Imagem da matéria: TON salta 40% após Telegram afirmar que usará blockchain para dividir receita publicitária com usuários
Toncoin possui um fornecimento máximo de 5 bilhões de TON (Foto: Shutterstock)

A Toncoin (TON) disparou quase 40% nesta quarta-feira (28), para mais de US$ 2,92, após o gigante de mensagens Telegram revelar que começará a compartilhar, através da blockchain TON, as receitas de publicidade com proprietários de canais.

A informação foi dada pelo site CoinDesk, citando uma mensagem do fundador do aplicativo, Pavel Durov, em seu canal oficial. Segundo ele, a partir de março os pagamentos serão liquidados na blockchain TON, rede criada pela mesma empresa que fez o Telegram.

Publicidade

O movimento da TON ocorreu por volta das 10h (horário de Brasília) e desde então o ativo perdeu um pouco da força apresentada. Por volta do meio-dia, o token tinha ganhos de 22,5% no acumulado de 24 horas, cotado a US$ 2,66, segundo o CoinMarketCap.

Receitas para donos de canais

O aplicativo já havia apontado a intenção de compartilhar essas receitas de publicidade com os canais, que são perfis em que apenas o dono pode postar conteúdo para um grupo ilimitado de usuários assinantes.

“Canais de transmissão no Telegram geram 1 trilhão de visualizações mensalmente. Atualmente, apenas 10% dessas visualizações são monetizadas com Telegram Ads – uma ferramenta de promoção projetada tendo a privacidade em mente”, escreveu Durov em seu canal.

“Em março, a Telegram Ad Platform será aberta oficialmente a todos os anunciantes em quase uma centena de novos países. Os proprietários de canais nesses países começarão a receber 50% de qualquer receita que o Telegram obtiver com a exibição de anúncios em seus canais”, diz o texto.

Em julho de 2023, o Telegram afirmou ter cerca de 800 milhões de usuários mensais.

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de bitcoin à frente da bandeira de hong kong

Aprovação de ETFs de Bitcoin e Ethereum pode ocorrer segunda em Hong Kong

O esperado aceno regulatório abriria um dos maiores mercados financeiros do mundo para os ETFs de Bitcoin e Ethereum
Senado, Congresso, Câmara dos Deputados, Brasília, Parlamento

Segregação patrimonial no mercado cripto será tema de audiência pública na Câmara

Na justificativa para a audiência, o deputado Aureo Ribeiro disse que práticas adotadas por algumas exchanges despertam “graves preocupações”
Logotipo OKX ao fundo tela trading

OKX lança rede Ethereum de segunda camada para desafiar a Base da Coinbase

Uma rede de escalonamento Ethereum de segunda camada construída pela OKX lançou a rede principal, abrindo caminho para novos usuários
silhueta de homem com celular e logo da coinbase no fundo

Coinbase entra com recurso contra decisão em caso contra a SEC

Ao interpor o recurso, a Coinbase alega motivos substanciais para divergências de opinião, segundo disse o site The Block citando uma pessoa familiarizada com o caso