Imagem da matéria: Três altcoins que dispararam enquanto Ethereum e Bitcoin caíram
Foto: Shutterstock

Como os mercados globais de criptomoedas perderam 1,5% de sua capitalização de mercado na noite passada, várias altcoins relevantes também despencaram. No entanto, o movimento do mercado não apagou os ganhos recentes de criptomoedas como Solana (SOL), Terra (LUNA) e Algorand (ALGO).

Solana subiu 27,56% desde a semana passada e seus detentores ainda desfrutam de cerca de 7% de valorização, no momento do texto, após o movimento noturno, uma vez que ela é negociada perto da casa dos US$ 190 na tarde deste sábado (11) — No mês passado, a Solana valia US$ 39. 

Publicidade

A performance de hoje não é novidade para Solana. No mês passado, a concorrente da Ethereum não estava nem entre as dez principais criptomoedas por capitalização de mercado. No início do mês, a SOL deu uma rasteira na Dogecoin e alcançou a sétima posição no mercado. Na última terça-feira, conquistou o top 6 ao ultrapassar o valor de mercado da XRP.

Solana não é a única moeda em uma rede de contratos inteligentes que alcançou grandes picos de preço. ALGO está com uma alta de 4% hoje e cerca de 75% mais valorizada do que na semana passada, sedo negociada em torno de US$ 2,10. Em agosto, Algorand era negociada a a US$ 0,88, o que significa que o valor da moeda triplicou neste período. 

No último dia 31, a Algorand anunciou que havia assinado um acordo de cooperação com a Koibanx, uma fintech de blockchain da América Latina, para desenvolverem uma infraestrutura de blockchain em El Salvador.

A altcoin Terra também resistiu bem à queda do mercado na noite passada. Ela é negociada a US$ 39 — 5% a mais em relação a sexta-feira, e aproximadamente 21% a mais do que na semana passada. 

Publicidade

A recuperação da Terra pode estar sendo reforçada pela antecipação de atualizações na rede que eram esperadas para o quarto trimestre. José Maria Macedo, sócio-fundador da empresa de pesquisas Delphi Digital, chama esses empreendimentos de ‘Terra Autumn’.

A atualização mais notável será a implantação da rede principal Columbus-5 neste mês. O lançamento do Col-5 foi originalmente agendado para quinta-feira, mas a equipe do Terra anunciou que será adiado por cerca de três semanas . 

Col-5 se integra com ao protocolo Inter Blockchain da Cosmos para permitir que Terra interaja com outros redes descentralizadas. Outras vantagens incluem troca simplificada entre stablecoins, queima e a capacidade dos stakers do LUNA de receber taxas de swap.

Enquanto isso, as duas criptomoedas líderes de mercado, bitcoin e ethereum, se desvalorizaram significativamente esta semana. O bitcoin caiu 9,3% e a Ethereum 15,2%. Respectivamente, os ativos são negociados no momento do texto a US$ 45.920 e US$ 3.335.

*Traduzido e editado com autorização da Decrypt.co

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Hacker se arrepende e planeja devolver R$ 365 milhões roubados de investidor de Bitcoin

Hacker se arrepende e planeja devolver R$ 365 milhões roubados de investidor de Bitcoin

O autor de um golpe de “envenenamento de endereço” parece estar pensando duas vezes depois de roubar US$ 71 milhões de um grande investidor
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin têm entrada de US$ 303 mi, impulsionados por Fidelity e Grayscale

Os fluxos de entrada de ETFs de Bitcoin à vista nos EUA atingiram uma alta de US$ 303 milhões em duas semanas, já que o preço do Bitcoin ultrapassou US$ 66 mil
Imagem da matéria: Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

As baleias de Bitcoin compraram avidamente a última queda; investidores de longo prazo agora aguardam a próxima alta para realizar lucros
Logo da ftx, dólares e bitcoin

Analistas preveem alta no mercado cripto com ressarcimento bilionário a clientes da FTX

A FTX deve cerca de US$ 11 bilhões a credores, mas a massa falida conseguiu levantar mais de US$ 14 bilhões