Imagem da matéria: Twitter troca símbolo da rede social por cachorro que inspirou Dogecoin e token dispara 20%
Elon Musk em montagem com o símbolo da Dogecoin (Reprodução/Decrypt/Twitter)

O preço do token Dogecoin (DOGE) está disparando na tarde desta segunda-feira (3) depois que o mascote da criptomoeda meme foi incluída em uma referência peculiar no Twitter.

Alguns usuários que visitam o site foram recebidos com o logotipo de um cão da raça Shiba Inu, na qual o token se baseia, em vez do tradicional logotipo do pássaro azul da rede social.

Publicidade

A mudança ainda não aparece para todos os usuários. Ainda não está claro se trata-se de algum novo recurso da plataforma social ou se é apenas mais uma piada do bilionário Elon Musk, dono do Twitter e fã da memecoin.

Pouco minutos após a mudança, Musk tuitou uma imagem enigmática:

A inclusão do mascote do Dogecoin fez com que o preço do token subisse à medida que as pessoas tomavam conhecimento da referência. O Dogecoin subiu mais de 20% para cerca de US$ 0,092, atingindo seu preço mais alto em mais de um mês, de acordo com o CoinGecko.

Quando solicitado a comentar sobre a inclusão do mascote, o Twitter respondeu ao Decrypt com um emoji de cocô.

Processo de US$ 258 bilhões

Musk é atualmente alvo de um processo de US$ 258 bilhões que o acusa de promover um esquema de pirâmide para impulsionar a DOGE e vinha tentando obter a nulidade da ação judicial.

Em documento registrado na noite de sexta-feira (31) em um tribunal federal de Manhattan, advogados de Musk classificaram o processo movido por investidores de Dogecoin como “obra de ficção” sobre os “tuítes inócuos e muitas vezes tolos” do empresário sobre o token, informou a Reuters.

Publicidade

“Não há nada de ilegal em tuitar palavras de apoio ou imagens engraçadas sobre uma criptomoeda legítima que continua a deter um valor de mercado de quase US$ 10 bilhões”, disseram os advogados de Musk, pedindo que os juízes arquivem o processo.

O bilionário, que também é dono de outras empresas como a Tesla e a Space X, costuma fazer referências constantes à criptomoeda. Em agosto, por exemplo, durante participação no podcast Full Send, ele explicou os motivos de ter virado o maior divulgador do token:

“O principal motivo de eu apoiar Doge, francamente, é por conta dos memes e cachorros e de um senso de humor de não se levar muito a sério”, afirmou.

O empresário ainda disse o motivo pelo qual passou a preferir Dogecoin em relação ao Bitcoin. “Doge foi feita para ser uma moeda-piada ridícula, mas na verdade a capacidade transacional total de Doge é muito maior que a do Bitcoin”.

Publicidade

O empresário certa vez se chamou de “Dogefather”, e seus tweets impactaram os movimentos de preços da Dogecoin, ajudando a levar a criptomoeda a uma alta histórica em maio de 2021.

No ano passado, logo após tornar público seu interesse em comprar o Twitter, Musk sugeriu que a plataforma de mídia social poderia se tornar uma espécie de “super aplicativo” semelhante ao WeChat da China. Isso significaria integrar os pagamentos à plataforma, uma perspectiva já havia entusiasmado os apoiadores de DOGE.

*Traduzido com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: PUPS sobe 81% em meio à briga por título de "primeira memecoin" do Bitcoin

PUPS sobe 81% em meio à briga por título de “primeira memecoin” do Bitcoin

A memecoin PUPS se vendeu como a primeira memecoin baseada na rede do Bitcoin, mas nem todos concordam
Imagem da matéria: Transfero se une à Fuse Capital e lança joint venture para modernizar mercado financeiro com blockchain

Transfero se une à Fuse Capital e lança joint venture para modernizar mercado financeiro com blockchain

BRX Finance busca aproveitar as potencialidades da blockchain para criar uma infraestrutura financeira mais eficiente, acessível e transparente para todos os brasileiros
Logotipo OKX ao fundo tela trading

OKX lança rede Ethereum de segunda camada para desafiar a Base da Coinbase

Uma rede de escalonamento Ethereum de segunda camada construída pela OKX lançou a rede principal, abrindo caminho para novos usuários
Imagem da matéria: PF prende hacker que vendia dados de 223 milhões de brasileiros por criptomoedas

PF prende hacker que vendia dados de 223 milhões de brasileiros por criptomoedas

“Vandathegod” foi responsável pelo maior vazamento de dados da história do Brasil