na versão para PC do Ghost Recon Breakpoint, o mais recente jogo on-line da famosa franquia de jogo de tiro.

A fase beta da Quartz será lançada nesta quinta-feira (9) nos Estados Unidos, Canadá, França, Alemanha, Espanha, Itália, Bélgica, Brasil e Austrália. Jogadores do Ghost Recon Breakpoint que atingiram o nível 5 de XP no jogo terão acesso às distribuições de NFTs.

A Ubisoft afirma que jogadores devem ter pelo menos 18 anos de idade para criarem uma carteira Tezos e usá-la com o jogo.

Publicidade

A Ubisoft se refere às distribuições de NFTs como “Digits” e planeja lançar NFTs gratuitos para jogadores iniciais nos dias 9, 12 e 15 de dezembro, com mais distribuições previstas para 2022.

Um infográfico mostra itens, como skins de armas e armaduras e equipamentos exclusivos, junto com uma mensagem que indica iniciativas futuras: “Este é apenas o começo…”.

Infográfico divulgado pela Ubisoft.

Um NFT atua como um recibo de um item digital comprovadamente escasso e, embora ilustrações digitais e fotos de perfis se tornaram populares, também podem representar itens de videogames.

Axie Infinity, o jogo de batalha de monstrinhos desenvolvido na Ethereum, é o maior nome do setor, gerando mais de US$ 3,6 milhões de volume negociado até hoje, de acordo com o site CryptoSlam.

Publicidade

“Ubisoft Quartz é o primeiro alicerce de nossa visão ambiciosa de desenvolver um verdadeiro metaverso”, afirmou Nicolas Pouard, vice-presidente do laboratório de inovações estratégicas da Ubisoft, em um comunicado de imprensa.

“E não pode se concretizar sem a superação das limitações da forma primitiva do blockchain para jogos, incluindo a escalabilidade e o consumo de energia.”

Grande parte do anúncio da Ubisoft destaca a diferença no impacto ambiental entre o blockchain proof of stake (PoS) Tezos e o consumidor de energia Bitcoin.

Tezos afirma que uma única transação em sua rede usa “mais de 2 milhões de energia a menos” do que o Bitcoin, a rede da principal criptomoeda do mercado.

Também sugere que uma única transação na Tezos utiliza energia suficiente para reproduzir um vídeo de 30 segundos enquanto uma transação no Bitcoin pode equivaler a um ano completo e ininterrupto de streaming de uma filmagem em vídeo.

Publicidade

O aparente impacto ambiental da tecnologia blockchain gerou críticas no mercado tradicional de videogames no passado, incluindo um acontecimento recente, quando o jogo de terror Dead by Daylight anunciou planos de lançar um novo personagem na forma de um NFT.

A Ubisoft começou a explorar o setor cripto e NFT há alguns anos, desenvolvendo um protótipo de jogo parecido com o Minecraft e chamado HashCraft em 2019.

Desde então, a Ubisoft trabalhou com diversas startups cripto por meio de seu programa de aceleração de empreendedores, além de apoiar projetos como Axie Infinity, Nine Chronicles e NBA Top Shot. Em abril deste ano, também se tornou uma validadora corporativa da rede Tezos.

Embora HashCraft nunca tenha sido lançado, a Ubisoft lançou alguns pequenos experimentos no setor: o projeto NFT focado na caridade Rabbids Token, bem como One Shot League, uma versão do jogo de futebol virtual em NFT Sorare.

Em outubro, a Ubisoft fez seu primeiro investimento em uma startup cripto, participando da rodada de financiamento de US$ 65 milhões da Animoca Brands e afirmando que possui planos de trabalhar com a empresa no lançamento de jogos NFT.

Outras grandes empresas de jogos estão analisando o setor: Square Enix anunciou, em novembro, que tem planos de desenvolver jogos NFT enquanto Andrew Wilson, CEO da Electronic Arts (ou EA), descreveu NFTs como “uma parte importante do futuro de nossa indústria”.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Um complexo emaranhado entre bancos centrais em relação ao iene levará a uma frenética impressão de dinheiro, elevando o preço do Bitcoin, diz o cofundador da BitMEX
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

GameStop e AMC desabam com fim da euforia do retorno de Roaring Kitty

As ações memes da GameStop e AMC caíram drasticamente após a abertura dos mercados dos EUA na quinta-feira, recuando pelo menos 15%
Imagem da matéria: Bitcoin salta 6% e supera US$ 66 mil conforme a inflação desacelera nos EUA

Bitcoin salta 6% e supera US$ 66 mil conforme a inflação desacelera nos EUA

“Os números do CPI dos EUA desencadearam uma ruptura na faixa de ativos de risco”, disse a empresa de Cingapura QCP Capital sobre a alta do Bitcoin
Imagem da matéria: BNDES planeja lançar em agosto o piloto da Rede Blockchain Brasil

BNDES planeja lançar em agosto o piloto da Rede Blockchain Brasil

Blockchain deve chegar com casos de uso: diploma digital pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa e uma cadeia de custódia de provas